‘Riqueza’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: riqueza

    Geral

    Sinais de que você tem o que é preciso para se tornar um milionário

    28 de Março de 2018

    wealthy fashionable umbrella - As suas atitudes podem estar no caminho certo para você ficar milionário

    Alcançar o primeiro milhão é um grande desafio que além de envolver uma série de atitudes e hábitos, como gastar menos do que ganha, também exige foco e esforço – principalmente para os milionários ‘self-made’, ou seja, aqueles indivíduos que conseguem subir na vida sozinhos sem herança ou ajuda financeira.
    Pensando nisso, Thomas C. Corley, escritor do livro “Hábitos dos Ricos: Os Hábitos Diários Bem-sucedidos de Indivíduos Endinheirados” (tradução livre), listou para o Business Insider alguns sinais de que as suas atitudes podem estar no caminho certo para alcançar o primeiro milhão. O InfoMoney selecionou 11 deles, confira:

    1) Você está perseguindo um sonho ou um grande objetivo de vida

    Cerca de 80% dos milionários “self-made” presentes no estudo de Corley estavam perseguindo algum sonho ou um grande objetivo de vida.

    2) Você lê para aprender todos os dias

    Você é um leitor voraz e lê para se atualizar e aprender todos os dias. Oitenta por cento dos ricos do estudo de Corley leem 30 minutos ou mais todos os dias exclusivamente para aprender e assimilar os conteúdos.

    3) Você pensa como um empreendedor

    Você possui uma mente empreendedora, pensa grande e tem uma ampla visão das coisas. Além disso, você tem atitude. Noventa por cento dos milionários entrevistados são os que tomam decisões.

    4) Você procura por responsabilidade

    Você não tenta fugir das responsabilidades, mas o contrário; você está sempre procurando por oportunidades que te deem mais obrigações e exijam mais comprometimento.

    5) Você é cauteloso ao correr riscos

    Você é cauteloso e não negligente ao correr riscos. Pessoas desse tipo se informam de antemão e correm risco apenas quando sabem que têm o conhecimento e as habilidades para tal. Você questiona, busca por feedback de especialistas e rascunham ideias e iniciativas antes de transformá-las em negócio.

    6) Você tem atitude

    Você não tem medo de tomar uma atitude porque pode der errado, porque alguém pode não gostar etc. Você apenas cria coragem e toma a decisão.

    7) Você não tem medo de falhar

    Você vê os erros apenas como parte do processo de aprendizado.

    8) Você estabelece e segue continuamente seus objetivos

    Você constantemente está criando e perseguindo objetivos, que o ajudam a ter sonhos cada vez maiores e a buscar o sucesso. No estudo de Thomas, 80% dos ricos entrevistados eram focados em objetivos, criando um hábito de estabelecer e seguir propósitos.

    9) Você trabalha mais

    Você não tem medo de trabalhar longas horas durante dias, semanas, meses e anos para ser bem-sucedido. “Os ricos do meu estudo trabalham uma média de 11 horas a mais na semana do que os não-ricos”, conta Corley.

    10) Você é muito sociável

    Você está em comunicação contínua com as pessoas que valoriza. Você faz ligações em aniversários, para dar um “olá” e em eventos como casamentos, promoções de trabalho etc. Você reconhece eventos importantes nas vidas das pessoas que valoriza e vê como fundamental essas relações sociais.

    11) Você sabe trabalhar em equipe

    Pelo fato de você gostar de pessoas e se dar bem com elas, trabalhar em equipe não é problema para você. “Ninguém se torna bem-sucedido sozinho. Todos os milionários self-made contam com pessoas que os ajudam e apoiam”, diz Corley.
    fonte de consulta: http://www.businessinsider.com/signs-you-might-become-a-millionaire-2016-7

    Até mais.

    Convidados

    Segredos de dinheiro que pessoas ricas e bem sucedidas sabem

    24 de Janeiro de 2018

    Warren Buffett, Chairman and CEO of Berkshire Hathaway - Os segredos financeiros que pessoas bem-sucedidas sabem
    As pessoas não devem ter vergonha de um estilo de vida modesto – até o bilionário Warren Buffett vive de maneira frugal

    A maioria dos especialistas em finanças pessoais vai dizer que o segredo para se tornar rico na verdade não é uma mistério: trabalhe, viva dentro do seu orçamento, invista e poupe o máximo que puder. Aliás, não deve ser vergonha ter um um estilo de vida modesto – até o bilionário Warren Buffett vive de maneira frugal.
    De acordo com a consultora de finanças pessoais Gabrielle Olya, se o seu objetivo é se juntar ao rol dos ricos, é preciso exercitar sua mentalidade e aprender os seus segredos financeiros, listados pelaCNBC.

    Veja seguir:

    1) Salário não é tudo

    Escalar o mundo corporativo irá leva-lo até determinada altura. Em algum momento, você alcança seu potencial de ganho e subir mais que isso nem sempre é possível. Os ricos sabem que, para aumentar a riqueza, é importante fazer o seu dinheiro trabalhar para você – e não o contrário.

    Invista seu dinheiro – parece repetitivo, mas é efetivo. Procure os melhores investimentos para a quantia que você consegue poupar. Faça seu dinheiro render, aplicando em diferentes tipos de investimentos. Não deixe de ganhar dinheiro, aproveite as oportunidades.

    2) Coloque isso por escrito

    A diferença entre ter uma ideia e colocá-la no papel é muitas vezes o que separa o a pessoa bem-sucedida da que não é. E se você quer ter sucesso e alcançar a riqueza, talvez seja hora de começar a escrever seus objetivos, grandes e pequenos.

    Thomas Corley, autor do livro “Rich Habits: The Daily Success Habits of Wealthy Individuals”, (Hábitos dos Ricos: Os hábitos diários de indivíduos ricos”, em tradução livre), observou isso em seu estudo. Dos ricos entrevistados, 67% deles anotam seus objetivos, enquanto 81% mantêm uma lista de tarefas. Se o seu objetivo é ser rico, comece materializando a ideia no papel e faça um plano de ação para que saia dele.

    3) Não gaste com coisas desnecessárias

    As pessoas ricas sabem a importância de poupar dinheiro diariamente. Elas procuram economizar em tudo que podem, seja tomando café da manhã em casa, ou diminuinbdo a quantidade de vezes que jantam fora no mês. Quando for comprar algo sempre se pergunte se você realmente precisa daquilo. Há um jeito de fazer ou consumir a mesma coisa gastando menos? Se a reposta for sim, tente buscar uma alternativa. Isso pode se tornar um hábito.

    4) Seja seu próprio chefe

    Em tese, os funcionários trabalham para se tornar seus “chefes ricos”. Se você está buscando a verdadeira riqueza, considere começar seu próprio negócio. De acordo com Forbes, quase todas as 1.426 pessoas da sua lista de bilionários fizeram suas fortunas através de um negócio que eles ou um membro da família criaram.

    Claro que não é uma fórmula mágica. Iniciar o próprio negócio exige dedicação e conhecimento do setor em que vai operar. Mas segundo Olya, muitos profissionais da classe média pensam que começar um negócio é muito arriscado. “A questão é que os ricos entendem que o que é mais arriscado é permitir que seu tempo e ganhos sejam ditados por um chefe que geralmente não se importa com você e seu desenvolvimento ou que não pode te oferecer mais oportunidades”.

    5) Invista em você mesmo

    Pessoas bem-sucedidas sabem que vale a pena investir tempo, dinheiro e energia para melhorar as próprias habilidades. Isso pode implicar em ler mais, fazer aulas de determinado assunto ou aprender novas competências. Ninguém vai aprender por você. Se quiser ser especialista em seu campo é preciso estar em constante aprendizado. Busque opções que façam você render mais no dia a dia, que dêem resultados no trabalho e na vida pessoal.

    6) Mude sua mentalidade

    “Não há escassez de dinheiro no planeta, apenas uma escassez de pessoas que pensam corretamente sobre isso”, afirma Grant Cardone, empreendedor americano. “Para se tornar um milionário, você deve pensar alto”. Você deve realmente acreditar que você será rico para enriquecer.

    Claro que apenas pensamentos positivos e confiança não farão sua conta bancária passar a ter seis dígitos, mas aliados com atitudes podem ser o principal diferencial na hora de alcançar a riqueza.
    fonte de consulta: Money secrets that wealthy, successful people know

    Até o próximo post.

    Geral

    Investidor do Shark Tank Kevin O’Leary: Como se enriquecer

    23 de Janeiro de 2018

    Quem quer colocar suas finanças em ordem e aumentar sua riqueza neste início de ano, Kevin O'Leary tem um conselho

    Se uma pessoa quer colocar as finanças em ordem e aumentar sua riqueza neste início de 2018, Kevin O’Leary, o investidor bilionário do famoso programa Shark Tank e empresario, tem um conselho: não existe fórmula mágica para se tornar rico, mas você pode poupar 10% do seu salário todo mês – a longo prazo o retorno financeiro será ótimo.

    “Quando você tem 19, 20 anos e cria o hábito de guardar 10% da sua renda todo mês, você pode ter mais de R$ 1 milhão quando tiver 65 anos”, afirma O’Leary à CNBC.
    E como conseguir alcançar este objetivo para ter um futuro estável? O’Leary aconselha seguir dois passos simples.

    Pare de comprar “besteiras”

    Primeiro, para conseguir construir uma fortuna, você precisa de dinheiro para investir. Se você acha que não tem nenhum, repense seus gastos, diz O’Leary. “A verdade é que você compra muita besteira que não precisa”, afirma. Então, avalie seus gastos, e se estiver desperdiçando dinheiro em compras desnecessárias, comece a guardar essa quantia.

    Para mudar o hábito e parar de adquirir produtos que você não precisa, uma pergunta simples pode fazer você pensar duas vezes:”Eu realmente preciso disso?”, pergunte a si mesmo. “Porque se pensar bem e não comprar o produto em questão, o dinheiro será investido e pode render muito mais”.

    Por exemplo, O’Leary nunca toma café fora de casa. “Eu pago US$ 2,50 (R$ 8) por um café? Nunca, nunca faço isso”, diz ele. “Esse é um desperdício de dinheiro para algo que pode custar muito menos se faço em casa”, afirma.

    Outra coisa que fez, foi reduzir o guarda-roupa para gastar menos dinheiro. “Olhei meu armário um dia, cheio de roupa que não usava. Pilhas de roupas”, diz. Então, ao invés de gastar dinheiro em roupas novas, ele deixou em armário apenas 20 ternos pretos, que combinam 20 gravatas e 20 camisas brancas. “É o meu uniforme, você me vê vestindo isso o tempo todo. Por que? Porque eu economizo muito dinheiro fazendo isso. Além disso, eu não preciso pensar muito sobre o que vou usar todos os dias”.

    Invista a longo prazo

    Você deve canalizar qualquer dinheiro possível do seu orçamento para investimentos que irão render a longo prazo. “Este é sempre conselho que eu dou, independentemente da idade que você tem”, diz O’Leary. “Pegue 10% do seu salário uma vez por mês, ou ainda melhor, a cada duas semanas e separe esta quanti para investir, e consequentemente, fazer mias dinheiro”.

    “As pessoas argumentam: “Não posso fazer isso! Eu mal posso pagar o meu aluguel! “, Ele continua. “Mas não é verdade, porque certamente elas compram uma besteira que não precisam todos os dias”, complementa o empresário.

    Por exemplo, uma maneira fácil de começar a investir é por meio do Tesouro Direto, que possibilita uma aplicação inicial baixa, com rentabilidade superior à da Poupança e com pouco risco.

    Uma outra dica é nunca investir todo seu dinheiro em uma única aplicação. Comece com calma e espalhe seus investimentos em mais de um lugar – conselho também disseminado pelo bilionário Warren Buffett. “Ainda assim, você precisará fazer sua lição de casa e estudar um pouco de economia e finanças para entender as opções de investimentos e garantir que sejam sólidos”, afirma.
    fonte: ‘Shark Tank’ investor Kevin O’Leary: Here’s how to get rich

    Até mais.

    Convidados

    Como a maioria dos milionários de hoje ficou rica?

    10 de Janeiro de 2018

    Novas pesquisas mostram que a maioria dos milionários atuais é composta por self-made men (uma pessoa que se fez por conta própria pelo esforço e pela qualidade) que não nasceram em berços de ouro.

    Um estudo feito pela Fidelity Investments em agosto deste ano descobriu que 86% dos milionários de hoje não se consideravam ricos quando eram crianças e adolescentes. No geral, a pesquisa revelou que os atuais milionários têm, em média, 61 anos de idade e ativos de US$ 3 milhões.

    Como a maioria dos milionários de hoje ficou rica?

    Enquanto quase três quartos dos milionários afirmaram que já se sentem ricos, há aqueles que disseram que precisariam de uma média de US$ 5 milhões de ativos para começarem a se sentir rico.

    Sanjiv Mirchandani, um dos presidentes da Fidelity Investments afirma que “os milionários de hoje são multidimensionais e para compreendê-los realmente, é necessário olhar não só para suas perspectivas, mas também para o seu caminho para a riqueza e seus objetivos financeiros para o futuro”.

    Entre os milionários self-made men, o estudo revelou que suas principais fontes de ativos incluem investimentos de capital e participação nos lucros de empresas de outros. Aqueles que nasceram ricos foram mais propensos a citar a herança, o empreendedorismo e a valorização do investimento imobiliário como fonte de ativos.

    Quando se trata de estratégias de investimento, os self-made men são mais propensos a investimentos em ações, enquanto aqueles que nasceram ricos geralmente citam mais os investimentos imobiliários.

    Se você tem interesse em começar sua trajetória de sucesso, mas ainda não sabe como, uma boa maneira contratar consultores de empresas e investimentos para fazer o seu atual negócio crescer e aprender a também ganhar uma renda passiva.

    A pesquisa mostra que, ao considerar seu futuro financeiro, 30% dos milionários de hoje afirmaram que estariam preocupados em preservar suas riquezas, enquanto 20% estariam focados em aumentar sua fortuna.

    O estudo deste ano descobriu que a perspectiva dos milionários sobre o futuro ambiente financeiro continua a melhorar, com o otimismo atingindo o nível mais alto desde o início das pesquisas, em 2006.

    Michael R. Durbin, outro presidente da Fidelity Investments revela que “uma tendência se manteve verdadeira ao longo da vida deste estudo: a perspectiva do investidor milionário tem sido consistentemente pragmática sobre as atuais condições do mercado e generalizada sobre uma recuperação futura. Em muitas maneiras, o que os milionários têm pensado e fazendo pode ser um forte indicador das tendências financeiras”.

    Uma vez que essa tendência é o interesse atual dos milionários no mercado de ações, os milionários pesquisados classificaram as ações domésticas individuais como seu maior investimento adicionado no ano passado, seguido de certificados de contas de depósito, fundos negociados em bolsa de ações, títulos domésticos individuais e fundos mútuos nacionais.

    O estudo da Fidelity foi baseado em pesquisas feitas com mais de 1.000 milionários.

    Convidados

    Como milionários ficam ricos trabalhando para os outros

    26 de dezembro de 2017

    How self-made millionaires get rich working for others

    a bolha do bitcoin vai estourar antes de você ficar rico

    Para Tom Corley, autor de Rich Habits, existem três grupos de milionários: aqueles que guardam muito dinheiro, os que empreendem e os “executivos”, que enriquecem trabalhando para os outros dentro de corporações. Para chegar a essa conclusão, Coley entrevistou 233 milionários ao longo de 5 anos.
    Para fazer parte do grupo, de acordo com o estudioso, existe um segredo fundamental: tornar-se “indemitível”. Isso significa “fazer certas coisas que os separem de todas as outras pessoas. Se transformar especialistas em uma indústria em particular e desenvolver um nicho particular, seja dentro da companhia que trabalham ou na indústria como um todo”, disse, ao Business Insider.

    Além disso, “estão constantemente obcecados em melhorar seu trabalho e aprender tudo a respeito de suas empresas”. Como consequência, essas pessoas acabam recebendo posições de grande destaque, bônus, compensações e participação acionária.

    Como complemento das atividades e conhecimentos, Corley notou também uma particularidade a respeito das personalidades desses milionários. Eles fazem contato. “Eles fazem ligações de aniversário, cumprimentam por eventos da vida, contatam pessoas que ficaram doentes e estão no hospital, ou tiveram um filho, ou se casaram”, explica. Dentro disso, desenvolvem bom relacionamento com pessoas influentes em suas áreas.

    Até o próximo post.

    Filmes

    Exame: 5 características do ciclo da pobreza

    11 de dezembro de 2017

    Em economia, ciclo da pobreza é “uma série de fatores ou eventos pelos quais a pobreza, uma vez iniciada, permanece até que seja interrompida por uma intervenção externa.”

    Evasão escolar. Falta de profissionalização. Falta de acesso à educação.

    Você conhece as cinco características do ciclo da pobreza? Em sua experiência de mais de dois mil atendimentos pessoais, Mauro Calil pode constatar que os clientes que os procuravam com problemas financeiros tinham cinco características comuns que formavam um ciclo da pobreza.

    A primeira característica é a preguiça. Toda pessoa com pouco dinheiro tem várias justificativas: o governo, o patrão, a burocracia, o vestibular, o país que é complicado… E a culpa é sempre de alguém. Isso nada mais é do que preguiça. Você acha que eu estou sendo cruel, não é? Mas existe uma série de pesquisas mostrando que a maior parte dos milionários americanos, mais de 90% deles, não vieram de famílias ricas. Por que será que uma mesma pessoa da mesma família, nascida com as mesmas condições, com os mesmos valores e oportunidades fica rica e as outras continuam pobres?

    A segunda característica é o consumismo. Essa característica é terrível, pois não somente impede quem é pobre de enriquecer, como também transforma pessoas ricas em pobres. E o pior, cria uma armadilha social. A pessoa se veste melhor, frequenta bons restaurantes, anda com carro novo, aparenta ser rico. Mas tudo o que tem são coisas ou dívidas, porque gastou tudo ou mais do que recebe comprando e consumindo.

    A terceira característica é não ter um patrimônio ativo, somente passivo. Essa é uma extensão natural e uma consequência inevitável da segunda característica. Quando se compra coisas, arrumam-se despesas. Já quando se troca o consumo por investimento, a pessoa obtém uma receita extra. O rico tem receita extra enquanto o pobre tem despesas.

    A quarta característica é não ter controle financeiro. Isso é muito básico. Quem não anota seus gastos, não checa suas contas para verificar o que gastou, possui cobranças adicionais por perder datas de pagamento, paga juros, etc., é uma pessoa com descontrole financeiro. E isso é igual a dirigir bêbado, com sono e falando no celular. Cedo ou tarde, vai dar problema.

    A última característica é a ausência total de um plano. Se a pessoa não parar para pensar e estabelecer um plano, fica sem rumo, à deriva na vida, sendo levado de um lado para o outro e sem saber onde vai chegar. Se é que chega em algum lugar… A pessoa vai remar, trabalhar e sempre ficará com o orçamento apertado e endividado. E a pessoa fica sem saber o que acontece, afirmando que a culpa é de outra pessoa, se entregando à preguiça, desistindo de vencer e voltando ao início do ciclo.

    Quebre o ciclo. Tenha um plano. Enriquecer é uma questão de ter e seguir um bom plano.

    Veja também o vídeo relacionado a este texto:


    fonte de consulta: exame.abril.com.br/blog/etiqueta-financeira/5-caracteristicas-do-ciclo-da-pobreza-video

    Até o próximo post.

    Convidados

    Os passos para ganhar mais dinheiro, de acordo com um milionário autodidata

    22 de setembro de 2017

    wealthy suits -
 Homem que ficou milionário em 5 anos revela 4 formas de ganhar mais dinheiro

    The 7 steps to making more money, according to a self-made millionaire

    Grant Sabatier que ficou milionário em 5 anos revela algumas formas de ganhar mais dinheiro. Ele construiu sua fortuna sozinho, garante que acumular dinheiro e alcançar a riqueza não acontece do dia para a noite.

    Em meio à crise que o país enfrenta, muitas pessoas procuram formas de aumentar a renda. Existem muitas formas de conseguir um dinheiro extra. Você pode, por exemplo, fazer alguns trabalhos temporários, mudar alguns hábitos ou investir em um novo negócio, mas Grant Sabatier, um milionário que construiu sua fortuna sozinho, garante que acumular dinheiro e alcançar a riqueza não acontece do dia para a noite. “Há etapas que você pode cumprir para aumentar significativamente suas chances de ganhar muito mais dinheiro”, afirma ao Business Insider.

    Segundo ele, que tinha R$ 2 na conta, mas conseguiu juntar R$ 1 milhão em 5 anos, há 4 formas que você pode fazer para ganhar mais dinheiro hoje ou futuro. “A maioria das pessoas toma decisões pensando no curto prazo, sem refletir sobre os impactos no futuro. Para ganhar dinheiro é preciso ser objetivo, estratégico e ter planejamento”, diz.

    Confira 4 formas de ganhar mais dinheiro:

    1) Conseguir um aumento ou um bônus

    A forma mais rápida e fácil de conseguir mais dinheiro é aumentar a quantia que você ganha com a sua fonte de renda principal. “Quando se trata de dinheiro sempre tente otimizar o que já está nas suas mão primeiramente”, diz Sabatier. Talento tem alta demanda e você pode usar disso para ter uma alavancagem financeira na sua área.

    Segundo Sabatier não importa o segmento para qual trabalha, cada vez mais os empregadores encontram desafios na hora de achar talentos para suas empresas. Você pode usar isso a seu favor, para ter mais poder durante as negociações de salário, por exemplo. Ele aconselha que o profissional deve ficar sempre atento ao seu salário no nível do mercado, comparando o mesmo cargo em outras empresas, por meio de sites na internet, para conseguir negociar um aumento.

    2) Comece a vender suas habilidades

    Outra forma de ganhar dinheiro é via internet. Você pode passar a vender seus conhecimentos e arrecadar uma quantia extra por mês. Você pode, aos poucos, construir sua audiência por meio de sites, blogs ou vídeos, por exemplo e rentabilizar.

    “Há mais informações criadas a cada segundo na internet, mas as pessoas fazem mais do mesmo, não sabem onde procurar respostas ou idéias que realmente funcionam”, comenta Sabatier. Se você pode fornecer respostas, ajudar as pessoas a serem mais efetivas, mais eficientes ou mais bem-sucedidas, então você pode ganhar muito dinheiro.

    Segundo o milionário, este é o paradoxo da nossa era – uma quantidade infinita de informações está disponível gratuitamente online, mas as pessoas procuram professores e curadores experientes. “Você pode facilmente vender seu conhecimento, aproveite”, diz.

    3) Abra sua própria empresa

    Nunca foi tão fácil abrir seu próprio negócio. E entenda que para isso é preciso um investimento inicial, e o retorno geralmente não é imediato. Mas você pode construir um site em 20 minutos e vender produtos ou oferecer serviços em questão de dias, por exemplo.

    “Se você vai lançar uma empresa, eu definitivamente recomendo que você comece uma empresa de responsabilidade limitada (Ltda.)”, diz. Nesse modelo, a abertura da empresa é feita a partir do investimento dos sócios e cada associado tem sua participação definida com base em sua contribuição.

    Como é vetada a retirada ou distribuição dos lucros para os sócios, caso haja prejuízos para o capital da empresa, Sabatier, acredita que é um modelo seguro para começar. “Existem muitas vantagens em lançar sua própria empresa e gerenciar sua vida como uma empresa”, diz.

    Trabalhar para si mesmo em tempo integral não é fácil, mas é o caminho mais claro para a riqueza, segundo o milionário. “Todos os seus investimentos – seu tempo, redes, habilidades e, é claro, o dinheiro irão formar uma combinação ao longo do tempo, que vai resultar em novos fluxos de renda e oportunidades”, afirma.

    Quando você está empreendendo é essencial para aprender a analisar suas vendas ou oportunidades de negócios em um nível mais profundo. “Eu aprendi a analisar pessoas jogando pôquer na faculdade. O que o cliente realmente deseja? O que seu chefe realmente quer? Não pense apenas sobre o que eles estão perguntando – pense mais fundo sobre o que os está motivando”, explica o milionário.

    Sabatier diz que seu chefe ou cliente quer que o seu produto o esteja ajudando de alguma forma. Na próxima vez que você estiver montando ou tentando vender um projeto, pense em como você pode facilitar a vida do seu cliente. E claro, cobre por isso.

    4) Crie uma rede de pessoas que compartilhem dos seus interesses

    Networking é crucial também para ganhar dinheiro. “Embora eu goste de fazer novos contatos, não gosto de eventos que forçam a construção dessa rede. Não acredito que funcionem”, afirma o milionário. A construção de networking online é excepcionalmente mais poderosa, segundo ele. “As conexões mais rentáveis que fiz foram através do LinkedIn, meu próprio site ou com referências de clientes passados”, conta. Depois de ter um relacionamento bom com alguns clientes, você pode ter acesso a outros vários nomes e pode pedir referências.

    Se você quer construir um negócio, por exemplo, você precisa criar uma rede de contatos e uma audiência. Uma rede é um grupo de conexões que leva tempo para construir e é essencial para desbloquear oportunidades ao longo de sua vida. Com a audiência fica mais fácil vender seu produto. Se você tem um grupo de pessoas que já acompanha seu negócio, confia no que você faz e sente que seu trabalho realmente faz diferença, é mais concreta a chance de lucrar.

    Leia também:

    Como trabalhar menos de 10 anos, conta alguém que se aposentou milionário em 5 anos

    Até o próximo post.

    Geral

    Educação Grátis: Planilhas de orçamento doméstico e planejamento financeiro

    8 de julho de 2017

    E-book: 49 dicas de economia doméstica

    Kit finanças pessoais com duas planilhas para você organizar seu orçamento e planejar seu futuro financeiro. Formatos disponíveis para Windows e Mac OS X.

    Mac-OS-X

    Confira abaixo o conteúdo:

    Planilha de orçamento doméstico

    Preencha a planilha com suas receitas e despesas todos os meses, acompanhe como está gastando seu dinheiro e identifique as maiores oportunidades para poupar.

    Planilha de preparação para a aposentadoria

    Diga quanto você planeja poupar até se aposentar e em quanto anos quer parar de trabalhar que a planilha mostrará quanto você precisa guardar a cada ano.

    Baixe as planilhas agora mesmo!

    E-book – Aposentadoria: Faça seu próprio pé de meia

    Até mais.

    Geral

    Mr Crazy Kicks: Homem que passou por dificuldades financeiras conta como conseguiu se aposentar aos 34

    6 de julho de 2017

    Blogueiro que passou por dificuldades financeiras conta como conseguiu se aposentar aos 34, sendo que o seu irmão mais novo o fez perceber que não havia necessidade de ganhar mais, mas sim de gastar menos!!!

    Hábitos que atrapalham sua vida na hora de construir riqueza

    Com pseudônimo Mr Crazy Kicks, o blogueiro de viagens que se aposentou aos 34 anos após ter uma conversa muito esclarecedora com seu irmão mais novo. Conforme conta em texto, a grande virada da sua vida aconteceu ao perceber que o parente, que trabalhava como garçom, conseguiu juntar US$ 60 mil durante a faculdade sem fazer nenhum investimento, mas sim com uma atitude muito simples: economizar.

    Mr Journey Kicks, Homem que passou por dificuldades financeiras conta como conseguiu se aposentar aos 34, Aposentadoria, Previdência, Independência Financeira, Blogueiro, Blogueiro de sucesso, Blogueiro Rico, Blog de viagem,Rico, Riqueza

    De família de classe média-baixa, ele conta que passava dificuldades e não tinha dinheiro para comprar roupas e outros itens básicos durante os diversos períodos de desemprego de seus pais na infância. “O pior que sofri foi a vergonha de precisar usar as roupas da minha irmã mais nova para ir à escola”, descreve.

    Aos 14 anos, Kicks conseguiu seu primeiro emprego em uma cafeteria, ganhando US$ 30 por dia. Com economias deste trabalho, passou a investir em títulos bancários CD (Certificate of Deposit) com retorno de 5% ao ano, e percebeu que era possível fazer seu dinheiro render. “Como eu preferia jogar videogames a trabalhar em uma cafeteria, eu realmente gostava da ideia de fazer dinheiro sem trabalhar”.

    O WalMart foi o segundo trabalho do blogueiro que, recebendo US$ 10 por hora, conseguiu pagar por seus estudos cortando grama nas lojas do supermercado. Posteriormente, continuou trabalhando enquanto cursava a faculdade de engenharia da computação.

    O erro: gastos

    Após a formatura, passou a trabalhar na área que cursou. “Conseguir um emprego de verdade foi um verdadeiro alívio para mim. Celebrei meu sucesso saindo para comer fora, comprando brinquedos e passando noites em bares quando quisesse. Após alguns anos, comprei uma casa e um novo carro”, conta o blogueiro. “Tinha 23 anos e estava vivendo”, relata.

    Enquanto gastava todo o seu dinheiro assim que recebia, não pensava no futuro. Foi nessa época que veio o que chama de “momento eureca”.

    Virada

    Ao saber do dinheiro que seu irmão mais novo havia juntado US$ 60 mil – muito mais do que o próprio tinha em sua época de faculdade – sem investir em nada extraordinário e com um emprego que pagava pouco. “Eu não precisava ganhar mais, eu precisava gastar menos – muito menos”, escreveu.

    Neste ponto, seu salário era de US$ 60 mil ao ano, os quais gastava quase que completamente. “Na universidade, vivia com uma fração disso”, relembra. Foi aí que veio a verdadeira virada.

    Seu casamento custou US$ 20 na prefeitura da cidade; ele vendeu o carro chique e substituiu por um popular; continuou comendo e bebendo o que gostava, mas dentro de casa. A partir daí, as economias começaram a “empilhar dinheiro em suas contas bancárias”, conta.

    Após tomar as providências para gastar menos, ele e a esposa decidiram investir essas sobras. Três fundos de investimento atrelados a taxas prefixadas fizeram parte do portfólio de longo prazo escolhido pelo casal para impulsionar os ganhos. “Eram muito mais simples e livres de stress”.

    Liberdade

    No trabalho, passou a recusar projetos estressantes, usar jeans no escritório e buscar projetos em pesquisa – área pela qual se interessava mais. “Conforme você cresce na engenharia, você também para de fazer o trabalho divertido”, diz.

    Tanto o blogueiro como sua esposa usaram investimentos simples e cortes nos gastos para largarem os empregos em corporações tradicionais. A meta era que se aposentassem em 2020, mas eles conseguiram em 2016 e 2017.
    mrcrazykicks.com/my-journey-to-financial-independence

    Até o próximo post.

    Geral

    8 erros que impedem você de alcançar seu primeiro milhão

    5 de junho de 2017

    É possível viver de renda com R$ 1 milhão?

    arvore-do-milhao

    Qualquer indivíduo pode conseguir a riqueza, porém o caminho tem obstáculos e exige algumas mudanças de hábitos e mentalidade. Se faz necessário ter paciência, dedicação e foco para alcançar seu 1º milhão. Existem pessoas que chegam muito perto de se tornarem milionárias, mas por uma série de pequenos deslizes acabam não alcançando o objetivo.

    O Business Insider listou alguns erros (11 mistakes standing between you and your first million) que impedem você de ficar milionário. Confira a seguir:

    1- Gastar tudo o que você ganha

    Parece óbvio, mas viver dentro do orçamento pode ser um verdadeiro desafio e é crucial para alcançar seu primeiro milhão. Se você não poupar dinheiro e gastar menos do total que possui fica quase impossível acumular riqueza. As pessoas que são ricas sabem viver dentro dos seus meios, inclusive ser rico não precisa ser sinônimo de luxo, Warren Buffett, por exemplo, vive em uma casa modesta e Mark Zuckerberg faz questão de manter carros mais baratos.

    2- Você não está pensando como um milionário

    Como Napoleon Hill descobriu em seu livro de 1937 “Think and Grow Rich” (Pense e Cresça Rico, em tradução livre), pessoas ricas pensam de forma diferente do que as outras. Depois de entrevistar 1.200 dos indivíduos mais ricos do mundo, o milionário Steve Siebold concorda com as descobertas de Hill, que incluem: os ricos têm uma mentalidade de ação, adquirem conhecimento específico de seus negócios, sonham com o futuro, seguem sua paixão, gostam de desafios e sabem quando assumir riscos. Em suma, se você quer se tornar um milionário, comece a mudar a maneira como você pensa sobre o dinheiro e o sucesso.

    3- Estar muito preocupado com a perfeição

    Para alcançar a riqueza é preciso entender que nem sempre tudo vai sair do jeito que você planejou. Nada é perfeito. Quanto mais cedo você aceitar isso, mais cedo você poderá avançar, em vez de ficar preso em um só lugar. Se você está iniciando um negócio, quanto mais tempo você gastar aperfeiçoando seu produto ou serviço, mais tempo seus competidores têm para conquistar seu mercado e tirar clientes potenciais. Não hesite em experimentar. Entre no mercado o mais rápido possível. Você sempre pode aperfeiçoar detalhes mais tarde, enquanto você ainda está lucrando.

    4- Seguir outras pessoas cegamente

    Pode ser incrivelmente benéfico procurar mentores ou ler sobre aqueles que alcançaram a riqueza. Porém, o que funcionou para eles pode não funcionar para você. Por exemplo, o lançamento de uma empresa como a Apple ou a Microsoft pode não funcionar hoje. Então, seguir os passos de Steve Jobs e Bill Gates não necessariamente quer dizer que você terá sucesso também. Você deve confiar em si mesmo e em suas ideias, e compreenda o que funciona melhor para os seus negócios e como você pode ser bem sucedido nesse setor.

    5- Confiar demais no cartão de crédito

    Os cartões de crédito podem ser úteis – mas desde que você saiba usar de forma consciente. É fácil fazer dívidas por meio do cartão de crédito. E dívidas significam que, ao invés de fazer investimentos ou colocar dinheiro em seu negócio, você está ocupado pagando suas contas de cartão de crédito com altas taxas de juros. E a riqueza vai ficando cada vez mais longe, então cuidado ao usar o crédito.

    6- Não pensar no futuro

    Quem alcançou a riqueza tem a habilidade de planejar pensando no futuro. Os ricos sabem para onde querem ir e o que vão precisar para alcançar o sucesso, que nem sempre chega rápido. Atitudes a longo prazo permitem que você antecipe obstáculos e que tenha um plano para lidar com eles. Se você está iniciando um novo empreendimento, você precisa ter um plano a longo prazo que aborde como atrair e reter clientes e que mostre como você é diferente da concorrência.

    7- Fazer tudo sozinho

    É impossível fazer tudo por conta própria. Contar com um equipe ou algumas pessoas que você confia é crucial para alcançar a riqueza. Saiba como terceirizar e delegar as tarefas com as quais você não está familiarizado ou não é tão forte. Este é um dos segredos que os empresários raramente contam, mas é essencial se você deseja que seu negócio cresça e alcance o sucesso.

    8- Passar tempo com as pessoas erradas

    Os ricos não perdem o tempo associando-se às pessoas erradas. A ideia é que você se aproxime de pessoas que incentivem seu trabalho e que façam você se sentir bem. Pessoas negativas que continuam dizendo que você não pode alcançar seus sonhos, ou que estão usando seu sucesso para tirar vantagem não valem a pena manter por perto. Os ricos passam o tempo com pessoas de mentalidade semelhante que são motivadas e apaixonadas por seus negócios, que focam seus pensamentos em coisas positivas e no seu futuro.

    Até o próximo post.