Marketing com Guest Post
Convidados

Marketing com Guest Post

17 de outubro de 2014

Guest Post ainda continua sendo uma forma válida de se conseguir fazer marketing na internet, contudo é preciso tomar alguns cuidados para que em vez de se estar praticando Guest Post não se estar praticando Guest Spam. Antes de tudo, para quem não sabe, Guest Post significa Postagem Convidada, ou seja, o Guest Post caracteriza-se quando você publica um artigo de autoria de outra pessoa que foi convidada para escrever para seu blog.

O Guest Post para SEO é uma faca de dois gumes, pois tanto pode prejudicar como pode colaborar para a otimização de seu site. O que diferencia uma boa prática de Guest Post das ruins são alguns pontos que citarei no decorrer deste artigo.

Como Criar Guest posts com prudência

Quando você vai criar um Guest Post você deve levar em consideração os seguintes pontos:

Nichos dos Sites

Jamais escreva para sites com nichos distintos do seu. Se o objetivo é conseguir um backlink, para que ele tenha algum poder, o site onde o post é publicado precisa ser do mesmo nicho ou ao menos de nichos relacionados. Por exemplo, se o seu site é sobre ganhar dinheiro na internet, você pode publicar guest posts em sites que falam sobre economia, otimização de sites (SEO), investimentos, a arte de blogar, etc, mas jamais em sites que falam sobre emagrecimento, saúde, maquiagem, etc.

Quantidade de Links Externos

Um artigo contendo inúmeros links externos pode ser considerado uma prática de spam. Então, sempre que for criar guest posts coloque no máximo 2 links externos. Além disso, colocar muitos links externos pode fazer o dono do site recusar a publicação do seu artigo, por entender que você está apenas fazendo campanha de si próprio ou de seu site.

Tamanho do Artigo

Um bom guest post deve possuir em média 600 palavras. Um texto muito curto pode prejudicar o SEO do guest post e além disso pode parecer muito amador para o dono do site publicá-lo. Então sempre aconselho a escrever artigos com no mínimo 500 palavras. Neste ponto também é importante não utilizar-se de muitos rodeios, procure preencher as 500 palavras do post sendo o mais objetivo e direto ao ponto possível.

Erros de Gramática

Ninguém é tão perfeito a ponto de não cometer nenhum erro de gramática ou de concordância nos textos em que escreve. Mas é sempre aconselhável ler e reler o que foi escrito, e caso encontre algum erro, corrija-o imediatamente. Um grande erro das pessoas que escrevem para outros blogs é não ler o que foi escrito. Um texto repleto de erros hediondos só vai fazer o seu guest post ser negado e rejeitado pelo dono do site. É preciso entender que todo mantenedor de sites possui uma certa responsabilidade para com seus leitores, e publicar textos visivelmente amadores só prejudicará a reputação dele e do seu site. Então, se você quer que seu artigo como convidado seja realmente publicado, evite ao máximo cometer erros hediondos de gramática e concordância.

Originalidade

Se você pretende criar um único artigo e replicá-lo em diversos sites, pode perder suas esperanças. Sites de real respeito jamais publicarão artigos repetitivos, pois isto é prejudicial para SEO. Se você quer ter textos seus publicados em vários sites, para cada site escreva um novo artigo, original, e relativo ao nicho do site. O Google e demais buscadores e indexadores identificam facilmente textos repetitivos, e dentre eles, apenas um ganhará o crétido e os benefícios da originalidade. Então, de que adianta ter vários textos inócuos que não irão agregar nenhum valor (pois eles não possuem valor para o Google) para o seu site e nem para o site em que foi ele publicado?

Qualidade do Conteúdo

Um dos fatores mais importantes quando se escreve algo é a qualidade do conteúdo. Ou seja, o conteúdo é realmente útil, informativo, curioso, ou apenas “mais do mesmo”? Sempre que for escrever um guest post para um site, faça uma breve pesquisa dos artigos já publicados nele e procure escrever sobre algo que realmente venha a agregar valor ao site. Escreva algo que seja relevante para os leitores do blog ou site que irá publicar o seu artigo. Nada é pior do que conteúdos irrelevantes ou que não trazem nenhuma informação nova para os leitores. Há um ditado que diz que o conteúdo é rei, e para guest posts isto continua sendo uma verdade.

Legibilidade do texto

Procure dividir o texto em trechos, use títulos e subtítulos e destaque seções colocando-as em negrito. Isto facilita a leitura e o entendimento para o leitor. Neste quesito outro ponto importante é evitar o uso demasiado de termos técnicos. Por outro lado, utilizar gírias a torto e a direito no texto também não é uma boa ideia. O ideal mesmo é escrever conforme o nível do site para o qual você escreve. Se você está escrevendo para um blog pessoal não haverá problema em utilizar-se de gírias e linguajar mais despojado, já se estiver escrevendo para um site de uma empresa (blog ou não) o mais certo é escrever sem muito coloquialismo.

Conclusão

Levando em consideração as dicas citadas neste artigo você conseguirá escrever guest posts de forma mais prudente, que agradará tanto os motores de busca e indexação como também os donos de sites e blogs. Uma das principais razões para donos de sites recusarem guest posts submetidos a eles é que o texto trata-se na verdade de uma propaganda de um produto ou serviço. Se você quer apenas divulgar um produto ou serviço o mais indicado é um artigo patrocinado e não um guest post.

Por fim, a última dica é não abusar de guest posts. O surgimento repentino de vários links de volta para seu blog ou site pode fazer a bandeirinha de “Spam Identificado” do algoritmo de qualificação e indexação de sites ser erguida e com isto o seu site pode ser penalizado pelo Google.

2 Comments

  • Reply AdminBro 4 de agosto de 2017 at 16:03

    Eles abriram um site com 30 reais – e já faturam R$ 2 milhões
    Três amigos se tornaram sócios ao abrirem seu próprio site sobre moda. O negócio conquistou o coração das marcas e já virou até loja virtual

    http://exame.abril.com.br/pme/eles-abriram-um-site-com-30-reais-e-ja-faturam-r-2-milhoes/

  • Reply Vilmar 27 de novembro de 2014 at 11:19

    Guest posts: o que é e o seu surpreendente poder

    http://papodeblogueiros.com/guest-posts-surpreendente-poder/

  • Leave a Reply

    CAPTCHA *