Casal triplicou sua renda depois de largar emprego para viajar o mundo

Gabriel e Lívia Lorenzi criaram o Grupo Dicas: conjunto de blogs com dicas sobre diferentes destinos ao redor do mundo

Os melhores cartões de crédito para acumular milhas

Um casal paulista, Gabriel e Lívia Lorenzi, tem o trabalho considerado por muitos como o melhor do mundo: eles ganham dinheiro viajando depois de criarem o Grupo Dicas, um conjunto de blogs com informações sobre diferentes destinos ao redor do mundo. A renda mensal do casal triplicou desde que saíram de seus empregos para se dedicarem exclusivamente ao negócio próprio. Em entrevista ao portal de finanças InfoMoney, Gabriel, de 29 anos, contou que a criação da empresa transformou a vida do casal. A primeira viagem foi em 2008. “Nós nunca tínhamos saído do Brasil. Aos 21 anos conseguimos ir para Orlando e Miami. Passamos um mês por lá e realmente nos apaixonamos. Quando voltamos tivemos a ideia de criar um blog sobre a viagem com dicas do que fazer, onde ir, onde comprar, melhores passeios. Um tempo depois criamos o Grupo Dicas”, explica.

No ano seguinte, o casal voltou para os Estados Unidos, e dessa vez visitaram Califórnia e Las Vegas, e o segundo blog nasceu com dicas e orientações sobre os novos destinos.

Conforme a empresa foi crescendo, a carreira de ambos mudou. Estudantes da Universidade Presbiteriana Mackenzie, ele fez publicidade e Lívia biologia. Em 2015 eles estavam estabilizados: Gabriel trabalhava com Marketing Digital no Itaú e ela com pesquisa na Natura. No entanto, ambos largaram os empregos, que administravam ao mesmo tempo com negócio próprio, para se dedicarem integralmente ao Grupo Dicas. E deu certo, embora tenha sido uma decisão difícil.

“Em toda nossa história nesses oito anos, sem dúvida, a maior dificuldade foi decidir se iríamos ou não largar tudo para nos dedicarmos aos blogs”, revela Gabriel. Ele conta que sempre quis ter um negócio próprio, mas nada tinha dado certo até a criação do site. “Ficamos em cima do muro, era um negócio com um alto risco. Mas deu certo”, conta aliviado. Com a decisão, o casal passou a ganhar três vezes mais por mês em relação ao que ganhavam em seus empregos antigos.

Hoje o site conta com 21 blogs de vários destinos diferentes. Gabriel conta que o investimento inicial da empresa foi de cerca de R$ 1 mil. “Com o conhecimento de marketing digital que eu tenho, fui fechando parcerias e monetizando o site e começamos a ganhar algum dinheiro um ano depois que lançamos. Além disso, investimos parte do dinheiro que ganhamos com as novas viagens e o negócio foi acontecendo”, conta. Segundo o publicitário, de 2012 para cá, o site vem crescendo cerca de 30% ao ano. Em 2016, o aumento foi de 36% em relação ao ano anterior.

O crescimento orgânico da empresa foi impulsionado pelo número de páginas vistas, que chega a cerca de 5 milhões ao ano, e parcerias em negócios como reservas de hotéis, aluguel de carros, venda de chips de telefone para usar no exterior, seguros de viagem e ingressos para atrações turísticas.

As viagens duram de 15 a 30 dias em média, e dependendo da estrutura do local o casal já prepara o conteúdo do blog durante o passeio. Hoje a equipe conta com 7 redatores que produzem os textos dos destinos. “Temos um pessoal freelancer que trabalha com a gente, eles escrevem sobre o destino que já viajaram e ajudam a gente a alimentar o site. Não estávamos dando conta”, explica. O casal desenvolve um planejamento para cada viagem, na tentativa de conseguir o roteiro mais econômico possível.

Os 21 blogs oferecem dicas sobre: Orlando e Miami, Las Vegas, Nova York, Paris, Barcelona, Roma e Vaticano, Londres, Canadá, Aruba, Punta Cana, entre outros. Desse total, 19 deles já foram já foram visitados pelo casal, com exceção de Amsterdã e Berlim, destinos da próxima viagem e que já contam com um roteiro de dicas no site. “A maioria dos blogs montamos depois de ir para o lugar, mas nesse caso, primeiro criamos o blog com pesquisas e ajuda dos redatores, e em breve vamos conhecer as cidades e atualizaremos com novas informações”, revela.

Embora a empresa já tenha tido um escritório físico em São Paulo, hoje tudo é online e os redatores trabalham de casa, assim como eles. O perfil no Instagram conta com mais de 6 mil seguidores e é uma forma complementar de orientar as pessoas sobre os pontos turísticos e cidades que visitam ao redor do mundo.

Gabriel afirma que o próximo passo é aumentar o número de lugares que eles conhecem para ter ainda mais opções de destinos no site, sem mudar a estrutura. “Está dando certo nesse modelo que montamos, então vamos manter, mas aumentar a quantidade de conteúdo que temos”, diz.
infomoney.com.br/negocios/noticia/6869632/casal-triplicou-sua-renda-depois-largar-emprego-para-viajar-mundo

Only 1 comment left Go To Comment

  1. AdminBro /

Leave a Reply

CAPTCHA *