Em 8 anos, um casal paga todas as dívidas e fica milionário antes dos 40
Geral

Em 8 anos, um casal paga todas as dívidas e fica milionário antes dos 40

26 de dezembro de 2016

How One Couple Climbed Out Of Debt And Became Millionaires In Their 30s

Em apenas 8 anos, um casal canadense consegue pagar todas as dívidas e ficam milionários. O objetivo agora é alcançar a independência financeira. A história financeira deles começa após se formarem na faculdade em 2003. Ele engenheiro, ela farmacêutica. Ambos tinham uma renda anual conjunta de US$ 85 mil, aproximadamente R$ 309 mil. A quantia parece muito menor quando é levado em consideração todas as suas dívidas: financiamento estudantil de US$ 40 mil, dívida de carro novo de US$ 25 mil e uma hipoteca de US$100 mil.

Quando começou o blog Million Dollar Journey, em 2006, o casal canadense tinha US$ 200 mil e pretendia, além de quitar todas as dívidas, acumular $ 1 milhão até o final de 2014. A ideia, que começou quando ele tinha 27 anos, foi concretizada quando ele alcançou os 35.

Para alcançar o sonho de se tornar milionário, FrugalTrader (que se mantém no anonimato por divulgar valores reais em seu blog), afirma que o segredo é pagar todas as dívidas primeiro antes de pensar em juntar dinheiro. Além disso, comenta que é necessário comprar com consciência e não gastar tudo de uma vez. “Eu acredito que o segredo está no controle de gastos e na ética de trabalho que desenvolvi desde pequeno”, escreve em seu blog. “Eu sempre guardei meu dinheiro, algo que aprendi com meus pais. Eu guardava a maior parte do meu salário [15-20%], o que ia para uma conta no banco ou para um fundo de investimentos”.

FrugalTrader começou a investir aos 16 anos de idade sob a influência do pai, que era obcecado com o mercado de ações e costumava trazer amigos em casa para conversar sobre o assunto. Quando conseguiu seu primeiro emprego no 2º ano do Ensino Médio, passou a investir de US$ 20 a US$ 50 por mês.

Na faculdade trabalhou para pagar as mensalidades e conseguiu terminar o curso com a conta bancária no verde (sua mulher que precisou dos financiamentos estudantis). Foi durante a faculdade que aprendeu mais sobre investimentos, colecionando mais de 80 livros de finanças pessoais e de investimentos em sua prateleira.

Quando os dois conseguiram o diploma de graduação compraram uma casa com dois andares. A ideia era morar no andar de cima e alugar a parte de baixo, de modo a gerar uma renda extra e pagar a hipoteca. Porém, com a chegada do primeiro filho (hoje são dois), o lugar ficou pequeno e eles tiveram que se mudar.

Desanimados com o cenário de aluguel de imóveis, o marido passou a procurar por ações de rendimentos a fim de pagar as despesas da família. Dentre as 40 ações que eles têm atualmente, estão papéis da Johnson & Johnson e da Coca-Cola.

Além das ações de rendimentos, FrugalTrader aplica também em fundos de índice, investimento que considera vantajoso por ser barato e fácil. Ele também afirma que visa o longo prazo e, por isso, suas aplicações são de grande risco: 95% de seu portfólio está alocado em ações e apenas 5% em títulos.

As fontes de renda não param por aí. Mesmo após o primeiro milhão, o trabalho fixo e integral ainda faz parte da rotina do casal, que conseguiu aumentar a renda anual para US$ 105 mil. O rendimento total também depende de horas extras trabalhadas e de trabalhos freelances prestados, como consultoria financeira. O abastecimento do próprio blog, Million Dollar Journey, também está agregando valor.

Segundo FrugalTrader, o segredo para alcançar o milhão é, além de investir, gastar menos dinheiro do que ganha. “Pode parecer cliché, mas é a verdade. Viver somente com o necessário gera caixa positivo, o que é indispensável para pagar suas dívidas de forma eficaz e para comprar bons ativos de longo prazo”, escreve.

Visando conter gastos, o casal mudou de estilo de vida e está se adaptando à nova proposta: eles passaram a levar marmita para o trabalho, substituíram jantares em restaurantes pela comida caseira, alugam livros na biblioteca ao invés de comprá-los e optam por produtos mais duráveis quando vão às compras.

Após alcançarem a marca do US$ 1 milhão alguns meses antes do planejado, o foco agora é construir um portfólio com bons rendimentos a fim de obter a independência financeira. FrugalTrader acredita ser necessário um portfólio de US$ 1,3 milhão para que seja possível sair de seu trabalho fixo.

A família, que costuma fazer uma grande viagem a cada dois anos, também quer viajar mais. Outro objetivo é juntar patrimônio suficiente para pagar a graduação de seus dois filhos, no qual prevê um período de 17 anos para acumular determinada quantia. Enquanto isso, as crianças são ensinadas em casa sobre a importância e o valor do dinheiro.

Aos novos navegantes, FrugalTrader aconselha: “Se você tem o mesmo objetivo e gostaria de começar, o meu conselho é estabelecer uma grande meta para si mesmo. Quebre esse objetivo em pequenas partes e você se surpreenderá com o resultado. Só não se esqueça de manter essa meta na sua frente, seja no seu computador, no fundo de tela do celular, ou em post-its no espelho; ter uma indicação constante é a chave essencial”.

Até mais.

Em apenas 8 anos, casal paga todas as dívidas e fica milionário antes dos 40

2 Comments

  • Reply JR 1 de maio de 2017 at 16:06

    Olá DsD,

    tenho uma curiosidade. Muitas pessoas fantasiam em possuir 1kk, me incluo nesse time.
    Todos querem esse quantia para pode viver de renda, ou seja, seria tipo uma aposentadoria.

    Me responda, o que fazer “especificamente” quando alcançar esse montante (1kk ou +)?
    De que forma investi-lo para que mensalmente a pessoa possa resgatar os juros no fim do mês para pagar as contas? (eu sei q n podemos retirar todo rendimento pq…bláblábláblá).

    Poupança mesmo?
    FIIs?
    CDB?

    enfim…gostaria de uma opinião de quem sabe mais do que eu, já que sou iniciante no mundo dos investimentos.

    Grato
    JR

    • Reply Vilmar 1 de maio de 2017 at 16:45

      Exatamente, qualquer renda fixa que reponha a inflação e faça o bolo seguir crescendo e mantenha suas contas e necessidades pagas mensalmente. Vai da negociação e prazo, além de liquidez, as escolhas das aplicações. Senta com teu gerente ou assessor e negocie.

      At. te.

    Leave a Reply

    *

    code