[BIT FRAUDE BREAKINGNEWS] Ministério Público compara InDeal e Unick Forex com esquema de pirâmide da Telexfree
Geral

[BIT FRAUDE BREAKINGNEWS] Ministério Público compara InDeal e Unick Forex com esquema de pirâmide da Telexfree

20 de fevereiro de 2019

Como evitar cair no golpe da moeda virtual

O MPF – Ministério Público Federal – está investigando um possível esquema de pirâmides instalado em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. Dentre as empresas envolvidas estão a Unick Forex e a InDeal.

cvm-suspeita-unick-piramide-financeira

Acusada de pirâmide, Unick Forex desafia CVM e continua com ofertas em criptomoedas

O procurador da República Celso Tres, numa entrevista cedida na segunda-feira (18) ao programa Gaúcha, da Rádio Gaúcha, disse que a criptomoeda não ter regulação não justifica essas empresas multiplicarem esses rendimentos da noite para o dia.

“Tivemos mês no ano passado que passou mais de R$100 milhões apenas de crédito de uma dessas empresas. (…) oferecem lá 15% de rendimento ao mês mais 5% de cada novo investidor que a pessoa levar para o sistema”.

O Procurador afirma que a investigação começou a partir de dados levantados pela Receita Federal, Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) e alguns outros órgãos, que forma levados espontaneamente pelas pessoas.

Apesar de serem alguns elementos iniciais, como afirma o próprio Procurador Federal, ele disse que tudo indica se tratar de “um caso clássico de pirâmide financeira”, como foi a Telexfree — que em 2013 foi desmantelada.

“(…) é a famosa pirâmide na qual há um motivo qualquer para alguém oferecer um grande rendimento de dinheiro, igual já tivemos um caso internacional, inclusive, que tinha americano envolvido. Foi a Telexfree no Brasil, que era ligações telefônicas a partir de anúncios, que as pessoas pagavam e ofereciam 200% de rendimento ao ano. Então aqui no caso é a criptomoeda”.

Leia mais clicando no link aqui.

E você, o que pensa a respeito?
Deixe a sua opinião.

Até o próximo post.

2 Comments

  • Reply Carlos Alberto Silva 21 de fevereiro de 2019 at 21:26

    Indicativos de fraude praticada pela empresa Indeal (quase tudo também se aplica à empresa Unick)

    → Capital social fictício: A empresa Indeal afirma ter capital social de R$ 100.000.000,00 (cem milhões de reais), e isso é absolutamente fora dos padrões para o tamanho da empresa, de nível regional. Indicativo de que o capital social nem sequer é integralizado e foi colocado em tal patamar apenas para dar a impressão de que seria uma empresa confiável àqueles que fossem consultar as informações da empresa;

    → Estrutura não condizente com o tamanho do capital e dos negócios: A empresa, mesmo afirmando ter tão volumoso capital social, demonstra ter uma estrutura bastante simples. Um escritório comum em Novo Hamburgo, apenas.

    → Ausência de profissionais capacitados: Empresa de tamanho valor, certamente teria uma grande estrutura e profissionais capacitados. Não é o que se vê quando não se encontra profissionais da própria empresa que “venderiam” o produto, bem como quando não se sabe de nenhum funcionário que seja especialista em mercado de capitais. Qual é o especialista que descobriu a maior oportunidade financeira de todos os tempos? Qual é a sua formação? Não se sabe.

    → Amadorismo: Também se percebe grande amadorismo em outras situações, como no fato de não terem respondido ao Jornal NH quando questionados sobre a reportagem feita em 19.01.2019. Se os ganhos da empresa fossem lícitos, não haveria nenhum motivo para que não se apresentassem. Pelo contrário, seria uma belíssima oportunidade de ganhar divulgação e novos clientes. Não foi a forma como os representantes da Indeal viram a situação. Após a reportagem, porém, a empresa emitiu um comunicado que beira ao infantil no aplicativo Whats’App. Pela forma de escrita do comunicado já é possível perceber que não se trata de uma empresa capacitada para gerir centenas de milhões de reais, mais um indicativo da fraude. Inúmeros erros de português, de pontuação, frases construídas de forma não condizente com uma empresa que trabalha no mercado de capitais.

    → Ausência de divulgação: Embora a empresa esteja oferecendo um serviço que promete revolucionar o mercado financeiro, com ganhos acima de qualquer outro da plataforma dos grandes bancos, além de ser uma empresa multimilionária, não faz nenhum tipo de propaganda e não fornece nenhuma informação sobre os investimentos em seu site – o qual nem sequer é acessível para quem não tem conta na empresa. Buscam se esconder e atuar apenas no “boca a boca”. Há vídeos de promoção da empresa no canal do Youtube que são feitos com a voz do “Google” (https://www.youtube.com/watch?v=wmloV5WpByI), mais um indicativo de que pessoas envolvidas tentam não se vincular à empresa para evitar futuros problemas judiciais.

    →Patrimônio do fundo: Não se sabe qual é o patrimônio do fundo de investimento, o que é básico para qualquer carteira que atua no mercado financeiro. Quanto a Indeal gerencia? Só a própria sabe. O normal para qualquer fundode investimentos seria que existissem documentos indicando tal dado, tanto atualmente quanto ao longo dos anos.

    → Qual é o investimento: Onde são investidos os valores? Em “criptoativos”? Mas em quais? Essa pergunta não é respondida pela empresa. Se a empresa fosse séria, divulgaria sem problemas os balancetes informando em que negociações lucraram. Tal dado não é fornecido justamente porque se fosse seria fácil desmascarar o golpe, comprovando que as transações não foram realizadas. Tudo indica que a empresa nem sequer investe os valores, apenas capta novos clientes e com o valor por estes aportado paga os antigos, no clássico sistema de pirâmide, já conhecido e aplicado em empresas (TelexFree, Bbom, etc.)

    → Rendimentos fora da realidade e prometidos por antecedência: nenhuma pessoa que conhece mercado financeiro investirá seu dinheiro nessas empresas, porque é fácil perceber que o rendimento é irreal e impossível. Um investimento, para ter rendimento tão elevado, teria de ser de elevado risco também, o que o sujeitaria a ficar no vermelho em alguns meses, por exemplo. É o que ocorre com todos os fundos de investimentos em ações que assumem grandes riscos. Não é o que acontece com a Indeal, que promete rendimento elevadíssimo antes mesmo que ele ocorra. Os rendimentos, ademais, são absolutamente maiores do que os de mercado. Vamos aos exemplos, ficará bem fácil entender: 1) Os fundos de investimento em ações que tiveram maior rendimentos no ano de 2018 renderam entre 28,8% e 62,6%, no ano inteiro. Esses fundos são gerenciados pelos maiores nomes do mercado de capitais (FONTE: https://www.infomoney.com.br/…/os-fundos-mais-rentaveis-de-…—e-o-que-os-gestores-esperam-para-2019). Ou seja, se houvesse de verdade investimento que rendesse 15% ao mês de maneira cotidiana, certamente tais fundos se interessariam e investiriam nisso, mas não é o que acontece. Os investidores da empresa que promete tal rendimento, por outro lado, logo seriam os mais famosos investidores do planeta, mas também não é o que ocorre. 2) Cálculo simples: se uma pessoa investir R$ 1.000,00 (mil reais) e passar a receber 15% de juros ao mês, considerando-se que mensalmente o valor sobre o qual incidirão os juros serão maiores, em 10 anos essa pessoa terá R$ 19.218.751.335,91. São mais de 19 bilhões de reais. Ou seja, se uma pessoa com 18 anos recebe seu primeiro salário, de singelos mil reais, e o investe todo, aos 28 anos terá 19 bilhões de reais no banco. Acreditam que isso seja possível? Vamos continuar. Se essa pessoa deixar o valor investido só mais 3 anos, até que o dinheiro esteja investido há 13 anos e ela tenha 31, ela somará R$ 2.943.387.358.978,37. Isso mesmo, quase 3 trilhões de reais. É mais do que o PIB do Brasil. Seria possível investir mil reais e em período tão curto de tempo ter esse rendimento? Seria o fim da aposentadoria, da previdência? Certamente não. Tal rendimento não se sustenta e não se sustentará. Logo aqueles que investiram não conseguirão mais sacar seu dinheiro (mesmo aqueles que já ganharam) e perderão tudo o que estiver investido. Chama a atenção também o fato de que a empresa promete o ganho antes dele ocorrer. Embora os contratos sejam mensais, a empresa promete para o mês seguinte o rendimento. E se a Indeal em determinado mês não conseguisse nem perto de 15% de rendimento, suportaria tal prejuízo? Não há tal precedente de promessa de rendimentos.

    → A pirâmide: Sabe-se que aqueles que hoje estão investindo têm recebido seus rendimentos. Contudo, isso é a tática para atrair mais vítimas. Se os que agora estão não recebessem mais pessoas não investiriam, faz parte do jogo. Ocorre que, a qualquer momento, não se poderá mais resgatar os valores e tudo aquilo que está investido se perderá.

    → Fugindo da fraude: Se você já investiu ou pensava em investir, não pense que tal texto quer te prejudicar ou te fazer permanecer preso aos grandes bancos, eu mesmo não faço isso, há inúmeros investimentos no mercado que fogem de tal padrão. Sugiro que, antes de continuar investindo, ou de investir em uma empresa como a Indeal, converse com aquelas pessoas que mais conhecem o mercado financeiro do teu convívio. Ou então procure profissionais da área. Absolutamente TODOS que forem analistas financeiros, novos ou velhos, com ou sem dinheiro, indicarão que não se deve investir em tal empresa. Fica uma dica de quem não ganha ou perde nada com isso, mas se preocupa com aqueles que estão à sua volta. Por fim, aos que já investiram, a única dica que posso dar é que, após isso, tentem retirar os valores que estão lá. Desejo-lhes sorte! Infelizmente muitos perderão todas as economias, sabendo-se que há na região pessoas que fizeram empréstimos e venderam bens para investir. Triste por tais pessoas, mas na obrigação de tentar ajudar ao menos alguns e diminuir os efeitos de tal situação, escrevo essa mensagem.

    • Reply Fernando Danker 9 de março de 2019 at 13:45

      Excelente comentário, Carlos Alberto Silva. O mais triste é nós sermos taxados como invejosos, burros ou até mesmo de desocupados quando alertamos os ‘investidores’ dessas empresas, que já estão tomados pela lavagem cerebral e ganância pelo dinheiro. Mas espero que, quando essas pirâmides ruírem, que tais aprendam com a lição e invistam por conta própria, o que é muito melhor do que confiar todo ou grande parte do patrimônio em empresas que não transparecem seriedade alguma.

    Leave a Reply

    CAPTCHA *