‘Corretor’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: Corretor

    Convidados

    Como se planejar financeiramente para as despesas do começo do ano

    23 de janeiro de 2021

    Como se planejar financeiramente para as despesas do começo do ano

    Veja algumas dicas incríveis de como se planejar financeiramente para o começo deste novo ano!

    O início de um novo ano traz consigo bons sentimentos de partilha e alegria. Isso pode nos deixar mais propensos a gastar aquelas pequenas economias feitas durante o ano anterior. 

    No entanto, é importante que tenhamos disciplina para desenhar e cumprir um novo planejamento financeiro. Nele, você deve pensar sobre seus gastos, novos e antigos investimentos e definição de metas para o ano que acabou de começar.

    Ainda que seja mais fácil não se preocupar e apenas esperar que as coisas corram bem, a estratégia mais inteligente é planejar com antecedência. 

    Pensando nisso, separamos algumas dicas que podem ajudá-lo a começar este ano com o ‘pé direito’: 

    1 – Faça uma lista de metas financeiras 

    Decida quais são seus objetivos e anote-os. 

    Você quer pagar cartões de crédito ou juntar uma boa quantia de dinheiro para a entrada de uma casa? Ajudar alguém a pagar a faculdade? Começar a se preparar para sua aposentadoria? Financiar aquela viagem de férias? 

    Liste os três principais em ordem de prioridade. Se possível, marque uma reunião com um consultor financeiro para fazer as coisas rolarem. Outra dica é rotular suas contas para que você possa controlá-las de maneira mais eficiente. 

    Por exemplo, se você é casado agora, seu nome mudou? Os beneficiários listados em sua conta de aposentadoria ainda são as pessoas que você deseja? Verifique seu contracheque para ter certeza de que ainda é relevante. 

    Se você tem dívidas, agora é a hora de enfrentá-las. Classifique suas dívidas com os juros mais altos para os mais baixos. Configure o pagamento automático para quitar o valor mais alto primeiro e, em seguida, passe para a próxima. 

    Encontre maneiras criativas de saldar sua dívida com trabalhos paralelos, como dirigir Uber ou trabalhar online, por exemplo.

    2 – Organize-se 

    Deixe os hábitos do ano passado com as contas do ano passado. Comece o ano novo organizando suas finanças. 

    Se você estiver pagando contas com cheques e cartões, limpe uma gaveta de sua mesa ou configure um sistema de pastas. Assim, terá um lugar para guardar suas contas e recibos. A exemplo, mantenha todos os registros relacionados a impostos em um só lugar. Desta forma, não precisará se esforçar para encontrar a papelada na hora da declaração.

    Melhor ainda, experimente um aplicativo de software financeiro. Ele permite tirar fotos de seus recibos para que você possa controlar para onde seu dinheiro está indo a cada mês.

    Marque uma reunião mensal com você mesmo para revisar suas contas e decidir sobre algumas estratégias para manter o débito ao mínimo. Em seguida, estabeleça metas sobre como você pode melhorar sua pontuação de crédito no próximo ano.

    3 – Domine suas contas de fim de ano

    É comum sofrer de tristeza pós-feriado, uma vez que as contas de cartão de crédito começam a chegar no ano novo. Em vez de procrastinar, tome uma resolução financeira para enfrentá-las de frente. 

    Abra suas contas e comece a pagá-las imediatamente. Se você precisar de alguma motivação, observe quanto está sendo cobrado de juros a cada mês. Pense em como você poderia gastar – ou economizar – esse dinheiro depois que suas dívidas forem pagas.

    4 – Economize mais 

    A maioria dos brasileiros não está economizando o suficiente para sua aposentadoria. Considere dedicar mais atenção para as condições do seu futuro “eu”. Aumente suas economias semanais ou mensais em, pelo menos, uma porcentagem ou duas. 

    Idealmente, você deseja economizar entre oito e 11 vezes seu salário anual quando estiver pronto para se aposentar. Reveja seus fundos de pensão e outros investimentos para garantir que está economizando o suficiente para sua aposentadoria. 

    5 – Gaste menos a cada mês 

    Procure maneiras de economizar em suas contas mensais. Os serviços de TV, telefone e Internet muitas vezes podem ser agrupados com o mesmo provedor com desconto. O mesmo pode ser feito com seguros de automóveis e residências. 

    Se você optar por não fazer o pacote, ainda é uma boa ideia ligar a cada poucos meses para saber se sua operadora pode otimizar seu plano. Isso pode fazer você economizar dinheiro. 

    6 – Automatize processos

    Economizar dinheiro no ano novo será muito mais fácil – e mais eficiente – se você configurar um plano automático. Verifique quais opções de economia adicionais seu banco oferece. 

    Provavelmente, você pode configurar transferências automáticas mensais. Assim,  uma determinada quantia pode ser enviada para uma conta poupança separada antes que você tenha a chance de gastá-la.

    Se ainda não o fez, elimine o papel configurando o pagamento automático de contas. Desta forma,  os pagamentos mensais de contas e as contribuições de caridade são automaticamente retirados de sua conta bancária. 

    Isso não apenas garante que você nunca perca uma data de vencimento, mas também elimina o incômodo de se sentar para fazer suas contas manualmente todos os meses.

    7 – Revise ou considere um seguro de vida

    Faça isso especialmente se sua família depende de sua renda. Outros que deveriam ter seguro de vida são proprietários de casas e pessoas com financiamentos e outras dívidas substanciais, bem como proprietários ou sócios de uma empresa. 

    Considere também comprar um seguro de vida para seus pais. 

    Avalie algumas questões. Você tem seguro de vida com prazo ou permanente? Em caso afirmativo, é uma boa ideia marcar uma consulta com seu consultor financeiro. Ele pode fazer uma revisão gratuita do seu seguro e verificar se ele é suficiente para cumprir seus objetivos.

    Se quiser ir além e aumentar o nível de proteção para você e sua família, considere também adquirir um seguro auto.

    Por fim, quando o novo ano está começando e você percebeu o quanto gastou nas férias, é uma boa ideia fazer um planejamento financeiro. Ao planejar e monitorar seus gastos ao longo dos meses, você pode controlar suas finanças e não se sentir pressionado por boletos e contas indesejadas.

    Feliz planejamento e tenha um feliz e financeiramente saudável 2021!

    Convidados

    7 fatores a considerar para escolher a melhor corretora de investimento

    10 de agosto de 2017

    escolher-melhor-corretora-de-investimentos

    Quem está começando a investir pode se sentir um pouco confuso com tantas informações para absorver de uma só vez. Quando estamos aprendendo algo novo, independente do assunto, essa sensação é normal.

    Na busca por aplicações rentáveis para valorizar o próprio dinheiro, muitos investidores se vêem em dúvida sobre como começar. Um dos primeiros passos é escolher quem fará a ponte entre o capital e os investimentos.

    Para preencher esse lugar, o investidor pode escolher uma corretora de investimento. Contudo, com opções cada vez mais numerosas no mercado, esse processo de escolha pode não parecer algo tão simples.

    Na hora da tomada de decisão, é importante avaliar quesitos como:

    • Preço justo
    • Qualidade no atendimento
    • Segurança
    • Tecnologia de ponta

    As melhores corretoras de investimento oferecem essas e várias outras vantagens. Uma dica valiosa é buscar uma instituição que se adequa às necessidades do investidor.

    Por exemplo, se o desejo é investir no Tesouro Direto, uma corretora que dá isenção da taxa de custódia será muito mais vantajosa do que uma que tem taxa de corretagem mais em conta para operações de Day Trade.

    Para deixar ainda mais claro, veja abaixo alguns critérios que vale a pena considerar antes de tomar uma decisão:

    Segurança

    Quando o assunto é dinheiro, a segurança deve vir em primeiro lugar. Por isso mesmo, a  corretora escolhida deve oferecer segurança em alto nível para os investimentos.

    Para evitar dor de cabeça no futuro, é muito importante buscar instituições idôneas. Uma boa forma de encontrar corretoras que preenchem este requisito é escolher entre aquelas que são reconhecidas no mercado, regulamentadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e certificadas por órgãos competentes.

    Praticidade

    Hoje em dia, a tecnologia é uma aliada do investidor. Muitas corretoras oferecem plataformas que aliam tecnologia e praticidade. Assim, é possível acessar investimentos através do computador e realizar transações sem precisar sair de casa. Outra vantagem que muitas possuem são aplicativos para smartphone, que permitem que o investidor acompanhe seus investimentos onde quer que esteja.

    Diversidade

    Quando se fala em corretoras de valores, um ponto que as deixa à frente dos bancos são as diversas opções que elas oferecem. Por não precisar colocar seus próprios serviços em primeiro plano, as corretoras podem proporcionar uma gama maior de investimentos.

    Essa diversidade é mais importante do que muitos imaginam. Isso porque a orientação de especialistas é não alocar todo o capital em um mesmo investimento. A melhor saída é dividir o valor em modalidades diferentes, para aumentar as chances de sucesso e diminuir os riscos. Assim sendo, quanto mais opções houver, melhor será a possibilidade de diversificação.

    Agilidade

    Quem investe na Bolsa de Valores sabe a importância de agir no momento certo. Atualmente, as corretoras de valores possuem plataformas que permitem que se faça investimentos com apenas alguns cliques. Essa agilidade poderá ser um diferencial entre os investidores bem-sucedidos e aqueles que perderam as melhores oportunidades.

    Qualidade

    No momento em que precisar de suporte ou tiver algum problema, é muito importante que o atendimento seja exemplar. Muitas pessoas já viveram situações em que, antes de se tornarem clientes foram bem atendidas, e depois se sentiram ignoradas por uma empresa.

    Para evitar esse tipo de problema, uma dica interessante é testar o serviço de atendimento ao cliente de diversas corretoras. Ou seja, entrar em contato pelos diversos meios disponíveis e fazer perguntas sobre o investimento de interesse. Dessa forma, será possível ver na prática como será o atendimento, caso se torne um cliente.

    Facilidade

    Como foi falado anteriormente, ter poder reação é muito importante no universo dos investimentos. Por isso mesmo, um fator a ser analisado é a facilidade oferecida pelas corretoras. Uma delas pode ser, por exemplo, um serviço que analisa o mercado e identifica as melhores oportunidades para o investidor. Dessa forma, ele terá mais tempo para aproveitar tudo de bom que o mercado tem disponível.

    Preço

    Na hora de decidir também é importante fazer a seguinte pergunta: “o valor que a corretora cobra é justo pelo que ela oferece?”. Esse questionamento é importante porque a proposta não deve ser buscar a instituição mais barata do mercado. E sim, aquela que oferece serviços de alta qualidade por um preço justo.

    Esses são alguns dos fatores relevantes que se deve analisar na hora de escolher entre as melhores corretoras de investimento. Existem outras características que podem ser examinadas também. O mais importante de tudo é que essa escolha deve estar amparada pelo questionamento principal: “O que essa corretora pode me oferecer?”.

    Depois de encontrar a instituição mais adequada para ajudar a alcançar seus objetivos financeiros, o investidor pode finalmente abrir sua conta e começar a investir para ver seu dinheiro rendendo de verdade.

    Geral

    Como economizar no plano médico e odontológico?

    2 de setembro de 2015

    Como economizar no plano de saúde?
    Seguem algumas dicas para encontrar um bom plano de saúde, além de economizar nos gastos com saúde:

    • Pesquisar e tirar dúvidas antes de contratar um plano de saúde, tanto com o corretor de seguros, como diretamente com a operadora, além de parentes, amigos, colegas e conhecidos.
      Ter referências nunca é demais;
    • Verificar a rede referenciada. Isto ajuda você a escolher um plano que realmente atenda suas necessidades e que realmente vai te ajudar em momentos de emergência;
    • Avaliar quais são as coberturas do seu convênio médico e odontológico. Caso você ou alguém da sua família tenha histórico de um determinado tipo de doença pode valer contratar um plano um pouco mais caro, mas que cubra exames e tratamento que possam ser necessários;
    • Confira reportagem publicada no site do jornal Folha de São Paulo onde mostra que algumas operadoras estão oferecendo descontos no preço de plano de saúde e prêmios para os usuários que participam de programas de prevenção de doenças e de promoção à saúde.
      Uma das possibilidades seria o usuário perder peso, fazer exercícios e ter hábitos saudáveis. Para ganhar o desconto é necessário que o cliente vá em consultas, participe de palestras e submeter-se a avaliações periódicas.
      Este tipo de cuidado ajuda a reduzir os custos para as operadoras de planos de saúde e ainda faz com que os clientes tenham uma vida mais saudável, assim ocorrem menos problemas com diabetes, hipertensão e outras doenças associadas a obesidade.
    • Se for possível, faça um plano empresarial, pois geralmente ele abrange os demais membros da família e acaba-se pagando uma taxa reduzida que é descontada diretamente em sua folha de pagamento. Vale lembrar que neste caso é importante ter informações na empresa sobre os custos adicionais que poderá ter ao utilizar o plano;
    • Tenha muito cuidado para não contratar serviços de uma empresa em dificuldade financeira.
      Veja os casos da Imbra e Unimed Paulistana, apenas para citar alguns:

      – 17/10/2010 21h51 – Atualizado em 17/10/2010 22h12
      Clientes da Imbra não sabem o que fazer; empresa disponibiliza telefone
      Interessados podem ligar para (11) 3867-5750 para reaver seus prontuários.
      Empresa tem uma dívida de R$ 221 milhões e pediu falência.

      – 02/09/2015 12:22
      Unimed Paulistana quebra e ANS exige troca de gestor

    • Como economizar no plano de saúde?

      tacerto.com/guia/saude/noticias-sobre-saude/como-economizar-no-plano-de-saude

      Até o próximo post.