Qual o melhor investimento?

Quantas vezes você já se perguntou qual o melhor investimento para mim ou qual o melhor investimento para minha família?

Claro, que para se chegar nesta resposta, além de ter que responder umas tantas outras perguntas para si próprio, e para quem decidirá por qual investimento optar, será necessário responder muito mais outras perguntas, e antes mesmo de respondê-las, o que se faz muito importante, é ter feito a lição de casa para que sempre sobre dinheiro para investir, nunca se gastar tudo o que se tem e mais um pouco, e sempre estar no vermelho, o que nada mais, nada menos, seria estar alavacancado sempre, mês após mês, alguns até anos após anos, até quebrar de vez, e perder tudo que se tem, em casos extremos, lógico.

Dado que você poupou, poupa e poupará sempre, sobrou dinheiro, não ficou no vermelho, nem você e nem sua família, vamos as perguntas que você deve se fazer para decidir qual investimento optar:

1) Qual o prazo que você quer investir?

Se o prazo for médio, ou mesmo curto, não deve correr muito risco, evitar aplicações de renda variável, e muito menos operações alavancadas, aqueles onde cada real aportado vale por exemplo cinco reais, ou seja, vai se ganhar em cima de cinco, mas perder em cima de cinco.

Neste caso, seria melhor optar por aplicações de baixo / médio risco, como a boa e velha poupança, LCI (Letras de Crédito Imobiliário), Fundos de Renda Fixa com baixa taxa de administração ou até mesmo Tesouro Direto.

Agora se ao fazer suas contas, descontar os custos que vai ter com tal aplicação e verificar que a rentabilidade ficou maior do que na poupança, por exemplo, então valerá a pena pagar por tais custos.

A nossa taxa de juros está bem baixa nos últimos tempos, atualmente SELIC 7,25% com tendência de queda, logo deve-se prestar muito mais atenção nos custos dos investimentos, que são as taxas cobradas pelas instituições financeiras e impostos cobrados pelos governos. Isto faz uma tremenda diferença na hora da escolha do investimento.

Se o prazo para investir for longo, vários anos, e você suportar correr mais riscos, não ter medo de perder, em troca de rentabilidade maior, aplicações como Renda variável (bolsa de valores e afins), Fundos Multimercados, FII (Fundos de Investimentos Imobiliários) ou até mesmo arriscar mais ainda, se conhecendo o que se faz, claro, ou pagar para alguém que conheça, seja um especialista autonônomo ou um área de um banco de investimentos, por exemplo, poderia investir/especular em mercado futuro, mercado de commodities, mercado a termo, enfim, mercado de derivativos, onde irá se deparar com risco de perdas elevadas para tentar obter ganhos elevados.

2) Quanto você quer investir?

Se for pouco dinheiro, não se esqueça, que custos da aplicação comerão boa parte do seu retorno, tanto na renda fixa como variável.

Neste caso é imprescindível que sejam aplicações onde não se tenha custos, alguns exemplos foram citadas no item 1), exceto, claro, que mesmo pagando por tais custos, você ganhe mais do que nas aplicações que não cobram, sendo assim, você vai ter que fazer contas, ir para o excel, para calculadora, para o caderno, para a prancheta, para o “papel de pão” (rascunho), para onde de quiser, mas vai ter que calcular, anotar e chegar nas suas conclusões.

É bom evitar ficar fazendo contas só de cabeça, pois elas são enganosas.

3) Você vai ficar sem dormir se perder este dinheiro investido?

Se perder o dinheiro investido vai fazer você perder o seu sono, vai te trazer problemas financeiros familiares? Se sim, você deve correr o menor risco possível.

Caso não vá te fazer falta, você aceita perder, em troca de ganhar mais do que aplicações mais convencionais de baixo risco, então, você pode aceitar aplicações de médio e alto risco, como as citada no final do item 1).

No final das contas, o investimento ideal será aquele que está de acordo com o prazo que você quer investir, de acordo com o prazo que você pode investir, com suas preferências pessoais e conhecimento da mecânica do mercado em suas diversas nuances e do tanto de risco que você suporta correr, dado tudo isto, será o ponto onde você vai montar sua estratégia de investimentos, seja no curto, médio ou longo prazo, nunca se esquecendo que o objetivo ao longo dos anos é fazer o patrimônio sempre crescer, e sempre poupar ciência do que se pretende fazer com dinheiro no futuro, tudo que se lê e recomenda é que o dinheiro não deve ser um fim, mas sim um meio.

Embora existam pessoas que para elas o dinheiro é fim, a adrenalina do “game”, ganhar mais e mais dinheiro, acumular mais patrimônio no transcorrer dos anos, a faça sorrir, a faça viver bem, a faça viver satisfeita.

Como diz o ditado, “cada cabeça, uma sentença”.

E para quem quer poupar, ou continuar poupando, vale uma frase do livro Pai Rico Pai, Pobre Robert Kiyosaki e Sharon Lechter (2004):

“Crie bons hábitos, especialmente na área financeira. Pague a você mesmo (em economias ou investimentos), antes de fazer qualquer outra coisa com seu dinheiro.”

Até o próximo post.

There are 5 comments left Go To Comment

  1. Vilmar / Post Author

    Exame ‏@exame_com 9 min
    Há 9 minutos
    Qual o melhor investimento para aplicar menos de R$ 1 mil?
    http://abr.ai/1Kl3ftx

  2. REgina /

    Olha o que achei:
    Um novo conceito… A escolha é nossa! Todas empresas em uma única plataforma!
    Uma startup que olha para o consumidor, e que agrega inteligencia aos serviços financeiros
    Quem dera já tivéssemos esse serviço antes! Fica bem mais fácil a escolha!
    http://www.avante.com/

    Achei o vídeozinho que explica bem melhor e de forma mais didática!
    http://www.youtube.com/watch?v=Kfx-aOm3H7Y

    Quem puder: EXCELENTE leitura e dica!

    1. Vilmar /

      Eu não conhecia esta empresa e site.
      O que ela faz é como a XP Corretora, ou seja, uma espécie de intermediamento entre comprador e vendedor, um super mercado, só que diferente da XP que oferece investimentos, vocês oferecem consórcios, seria isto?

  3. Juliano /

    Dentre as alternativas de investimento a que mais gostei é da Mutual, já que o investimento rende 1,32% e ainda dá para escolher valor e prazo da aplicação. Fiz um investimento com resgates mensais.

    1. Vilmar /

      Não conheço.
      É fundo de investimento?
      Qual aporte mínimo? Tem liquidez de quanto tempo?
      Pesquisei no google, mas só encontrei Mutual Seguro.

Leave a Reply

CAPTCHA *