‘Money’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: money

    Convidados

    7 aplicativos para controle de gastos: cuide do seu dinheiro em 2019

    18 de dezembro de 2018

    7 aplicativos para controle de gastos: cuide do seu dinheiro em 2019

    Com a proximidade de 2019, é bastante comum que as pessoas comecem a fazer uma retrospectiva sobre tudo que ocorreu nos últimos meses. São pontuados as conquistas, os erros e também os objetivos almejados para o próximo ano.

    Se você não conseguiu ter um bom controle de gastos em 2018, aproveite o momento para se reorganizar e fazer o seu dinheiro conquistar resultados positivos.

    Pensando nisso, reunimos alguns aplicativos que podem te ajudar a controlar os seus gastos em tempo real, melhorando a cada dia a sua saúde financeira.

    • 1) GuiaBolso – aplicativo sem nenhum custo
    • O aplicativo GuiaBolso é uma boa opção gratuita onde é possível sincronizar mais de uma conta ou cartão. No entanto, caso queira, também é possível registrar manualmente os gastos e as receitas.

      Cada transação é categorizada automaticamente pelos marcadores do aplicativo, como por exemplo: Lazer, Transporte e Alimentação.

      Para quem se interessar, o GuiaBolso oferece uma simulação de empréstimos e consulta sobre a situação do CPF.

    • 2) Organizze – com versão empresarial
    • A ferramenta online Organizze vem facilitando a vida de muitas pessoas. É possível escolher a versão gratuita ou paga. Além disso, é possível utilizar o aplicativo com a internet desabilitada. Ele consegue salvar todas as informações e as transfere assim que a conexão for estabelecida.

      As empresas e startups também podem fazer controle das finanças com o Organizze. Com ele, é possível acompanhar os relatórios das contas a pagar e receber, armazenar os dados dos clientes e fornecedores, emitir notas fiscais e acompanhar a saúde da empresa com relatórios e gráficos fáceis de entender.

    • 3) Minhas economias – gerenciador de sonhos
    • O aplicativo Minhas economias organiza as contas pessoais e seu orçamento. É possível controlar os gastos e verificar como anda a saúde financeira através de relatórios e gráficos.

      O interessante deste aplicativo é o gerenciador de sonhos que ajuda as pessoas no controle de gastos para conseguir poupar dinheiro para alcançar um objetivo específico.

    • 4) Mobills – gerenciador financeiro gratuito
    • Com o aplicativo Mobills, você pode configurar para receber lembretes por e-mail ou notificação no aplicativo de contas que estão para vencer.

      Você pode utilizar a versão gratuita ou paga. Além de acessar pelo aplicativo, também é possível utilizar o Mobills pelo computador.

    • 5) Moni – exclusivo para iOS
    • O aplicativo Moni foi desenvolvido para gerenciar gastos e controlar suas despesas.

      Não é possível categorizar as despesas, mas é possível organizá-las numa lista, e registrar comentários para cada gasto ou entrada de capital.

    • 6) Wally – facilidade no controle de gastos
    • O aplicativo Wally é bastante fácil de utilizar. Você vai precisar registrar a sua receita e as suas despesas. Desta forma, o aplicativo consegue apresentar o seu orçamento diário e onde você gasta mais o seu dinheiro.

      O interessante deste aplicativo é que possui um scanner de recibos. Com isso, você pode digitalizar esses recibos e jogar fora todos os papéis posteriormente. Não existe versão paga deste aplicativo, ou seja, todas as funcionalidades são gratuitas.

    • 7) Meu dinheiro – metas de economia
    • Ao logar no aplicativo Meu dinheiro, é possível controlar as contas a pagar, a receber, fluxo de caixa, saldos, faturas de cartões de crédito, metas e orçamentos.

      É possível cadastrar todos os lançamentos e verificar no gráfico as despesas e receitas de diversas categorias. Esta ferramenta pode ser utilizada para controle financeiro pessoal e empresarial.

      No geral, esses aplicativos de controle de gastos são excelentes oportunidades para você verificar onde está gastando mais, e com isso conseguir economizar.

      Assim que você conseguir economizar nos seus gastos, e juntar um valor significativo, é interessante realizar um investimento em opções mais rentáveis que a poupança.

      A poupança não possuir um bom rendimento, esta estratégia pode ser interessante para as pessoas que estão começando a juntar dinheiro e precisam de uma alternativa segura para guardá-lo.

      O ideal é buscar opções mais rentáveis, seja na renda fixa ou seja na variável. Tesouro Direto, CDB, Letras de Crédito e a Bolsa de Valores oferecem oportunidades que podem render mais que a caderneta e ajudar quem deseja realizar grandes sonhos.

    Frases

    Frases e pensamentos – parte 22

    21 de agosto de 2018

    Vamos para a parte 22 desta de série de posts onde compartilharmos frases e pensamentos do mercado financeiro.

    “As pessoas gastam o dinheiro que não têm, para comprar coisas de que elas não precisam, para impressionar pessoas com quem elas não se importam.”
    Autor desconhecido

    “Ninguém gasta o dinheiro dos outros (impostos) com o mesmo cuidado com o que gasta o próprio.”
    Milton Friedman
    Ninguém gasta o dinheiro dos outros (impostos) com o mesmo cuidado com o que gasta o próprio.

    “Existem apenas quatro maneiras de você poder gastar seu dinheiro. Você pode gastá-lo com você mesmo. Quando você faz isso, e você pode realmente ver o que está fazendo com ele, você tenta usá-lo da melhor forma possível. Mas você pode gastar seu dinheiro com outra pessoa. Por exemplo, eu compro um presente de aniversário para alguém. Bem, eu não estou preocupado com a eficácia satisfatória do presente, mas estou atento quanto ao seu custo. Então, eu posso gastar o dinheiro alheio comigo mesmo. E se eu gasto o dinheiro alheio comigo mesmo, então eu tenho certeza de que terei um bom almoço! Finalmente, eu posso gastar o dinheiro de alguém com outro alguém. E se eu gasto o dinheiro de alguém com outro alguém, eu não me importo com o custo e não me importo com o que conseguirei satisfazer. E isso é o governo.”
    Milton Friedman

    “Eu deveria ganhar mais…”
    Na verdade o problema não é quanto você ganha e sim o quanto você gasta. Não adianta nada ganhar mais se você continuar gastando mais do que pode. A mudança vem de você e não do seu salário. Pense nisso!
    8 frases clássicas de quem gasta mais do que ganha

    Leia também:

    Frases e pensamentos – parte 21

    Até o próximo post.

    Geral

    CNNMoney: 5 sinais de que você está destruindo suas finanças

    9 de maio de 2018

    É sempre bom guardar parte do dia para anotar os gastos, olhar o rendimento dos investimentos e colocar em uma planilha tudo o que precisa ser planejado financeiramente pode ser complicado. Isso porque na correria do dia a dia, as suas finanças acabam sendo deixadas para trás, ficando em segundo plano, porém é preciso torná-las um hábito.
    Não acompanhar para onde a sua grana está indo é uma das formas mais fáceis de perdê-la! Pensando sobre isto, Maurie Backman, do The Motley Fool, elaborou uma lista com cinco sinais que podem estar destruindo as chances de você ter uma estabilidade financeira.

    Queimar dinheiro é loucura

    Confira tais dicas a seguir:

    1 – Você gasta todo o seu salário

    Se você gasta o seu salário todos os meses está na hora de cortar pelo menos uma das grandes despesas para deixar uma quantia guardada para possíveis surpresas. Você pode fazer um trabalho freelancer para ganhar um dinheiro extra, mudar para uma casa menor, reduzir para um carro etc. Especialistas recomendam que você tenha um dinheiro de emergência que cubra pelo menos três meses de desemprego.

    2 – Você não está guardando dinheiro para a aposentadoria

    Se você ainda não começou a pensar na aposentadoria, está na hora de priorizar o seu futuro antes de que você perca o poder dos juros compostos. Idealmente, você deveria guardar no mínimo 15% da sua renda para quando se aposentar, mas se você não está acostumado a economizar nada, você não conseguirá ir de 0% a 15% da noite para o dia.

    3 – Você está sempre acumulando dívida do seu cartão de crédito

    As dívidas de cartão de crédito são o pior tipo de dívida que você pode ter e, quanto mais tempo você carregá-las, maior serão os juros que você terá que pagar. Se você se sente confortável com essa dívida, então está na hora de repensar o seu uso do plástico e talvez até mudar para o sistema de “só dinheiro” na carteira de forma a balancear suas contas.

    4 – Você não faz ideia do seu extrato bancário

    Um estudo recente mostrou que metade dos adultos dos EUA não checam seus extratos bancários há seis meses. Isso porém, é um erro, visto que um grande número de extratos contém erros que podem aumentar ainda mais a sua fatura no final do mês.

    5 – Você não tem um orçamento

    Muitas pessoas não seguem um orçamento, mesmo sendo a forma mais fácil e efetiva de controlar as finanças. Sem um orçamento fica mais difícil de ver para onde o dinheiro está indo e mais, como será possível cortar alguns gastos. Ao listar suas despesas mensais e ver que extrapolam a sua renda, você saberá que algo precisa ser ajustado – o que não é possível perceber sem um orçamento.
    fonte de consulta: 5 signs you need to clean up your finances

    Até mais.

    Geral

    Ex-executiva de Wall Street revela o que gostaria que todos soubessem sobre dinheiro

    28 de novembro de 2016

    No artigo Former Wall Street executive Sallie Krawcheck shares the simple wisdom she wishes everyone knew about money uma ex-executiva de Wall Street revela o que gostaria que todos soubessem sobre dinheiro. Para ela as pessoas precisam entender mais sobre empoderamento financeiro.

    Entender de dinheiro pode ser complicado. Entre fazer um orçamento, investir e poupar para o futuro, sem dúvida, há muitos detalhes para se manter atento, porém Sallie Krawchek afirma que todos os jargões podem ser resumidos em uma única verdade, especialmente para as mulheres: “dinheiro é poder”.

    “Ouvimos com tanta frequência o termo empoderamento, empoderamento significa, na verdade, meios para receber poder”, comenta a ex-executiva de Wall Street.
    Assim, seja por meio de uma promoção no trabalho, ou sendo chefe de uma família, ter dinheiro é uma medida de poder, ela completa.

    Sallie comenta, ainda da diferencia salarial por gênero nos EUA, que faz com que uma mulher recebe apenas 80% daquilo que um homem recebe pelo mesmo emprego:
    – Nós fizemos progresso, mas agora ele está parado.

    Desta forma, o conselho dela para as mulheres, o qual serve para qualquer pessoa, é manter controle das suas próprias finanças. Isso pode ser feito de várias maneiras: desde pedindo uma promoção, começando a investir ou colocando as próprias finanças em ordem.

    A executiva apela para que todos comecem a investir o quanto antes, pois essa é a maneira mais eficiente de ver o próprio patrimônio crescendo no médio e longo prazo e se aproveitando do poder que o dinheiro traz.

    Sallie Krawcheck - What it boils down to: Money is power.

    Até mais.

    Geral

    Falar sobre dinheiro ainda é tabu

    16 de março de 2016

    Afinal de contas qual é o impacto do dinheiro na vida das pessoas? Qual a relação que o dinheiro tem com nossa sociedade, ou seja, com a confiança, a doação e a gratidão?

    O ser humano cria símbolos e significados em relação ao dinheiro e estes elementos impactam os pensamentos, os sentimentos e as ações.

    A conversa sobre grana vai além da falta de educação financeira e problemas como a falta ou descontrole com as finanças pessoais. Se faz necessário enxergar o dinheiro como mais um ingrediente das relações, e como tomar consciência do quanto ele influencia nas decisões e ganha diferentes contornos na nossa história.
    Não deixa para falar de dinheiro apenas quando ele acabar ou quando o seu casamento já estiver em ruínas devido à falta do mesmo. Muitos casais tem grande dificuldade sobre falar sobre o assunto, fato que o torna um verdadeiro tabu.

    Para ajudar na desmitificação do uso do dinheiro seria legal você conferir:

    Podcast: 78 – POR QUE FALAR DE DINHEIRO É TABU?

    Livro – Crash!: Uma Breve História da Economia – Da Grécia Antiga ao Século XXI
    Alexandre Versignassi

    GranaCast | O seu podcast em finanças!

    Até mais.

    Frases

    Frases e pensamentos – parte 20

    5 de março de 2016

    Vamos para a parte 20 desta de série de posts onde compartilharmos frases e pensamentos do mercado financeiro.

    1. “Treine enquanto eles dormem, estude enquanto eles se divertem, persista enquanto eles descansam, e então, viva o que eles sonham.”
      Provérbio Japonês
      proverbio-japones-viva-o-que-eles-sonham

       

    2. “Para ser um investidor acima da média, você deve manter a bola em jogo com mais frequência do que os seus rivais.”
      J. Burton, Market Watch.

       

    3. “Um crescimento infinito é incompatível com um mundo finito. Quem acredita nisso ou é louco ou é economista”
      Frase célebre do vídeo Money as Debit(Dinheiro como Dívida)

       

    4. “Nenhum governo aceita que é o responsável por uma inflação. Sempre arranjam alguma desculpa – comerciantes gananciosos, sindicatos turrões, consumidores compulsivos, árabes e a chuva. Sem dúvida que comerciantes são gananciosos, sindicatos são duros, consumidores são compulsivos, árabes aumentam o preço do petróleo e, de vez em quando, chove mesmo. Todos esses agentes têm como produzir preços altos para certos itens; mas não são capazes de fazer isso com tudo o que existe. Eles até podem causar subidas e descidas temporárias na taxa de inflação. Mas não têm como dar início a uma inflação contínua. Por um motivo simples: nenhum desses supostos culpados pela inflação tem as impressoras que produzem aquilo que a gente carrega na carteira.”
      Milton Friedman

       

    5. “Só quando a última árvore for derrubada, o último peixe for morto e o último rio for poluído é que o homem perceberá que não pode comer dinheiro.”
      Provérbio Indígena

       

    6. “Há apenas duas coisas com o que você deve se preocupar: se você está bem ou se você está doente. Se você está bem, não há nada com que se preocupar. Se você está doente há duas coisas com que se preocupar: se você vai se curar ou se vai morrer. Se você vai se curar, não há com que se preocupar. Se você vai morrer, há duas coisas com que se preocupar: se você vai para o céu ou para o inferno. Se for para o céu, não há com que se preocupar. Agora, se você for para o inferno, estará tão ocupado em cumprimentar velhos amigos que nem terá tempo de se preocupar.
      Então, para que se preocupar?”

      Provérbio Chinês
      provérbio chinês: há apenas duas coisas com o que você deve se preocupar

       

    7. “Por maior que seja o buraco em que você se encontra, sorria, porque, por enquanto, ainda não há terra em cima.”
      Autor Desconhecido

       

    8. “Corra, ande e supere os seus obstáculos só assim seus inimigos se matam de ódio, porque estão vendo o seu sucesso.”
      Autor Desconhecido

       

    9. “Se o plano “A” não deu certo, não se preocupe, o alfabeto tem mais 25 letras para você tentar!”
      Eduardo Costa

       

    Até o próximo post.

    Geral

    Resumo Expomoney São Paulo 2013

    14 de setembro de 2013

    Há alguns anos eu tenho frequentado a Expomoney, grande evento de mercado financeiro, realizado todos os anos aqui na cidade de São Paulo/SP e em outras mais espalhadas pelo Brasil.
    A Expomoney é um circuito de eventos focado na Educação Financeira e nos Investimentos para a formação de investidores individuais.

    E lá se encontra conteúdo para pessoas que estejam dando seus primeiros passos no mercado financeiro, estudantes, curiosos, uma pessoa comum que apenas queira aprender mais sobre finanças pessoais e sair do vermelho, além de passar pelo pequeno, médio e grande investidor, etc…

    Com certeza ninguém ficará desamparado neste tipo de evento, que tem para todos os gostos, dentro do escopo a que se propõe. Eu recomendo fortemente a visita ao mesmo.

    Como este ano que passou eu precisei fazer um relatório para a pós-graduação que comecei a fazer em finanças, eu tive a ideia de desmembrar a parte do relatório e deixar apenas a parte do conteúdo para compartilhar com quem tiver interesse em ter um resumo do que presenciei por lá em 2 dias de eventos que tive presente.

    Geralmente são 3 dias de evento em São Paulo/SP, quinta-feira à sábado. Eu estive este ano apenas no sábado.

    Este ano poderia ter sido bem melhor. Me parece que tiveram espaço reduzido no Transamerica Expo Center e menos convidados de peso.

    Em especial eu gostei muito desta palestra aqui:
    14h00 – 15h00
    Tristezas Não Pagam Dívidas*
    Vera Lucia Remedi Pereira, Procon, Tatiana Filomensky, Psicóloga do HC
    *Observo que a Mara Luquet também esteve presente.

    Veja como foi a programação:
    http://adm.expomoney.com.br/www/grade/grade_sao.asp

    Clique aqui para ler o resumo

    Até o próximo post.

    Filmes

    Money as Debit(Dinheiro como Dívida)

    24 de julho de 2013

    Excelente vídeo, vale muito a pena conferir!
    Se trata de um interessante vídeo didático sobre a origem do dinheiro.
    Assista e entenda como funciona o dinheiro, os bancos, empréstimos, crises e crédito:

    Até o próximo post.

    Geral

    Resumo Expomoney São Paulo 2012

    29 de janeiro de 2013

    Há alguns anos eu tenho frequentado a Expomoney, grande evento de mercado financeiro, realizado todos os anos aqui na cidade de São Paulo/SP e em outras mais espalhadas pelo Brasil.
    A Expomoney é um circuito de eventos focado na Educação Financeira e nos Investimentos para a formação de investidores individuais.

    E lá se encontra conteúdo para pessoas que estejam dando seus primeiros passos no mercado financeiro, estudantes, curiosos, uma pessoa comum que apenas queira aprender mais sobre finanças pessoais e sair do vermelho, além de passar pelo pequeno, médio e grande investidor, etc…

    Com certeza ninguém ficará desamparado neste tipo de evento, que tem para todos os gostos, dentro do escopo a que se propõe. Eu recomendo fortemente a visita ao mesmo.

    Como este ano que passou eu precisei fazer um relatório para a pós-graduação que comecei a fazer em finanças, eu tive a ideia de desmembrar a parte do relatório e deixar apenas a parte do conteúdo para compartilhar com quem tiver interesse em ter um resumo do que presenciei por lá em 2 dias de eventos que tive presente.

    Geralmente são 3 dias de evento em São Paulo/SP, quinta-feira à sábado, eu estive na quinta e sábado.

    Clique aqui para ler o resumo

    Até o próximo post.