Bancos reajustam pacotes de tarifas em até 50%, como fugir do pagamento?
Geral

Bancos reajustam pacotes de tarifas em até 50%, como fugir do pagamento?

7 de junho de 2016

O reajuste dos pacotes de serviços bancários chega a custar até 50,8% a mais para os consumidores, conforme pesquisa feita pela Proteste Associação de Consumidores. Este é o caso do plano Bom Para Todos Pleno, do Banco do Brasil, que teve aumento de R$ 40,40 para R$ 60,95. Mesmo que esse pacote esteja suspenso para novas adesões, os clientes que já o possuem passarão a pagar esse novo valor.

Em maio/2016, 3 dos 8 bancos brasileiros analisados na pesquisa mostraram reajuste nas tarifas: o Itaú (12,34), no pacote Multiconta; o Bradesco (5,88%) no Padronizado II; e a Caixa Econômica Federal (25,56%) no pacote Simples. Em junho, apenas o Citibank (11,66%) e o Santander (10%) apresentaram reajustes nos pacotes Classic e Padronizado IV, respectivamente.

Os clientes não são obrigados a contratar o pacote de serviços: conforme regulamentação do BC, existe um pacote de serviços essenciais, que dá direito a cartão de débito, 10 folhas de cheques por mês, segunda via do cartão de débito, até quatro saques por mês, consultas pela internet, duas transferências por mês entre contas da própria instituição e compensação de cheque. Esses serviços devem ser disponibilizados sem cobrança para o consumidor. O BC também regulamenta que o valor de todas as tarifas e das cestas disponíveis devem ser informados por cada instituição.

É difícil fazer com que os gerentes de bancos aceitem a não contratação de algum pacote, fato que o faz parecer que é algo necessário, no geral é muito difícil fazer com que o gerente do banco consiga entender o perfil do cliente. Ele costuma empurrar o pacote que acredita ser o melhor para o cliente.

O uso da conta eletrônica para os que já estão familiarizados com a internet e a controlar a conta bancária através dela pode ser uma boa solução. Este tipo de conta tem acesso ilimitado a serviços através da internet e caixa eletrônico. Ela não possui tarifas, porém caso seja feito uso da agência ou de um guichê do caixa, é cobrada uma taxa. Hoje em dia somente o Bradesco, Itaú e Banco do Brasil possuem essa modalidade de conta.

Para evitar gastar mais dinheiro com os serviços bancários, o ideal é ficar atento a quais são os serviços do banco utilizados e a frequência, ou seja, sabendo qual é o tipo de consumo que possui no mês, fica mais fácil encontrar o melhor pacote. A maioria dos consumidores faz uso de contas bancárias que possuem serviços até desconhecidos!
Recomenda-se prestar atenção ao comportamento e uso durante um mês e, depois, adotar um plano compatível com ele.

Bancos reajustam pacotes de tarifas em até 50%; veja como fugir do pagamento
infomoney.com.br/minhas-financas/consumo/noticia/5102959/bancos-reajustam-pacotes-tarifas-ate-veja-como-fugir-pagamento

Até mais.

2 Comments

  • Reply Vilmar 7 de abril de 2017 at 18:28

    Itaú deixa de oferecer conta digital gratuita, a iConta, aos clientes

    http://www.infomoney.com.br/minhas-financas/consumo/noticia/6336085

  • Reply Vilmar 5 de outubro de 2016 at 19:10

    BB deixa de oferecer conta digital gratuita aos clientes; entenda
    Segundo informações do banco, a conta digital está passando por uma reformulação, ainda sem previsão para estar disponível para novas adesões

    http://www.infomoney.com.br/minhas-financas/consumo/noticia/5610036/deixa-oferecer-conta-digital-gratuita-aos-clientes-entenda

  • Leave a Reply

    CAPTCHA *