‘Bilionário’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: Bilionário

    O melhor investimento do mundo

    9 de setembro de 2019

    Mark Cuban, Dono do time de basquete Dallas Mavericks, diz que aprendeu que o dinheiro economizado em juros é melhor do que qualquer retorno com investimentos
    Mark Cuban explains how to make a 16% guaranteed return

    O bilionário Mark Cuban compartilhou o que considera o melhor investimento que todos devem fazer:
    – Pagar o seu cartão de crédito. Pagar qualquer dívida que você tenha. Isso qualquer um pode fazer.
    Ele disse isto em entrevista ao MarketWatch.

    Cuban assumiu que teve dificuldades com as contas de seu cartão de crédito quando tinha por volta de seus 20 anos.

    Ele diz que aprendeu da maneira mais difícil que o dinheiro economizado em juros por não ter dívida é melhor do que qualquer retorno que poderia obter investindo, seja no mercado de ações ou no setor imobiliário ou em outro lugar.

    “Qualquer que seja a taxa de juros que você paga – pode ser um empréstimo para estudantes com uma taxa de juros de 7% – se você pagar esse empréstimo, estará fazendo 7% para você, e não para o banco”, disse o bilionário

    “Esse é o seu retorno imediato, que é muito mais seguro do que tentar escolher uma ação ou tentar escolher imóveis, ou o que quer que seja “, completou.

    Nas dívidas de cartão de crédito, a taxa de juros poderá ser muito maior. No Brasil, o juro médio cobrado no rotativo do cartão de crédito é de 300,3% ao ano, segundo dados do Banco Central.

    Para evitar perder dinheiro pagando juros, Cuban recomenda abandonar completamente o cartão de crédito.

    “Usar um cartão de crédito é bom se você pagar no final do mês, sem atraso nenhum. Apenas reconheça que os 18%, 20% ou 30% que você está pagando em dívida com cartão de crédito vai custar muito mais do que você poderia ganhar em qualquer outro lugar”, explicou Cuban.

    E você, o que pensa a respeito?
    Deixe a sua opinião.

    Até o próximo post.

    The Billion Dollar Secret: 4 hábitos em comum na rotina dos bilionários

    15 de julho de 2019

    No livro "The Billion Dollar Secret: 20 Principles of Billionaire Wealth and Success", o autor, Rafael Badziag, diz que bilionários possuem diversos aspectos em comum

    Claro que os bilionários pelo mundo afora têm muitas diferenças, principalmente a natureza do negócio com que ganham dinheiro, porém o autor do livro “The Billion Dollar Secret: 20 Principles of Billionaire Wealth and Success”, Rafael Badziag, conseguiu, depois de compilar entrevistas com mais de 20 bilionários pelo mundo, traçar algumas semelhanças entre esses magnatas, principalmente no que diz respeito aos hábitos rotineiros.
    No mercado editorial há diversos livros sobre milionários e grandes fortunas no geral, mas o conhecimento presente nessas obras não é o suficiente para fazer você chegar ao nível de um bilionário. Este é o diferencial do livro de Badziag, que leva em conta apenas a rotina de bilionários “self made”: aqueles que conseguiram acumular mais de um bilhão de dólares.

    Apenas 1 em 5 milhões de pessoas pertencem a esse grupo de afortunados. Bilionários são extremamente raros e seu modo de pensar e viver a vida os diferem de um milionário comum. Veja a seguir certos hábitos que bilionários em geral dividem:

    1. Ter uma rotina matinal (isso inclui acordar muito cedo)
    2. O dia de um bilionário geralmente começa antes mesmo do nascer do sol. Badziag diz que a grande maioria deles acorda entre 5 e 6 da manhã.

      “É importante acordar cedo para que tenham tempo para si mesmos, enquanto não são incomodados por ligações de negócios que nunca cessam”

      Mas a rotina matinal vai muito além de apenas levantar mais cedo. Alguns deles usam o tempo extra para ler, se exercitar, levar os filhos para a escola, quase sempre a manhã é repleta de atividades mais caseiras e reservadas.

      “Basicamente todas as pessoas que eu entrevistei possuem uma rotina matinal, a qual eles seguem religiosamente”, diz Badziag em seu livro.

      A rotina matinal é praticada, também, por bilionários que não estão presente no livro do autor. Jeff Weiner, CEO do LinkedIn, já disse, em entrevista à CNN, que acorda todos os dias às 5:30 da manhã para meditar, se exercitar e levar seus filhos para a escola.

    3. Ler muito – e não apenas publicações sobre negócios e notícias
    4. Não há uma coisa “certa” para ler, afirma o autor. “Algum dos bilionários leem, sim, apenas artigos sobre negócios e jornais de economia, mas isso está longe de ser unanimidade. Alguns leem mais romances e poesia, por exemplo”. Mas uma coisa todos têm em comum: o hábito rotineiro da leitura.

      “A leitura constante ajuda a pessoa a entender melhor as coisas, consequentemente, melhora sua relação com os negócios”, completa Badziag.

      Bill Gates, outro bilionário que não está presente no livro, constantemente compartilha sua lista de leitura com todos. O “Summer Books 2019” do fundador da Microsoft inclui um romance sobre uma condenação perpetua em prisão domiciliar em um hotel em Moscou e um artigo de opinião de um economista sobre o futuro do capitalismo.

    5. Tirar um tempo para si mesmo
    6. Bilionários também precisam daquele momento a sós, seja para alinhar os pensamentos ou até mesmo meditar e relaxar.

      “Alguns meditam, outros saem para uma caminhada ou apenas tomam um ar fresco do lado de fora, mas o que conecta todos é a necessidade de ficar sozinho com seus próprios pensamentos e relaxar”, afirma Badziag

      Arianna Huffington, co-fundadora do The Huffington Post, afirma que sempre tira um dia da semana para relaxar. Já Marc Benioff, CEO da Salesforce, é um grande fã da meditação.

    7. Manter-se saudável
    8. Todos os bilionários entrevistados por Badziag mantêm uma rotina regular de exercícios – seja um treino de academia diário ou uma corrida no quarteirão, por exemplo.

      “Você deve estar fisicamente bem para manter sua performance intelectual impecável”, completa o autor.

      Outros bilionários confirmam a teoria. Mark Cuban, dono do time de basquete Dallas Mavericks e presidente da HDNet, afirma que faz treinos de cardio seis vezes por semana. Enquanto o investidor britânico Richard Branson já disse que todos os dias de manhã pratica um exercício, seja tênis, surf ou andar de bicicleta.

    E você, o que pensa a respeito?
    Deixe a sua opinião.

    Até o próximo post.

    Bilionários como Warren Buffett e Elon Musk provam se você não tem tempo para essas 6 pequenas coisas todos os dias, você nunca será bem sucedido

    8 de março de 2019

    Presidente da Alibaba alerta sobre bolha do bitcoin

    Bill Gates
    Self-made billionaires like Warren Buffett and Elon Musk prove if you don’t make time for these 6 little things every day, you’ll never be successful

    Todos devem saber de cor e salteado que o sucesso não vem fácil e certamente não acontece do dia para a noite, mas há pequenos hábitos que você pode fazer todos os dias para atingir seus objetivos profissionais.
    Alguns dos nomes de mais sucesso no mundo, como Warren Buffett, Oprah Winfrey, Mark Zuckerberg, entre outros consideram o sucesso um trabalho constante.

    O site CNBC fez uma lista de alguns destes hábitos para quem quiser praticar todos os dias e quem sabe ter sucesso na vida. São hábitos que essas pessoas que atingiram o sucesso têm em comum e alguns foram essenciais para atingir tal feito.

    1. Ler um livro que não esteja diretamente relacionado à sua carreira
    2. A leitura é uma das maneiras mais fáceis de experimentar a vida de outra perspectiva e desenvolver a empatia necessária para ser um líder eficaz. Mas é importante expandir seus conhecimentos além dos que você já possui.

      O CEO da Tesla, Elon Musk, por exemplo, inclui obras de ficção científica e biografias em sua lista de leitura. “Fui criado por livros. Livros e depois meus pais”, disse.

    3. Saia da zona de conforto
    4. Desenvolver a coragem de fazer algo fora de sua zona de conforto é um sinal de que você está evoluindo. Caso contrário, não irá muito longe.

      Se você odeia falar em público, seja o primeiro a falar na sua próxima reunião de equipe. Mesmo que fique nervoso a ponto de começar a transpirar, se arrisque. Com o tempo vai ficar mais fácil.

      Mark Zuckerberg passou anos aprendendo mandarim. Ele enfrentou várias dificuldades, mas hoje pode apresentar uma reunião neste idioma. Medo e crescimento não podem existir no mesmo espaço. Um precisa sair para que o outro possa entrar.

    5. Faça exercícios físicos
    6. Em seu estudo de cinco anos sobre pessoas ricas, o autor Tom Corley descobriu que o exercício era algo que todos eles tinham em comum. “Aqueles que têm o hábito de se exercitar têm muitas vantagens competitivas sobre aqueles que não o fazem”, afirma. Essas vantagens incluem maior QI, força de vontade, confiança e até 20% mais energia.

      Uma série de bilionários, incluindo Oprah Winfrey, Sheryl Sanberg e Richard Branson, incorporam exercícios em suas rotinas diárias. A pesquisa descobriu que pequenas quantidades de exercícios todos os dias podem ajudar significativamente a prolongar sua vida.

    7. Retribua favores
    8. As pessoas realmente bem-sucedidas entendem a importância de retribuir, especialmente para quem precisa. Em 2010, Bill e Melinda Gates e Warren Buffett começaram o Giving Pledge, uma iniciativa em que indivíduos e famílias ricas mais doaram boa parte de suas fortunas para causas como a redução da pobreza e a saúde global.

      Mas não precisa ser uma quantia enorme de dinheiro. Pode ser tão simples quanto oferecer ajuda a um colega sobrecarregado de trabalho ou a uma pessoa idosa com suas sacolas de compras. Se você está muito ocupado para devolver ou retribuir um favor, então você está ocupado demais para ter sucesso.

    9. Mantenha sua motivação pessoal
    10. Michael Jordan disse uma vez: “Eu jogo para vencer, seja durante os treinos ou em um jogo real”. O jogador de basquete profissional passou de um time do ensino médio para a NBA e criou uma das marcas esportivas mais valiosas da história.

      Deixar de perdoar e manter ressentimentos pode prejudicá-lo, mas reconhecer sua concorrência e os que duvidam de você (e também os que odeiam) podem ser poderosas formas de motivação. Ter consciência do que lhe motiva, estimula que faça tudo o possível para ter sucesso e provar que estão errados.

    11. Separe um tempo para andar e pensar
    12. Todos sabem que todos nós gastamos muito tempo em nossos smartphones. Mas muitos de nós não conseguem se desligar dos aparelhos, sair, andar e apenas pensar.

      Um estudo da Associação Americana de Psicologia descobriu que caminhadas ao ar livre podem aumentar a criatividade e melhorar as habilidades de resolução de problemas. “Deve ser benéfico incorporar caminhadas no dia a dia para a geração de novas ideias”, escreveram os pesquisadores.

      Mark Zuckerberg, Richard Branson, Sundar Pichai (CEO do Google) e Jeff Weiner (CEO do LinkedIn) também adoram fazer reuniões andando, pois ajuda a criar novos conceitos. “Acho que é uma maneira muito mais rápida de chegar aos negócios, tomar uma decisão e selar o acordo. Além disso, é uma ótima maneira de se exercitar um pouco e manter o foco em um dia agitado”, afirmou Branson.

    E você, o que pensa a respeito?
    Deixe a sua opinião.

    Até o próximo post.

    Presidente da Alibaba alerta sobre bolha do bitcoin

    25 de junho de 2018

    Nouriel Roubini: O bitcoin e outras criptomoedas representam a mãe de todas as bolhas

    Presidente da Alibaba adota blockchain, mas alerta sobre bolha do bitcoin - Jack Ma - Bloomberg

    Jack Ma, Presidente da Alibaba, declarou que o bitcoin poderia ser uma bolha e reiterou sua advertência sobre essa criptomoeda volátil nesta segunda-feira, quando sua Ant Financial lançou transferências de dinheiro com base em blockchain entre Hong Kong e as Filipinas.
    O fundador da Alibaba Group Holding exaltou as possibilidades do livro-razão descentralizado em que o bitcoin se baseia, porém advertiu que a moeda digital em si pode estar sendo impulsionada pela especulação intensa. Ma fez os comentários após o lançamento oficial de um serviço de remessas baseado em blockchain junto com o Standard Chartered e a GCash, o empreendimento da Ant com a Globe Telecom, das Filipinas.

    O bitcoin atingiu um novo valor mínimo para 2018 no domingo e depois se recuperou um pouco, o que destaca a volatilidade decorrente do maior escrutínio de órgãos reguladores, enquanto presidentes de bancos centrais e chefes de empresas de todo o mundo põem em dúvida sua viabilidade.

    “A tecnologia do blockchain poderia mudar nosso mundo mais do que as pessoas imaginam”, disse Ma a jornalistas na ex-colônia britânica, onde uma grande população de trabalhadores e empregados domésticos filipinos mandam dinheiro a seu país regularmente. “Contudo, o bitcoin poderia ser uma bolha.”

    A Ant Financial, uma afiliada da Alibaba financiada por alguns dos maiores nomes das finanças e dos investimentos globais, explora a tecnologia de blockchain há anos, entre outras coisas, para limpar as obscuras instituições de caridade da China. Mas o serviço de remessas é uma das primeiras instâncias em que a gigante da internet usa a tecnologia nas finanças tradicionais. Hoje, segunda-feira, Ma também criticou o setor bancário tradicional ao dizer que as instituições financeiras estavam cobrando muito pelos pagamentos no exterior. A Ant Financial, impedida de comprar a Moneygram International, agora quer construir algo melhor e extrapolar as remessas com base em blockchain apenas de Hong Kong às Filipinas. Ele não deu mais detalhes sobre isto.

    “As instituições financeiras tradicionais atendem a 20 por cento das pessoas e ganham 80 por cento dos lucros. Novas instituições financeiras devem atender a 80 por cento das pessoas e ganhar 20 por cento dos lucros”, disse Ma.
    Matéria original: Lulu Yilun Chen em Hong Kong, ychen447@bloomberg.net

    Leia também:

    Co-fundador Ethereum: Criptomoedas podem cair para quase zero a qualquer momento

    Até mais.

    Warren Buffett: 3 qualidades que todo investidor deve ter

    12 de junho de 2018

    Warren Buffett in a dark suit.
    3 Qualities Warren Buffett Says All Great Investors Should Have

    Warren Buffett é considerado por muitos o maior investidor de todos os tempos. Ele costuma compartilhar uma série de ensinamentos e dicas aos acionistas em suas cartas anuais da Berkshire Hathaway, em que é o CEO.
    Apesar de afirmar não saber o quanto a pessoa “já nasce sabendo” ou aprende a ser um grande investidor, Buffet explica que não é preciso ser extremamente inteligente para ser um bom investidor, mas que bons investidores têm determinadas qualidades que contribuem para o seu bom desempenho no mercado. O The Motley Fool listou 3 dessas características a partir das cartas anuais do bilionário:

    Ser realista

    “Você precisa ser realista. Você precisa definir o seu ciclo de competência e entender que algumas coisas você não sabe e não deve ser seduzido a isso”, afirma Buffett.

    Em outras palavras, para ser um grande investidor é preciso saber no que você é bom e o que você realmente não sabe. É por isso que ele não investe em empresas de tecnologia, por exemplo, porque entende que não conhece a indústria o suficiente para tomar boas decisões de investimentos. Por outro lado, empresas de seguros, bancos e de utilities são empresas que ele domina, por isso são encontradas no portfólio da Berkshire.

    Sede por conhecimento

    Muitos investidores se surpreendem com o fato de que Buffett passa a maior parte da sua carga horária lendo. Conhecido por recomendar seus melhores livros de investimentos aos acionistas da Berkshire Hathaway, o Oráculo de Omaha tem uma extensa lista de obras, com preferência pelos autores Benjamin Graham, de “O Investidor Inteligente”, e Phillip Fisher, de “Common Stocks and Uncommon Profits”.

    “Eu acredito que os livros que li e que moldaram o que penso sobre negócios e investimentos continuam válidos hoje. Eu não vejo nada que possa ser melhorado de Graham ou Fisher em termos de abordagem básica de investimentos, ou seja, sobre como tratar de ações e negócios e tomar boas decisões de investimentos”, diz.

    Não seguir a maioria

    Buffett já repetiu este conselho diversas vezes. Em sua carta aos acionistas em 2008, por exemplo, escreveu: “Tome cuidado com as estratégias de investimento que geram aplausos; os melhores movimentos são geralmente aqueles recebidos por bocejos”.

    O que o CEO da Berkshire Hathaway quer dizer, é que escolher ações só porque a maioria está investindo ou então sair do investimento – essa é uma estratégia que só resulta em perdas e geralmente leva a um baixo desempenho do investidor no mercado ao longo do tempo. “Não é um processo complicado, mas com certeza requer disciplina”, diz. E completa: “Exige um isolamento de si mesmo da opinião popular”.

    Leia também:

    Segredos de dinheiro que pessoas ricas e bem sucedidas sabem

    Até mais.

    Conselhos de milionários para inspirar e mudar rumos vida financeira

    9 de dezembro de 2016

    O Business Insider, portal de finanças gringo, através do artigo 10 habits of millionaires anyone can emulate listou alguns conselhos de atitutes que os milionários praticam e que qualquer um pode seguir o exemplo na jornada rumo ao sucesso financeiro.

    Para construir a própria riqueza não tem-se uma uma tarefa fácil, contudo certamente você consegue se estiver disposto a fazer sacrifícios e mudanças necessárias para alcançar o sucesso financeiro.

    Veja a lista a seguir:

    1) Seja motivado pela sua paixão

    “Uma pessoa pode ter sucesso em quase qualquer coisa desde que tenha entusiasmo ilimitado para o que está fazendo”, disse o fundador e presidente da empresa de corretagem Charles Schwab Corporation, Charles R. Schwab.

    Milionários tendem a saber pelo que são apaixonados e não têm medo de ir atrás disso. Por escolher caminhos que estão relacionados com suas paixões, eles se motivam todo dia, independente das dificuldades. Se você gosta do que faz é possível achar uma maneira de superar as dificuldades e desafios que inevitavelmente aparecem.

    2) Trabalhe duro, sem preguiça

    “O que separa o indivíduo talentoso do bem-sucedido é muito trabalho duro”, afirmou o escritor Stephen King. Não tem segredo. Você não consegue atingir o sucesso financeiro se tiver preguiça ou indisposição de correr atrás do que quer. Mesmo contando com a sorte, você tem que continuar trabalhando para manter sua riqueza.

    Há um equívoco comum em pensar que os empresários bem-sucedidos, por exemplo, nasceram para tal. Isso certamente não é verdade. Qualquer pessoa é capaz de alcançar o sucesso financeiro desde que se dedique e acredite no que está fazendo.

    3) Nunca pare de aprender

    Os milionários nunca param de aprender. De acordo com o estudo “Hábitos dos ricos: os hábitos diários do sucesso de indivíduos ricos”, escrito por Tom Corley, 85% dos milionários leem dois ou mais livros por mês. E não apenas qualquer tipo de livro, mas aqueles que promovem crescimento, como os de psicologia, negócios, liderança, ciência e biografias.

    Mark Zuckerberg, por exemplo, iniciou um clube de leitura online em 2015, onde os seguidores tinham que ler 2 livros por mês e discuti-los na página do Facebook. Se manter sempre aprendendo coisas novas é uma forma de manter também seu negócio funcionando e inovando na área.

    4) Invista seus recursos em pessoas bem-sucedidas

    Faz sentido investir em dinheiro e ativos que gerem renda, mas o que é mais importante e sábio é investir seu tempo, energia e atenção em pessoas bem-sucedidas. Faça um networking com milionários e pessoas bem-sucedidas e se ofereça para ajudar e aprender voluntariamente. Mostrar que está disposto a ajudar os outros a alcançar o que é importante para eles é que impulsiona seu próprio sucesso.

    5) Encontre um mentor

    Um mentor é alguém com mais experiência e conhecimento que pode orientar você para que alcance seus objetivos e resultados. Quando se está começando, os erros podem custar caro. Este é o momento quando um mentor se torna valioso. Os mentores podem dar ajudar e opinar, mas também fornecem incentivo e um feedback. Não é surpreendente que 93% dos entrevistados no estudo de Corley justificaram seu sucesso devido a ajuda de seus mentores.

    6) Tenha objetivos

    Milionários tendem a ter metas muito claras e prioridades que os ajuda a permanecer focados. Eles sabem o que precisa ser alcançado e quando precisa ser feito. Estão mais dispostos do que outros a percorrer um caminho extra e fazer o que é necessário para atingir seus objetivos. Eles não só trabalham duro, mas também de forma inteligente e gastam um tempo considerável pensando se suas ações estão ajudando a se aproximar ou não de seus objetivos.

    7) Aprenda a aceitar o fracasso e seguir em frente

    Milionários tendem a ter grande fé em seus sonhos o que os ajuda a permanecerem positivos e não desistirem, mesmo quando os outros não acreditam no que estão fazendo. O fracasso é uma parte do crescimento, além de ser um grande professor e trazer um feedback valioso. Os bem-sucedidos não temem o fracasso da maneira que algumas pessoas fazem e eles não têm medo de fazer perguntas e pedir ajuda quando necessário.

    8) Controle seu tempo

    Você não pode ser um milionário se não tem controle sobre o seu tempo. Quando se trata da quantidade de tempo disponível, todos têm as mesmas oportunidades. Se você é um milionário ou não, você só terá 24 horas em um dia. O que você faz com o seu tempo irá determinar o seu nível de sucesso. Milionários tendem a ter um dia bem planejado. Alguns usam diariamente listas, enquanto outros se concentram em prioridades para o dia. Escolha um método que funcione para você e fique com ele.

    warren buffet

    Até mais.

    Traços que os super ricos têm em comum e você não!

    9 de setembro de 2016

    Esta é uma lista que foi feita com base em estudo realizado com mais de mil super ricos dos EUA, a qual denota traços que eles têm em comum e você provavelmente não. Todas as 7 características descobertas pelo colunista do site Business Insider estão no artigo original em inglês: 7 psychological traits of the super rich.

    Realmente as pessoas mais ricas agem de uma maneira diferente em relação ao resto do mundo, porém, de acordo com um estudo liderado pelo psicólogo financeiro Bradley Klontz em 2015 com os super ricos nos EUA, eles contam com traços psicológicos diferentes da média da população.

    people on yacht

    Nesta pesquisa que foi feita com 1.096 pessoas com renda anual de mais de US$ 370 mil e um patrimônio com mais de US$ 2,5 milhões, foi observado que tais pessoas possuem traços totalmente diversos da maioria das pessoas.
    Confira estas particularidades a seguir:

    Eles têm mais autocontrole
    As pessoas com mais dinheiro tendem a se sentir menos desesperadas em momentos de lidar com desafios na vida, tomam mais responsabilidades e confiam mais em suas habilidades para resolver problemas e atingir metas em tudo que acontece com elas, incluindo seus investimentos.

    Eles não acreditam em viver com pouco
    De acordo com os estudos, pessoas ricas tendem a acreditar menos que o dinheiro é uma influência que corrompe os outros, que os ricos são gananciosos por tomarem vantagem dos outros, ou que há virtude em viver com menos dinheiro, ou ainda que não merecem o que têm.

    Eles tendem a ser motivados por dinheiro
    Segundo o estudo, os mais ricos apontam muito mais que a média a atribuição de seu sucesso financeiro a seu foco em aumentar seu patrimônio e um comprometimento em seguir aquilo que são apaixonados em fazer.

    Eles confiam em sua habilidade em investir
    Especificamente, os mais ricos apontam níveis mais altos de confiança em sua habilidade de investir, de acordo com o estudo. Eles tendem a mais significativamente conseguir resultados superiores ao aplicar seu dinheiro.

    Dificilmente eles sabotam seu sucesso financeiro
    Eles tendem a gastar demais ou jogar compulsivamente muito menos do que as outras pessoas. Além do mais, também não prejudicam outras pessoas, dificilmente escondem posses ou têm problemas para viver dentro de seu orçamento.

    Até mais.