‘Natal’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: natal

    Convidados

    Como Aumentar Suas Vendas no Natal

    6 de dezembro de 2017

    O fim de ano chegou, e junto com ele, o aumento da expectativa das lojas pelas vendas de Natal. A comemoração é a mais rentável para o comércio no Brasil, pois movimenta diversos segmentos: perfumaria, brinquedos, vestuário, livrarias, roupas, dentre muitos outros.

    Pensando nisso, hoje trouxemos algumas dicas para ajudar seu negócio a aumentar as vendas neste final de ano. Por mais que o número de consumidores seja maior, a estratégia correta pode fazer toda a diferença.

    Explore Seu Banco de Dados de Clientes

    As vendas de Natal são vendas como quaisquer outras. Isso significa que é natural o processo de oferecer seu produto. Como é uma época especial para o comércio, utilize e-mails, cadastro de clientes , redes sociais e quaisquer outros caminhos possíveis de acesso ao seu cliente.

    Aqui a regra é utilizar a tecnologia a favor do seu negócio explore um Sistema ERP para alcançar o maior número de pessoas possível gerenciando informações importantes como fornecedores, produtos e clientes.

    Capriche especialmente no e-mail marketing. Muitas empresas subestimam essa ferramenta, mas ela possui uma ótima taxa de conversão e, para muita gente, ainda transmite mais credibilidade do que outras formas de divulgação on-line.

    Monte Uma Campanha de Natal

    Lembre-se: nas vendas de Natal a concorrência é extremamente acirrada. Você precisará fazer com que seu cliente escolha seu produto entre uma infinidade de outras opções de diversos segmentos. Dessa forma, é preciso chamar atenção.

    Monte uma campanha robusta para apresentação de seus produtos, das promoções e das condições de pagamento. Utilize imagens, cores e conceitos natalinos em tudo.

    A maioria das pessoas simpatiza com essa data comemorativa. Nada mais natural do que associar sua marca e seu negócio à ela.

    Ofereça Condições Especiais de Pagamento

    No Natal não são apenas os presentes que afetam o bolso do seu cliente. É uma época de gastos consideráveis para a maioria das pessoas, por isso elas farão o possível para distribuir os pagamentos da forma mais suave o possível.

    Se você não quiser perder vendas, é bom avaliar a possibilidade de flexibilizar os meios e os prazos praticados. Por mais que eventualmente você comprometa parte do seu lucro com as altas taxas bancárias, lembre-se que aqui o segredo está no volume comercializado. A receita total cobrirá os custos adicionais.

    Planeje Suas Vendas

    Tão importante quanto concretizar vendas é ter um  programa de controle de estoque para atender à demanda. Inclusive, sem produtos disponíveis em momentos críticos, sua loja pode ficar com a imagem prejudicada perante os clientes.

    Faça uma estimativa baseada em anos anteriores e no comportamento atual do seu público alvo. Prepare a estrutura do negócio para o aumento projetado e crie contingências, como negociações prévias com fornecedores alternativos. As vendas de Natal são uma condição atípica, trate-as como tal.

    Engaje Sua Equipe

    Nossa quinta e última dica é sobre os astros do processo: seu time de vendas. O aumento da demanda significa, também, aumento de serviço. Você precisará de sua equipe mais engajada do que nunca para atender com qualidade o grande volume de clientes esperados.

    Dificilmente seus colaboradores entregarão o necessário sem que você desenvolva alguma ação de incentivo. Além das tradicionais premiações por alcance de metas, tenha uma conversa franca e prepare seus vendedores para o que virá.

    Por mais que o trabalho seja obrigação deles, lembre-se de que se trata de uma situação especial. Os dois lados ganham quando as coisas vão bem. No caso das vendas de Natal, a dedicação extra fará toda diferença.

    As Vendas de Natal e o Pós-Venda

    Uma questão extra que queremos discutir é o pós-venda, um processo essencial para a fidelização do seu cliente. Você não quer fechar apenas um negócio, quer pessoas buscando sua loja de forma recorrente. Dessa forma, garantir a satisfação do cliente até a finalização do ciclo de venda é de extrema importância.

    Muitos comerciantes se esquecem disso na hora de planejar as vendas de Natal. O volume aumenta e eles não conseguem atender aos pedidos posteriores de troca, devolução, assistência técnica e demais ações pós-venda. Não cometa esse erro.

    Calcule o volume estimado de possíveis questões pós-venda, prepare a estrutura e capriche na comunicação com seu cliente. Muito trabalho não precisa ser sinônimo de desorganização. Na pior das hipóteses, se atrasos acontecerem, o melhor é tratar a questão com transparência.

    dicas-para-aumentar-suas-vendas-no-natal

    Geral

    Comprar depois do Natal?

    14 de dezembro de 2015

    Ué, mas por que alguém iria fazer compras logo após o Natal e festas de fim de ano?
    O motivo é que a maioria das lojas começam suas grandes vendas anuais assim que passa o Natal. No tempo em que as compras de Natal são perfeitas para presentes (brinquedos, livros, jóia , etc.), as vendas pós Natal são voltadas para as coisas que as pessoas precisam em casa, por exemplo, TVs , móveis ou eletrodomésticos, porém não podem pagar até que os preços sejam reduzidos.

    Desta forma, a decisão de comprar para o Natal ou esperar os descontos de início do ano vai será calcado basicamente no item exato que o consumidor pretende comprar.

    Seguem alguns itens que possivelmente são melhores de comprar somente depois do Natal:

    • Laptops, notebooks, tablets e smartphones
      Com o novo ano chegando, os modelos anteriores de laptops e notebooks tem que ir para dar lugar para os novos chegando em 2016. O mesmo vale para smartphones e tablets, que enfrentam uma queda considerável de preço no início de ano. Pesquise um pouco e você vai encontrar verdadeiras pechinchas nos preços.
    • Câmeras
      Câmeras não são baratas. Claro, existem câmeras baratas , mas boas câmeras, com todas as últimas tecnologias definitivamente não são baratas. Então, se você deseja substituir a sua velha e desgastada câmera, aguarde até que as vendas que começam após as férias de Natal. Então vá realmente fazer compras para aqueles negócios em câmeras digitais, câmeras de vídeo, webcams e todos os acessórios necessários!
    • Ferramentas
      As ferramentas para o lar e para quem tem alguns hobbies, como mecânica ou marcenaria, não são baratas. Você pode facilmente gastar até alguns milhares de dólares se você precisar comprar algumas ferramentas elétricas. É por isso que os pós-vendas de Natal são o melhor momento para obter estes itens a um preço de barganha e assim conseguir guardar um pouco do dinheiro.
    • Ferramentas e suprimentos de escritório
      Ferramentas de escritório caras e suprimentos também encontram grandes reduções de preços e aumento de vendas depois do Natal. Na verdade, em torno do final de janeiro, início de fevereiro. Impressoras, scanners, móveis de escritório, pastas, trituradores de papel, todos eles vendem bem e barato durante este período. Toda empresa, seja para fins lucrativos, escolas ou organizações sem fins lucrativos precisam estocar suprimentos de escritório e a melhor época do ano é quando tudo está no seu preço mais barato!
    • TVs
      TVs são um tipo de acessório para casa caro que muitas pessoas simplesmente não podem pagar até que estejam em promoção. Claro, você pode obter alguns televisores baratos, mas se você realmente quer uma tela grande com o melhor entretenimento, então você deve esperar até que as compras de Natal passem, e , em seguida, saltar sobre os descontos de início de ano. Só então você vai encontrar as verdadeiras pechinchas!
    • Equipamentos de Fitness
      Aparelhos de ginástica estão entre as top 5 coisas para comprar depois do Natal. Aparelhos de ginástica e academias de ginástica em casa não são baratos, e é realmente o melhor momento guardar dinheiro para comprar os itens na próxima temporada. Se a sua resolução de Ano Novo inclui perda de peso e moldar-se, comprar o seu próprio equipamento de ginástica em casa no início do ano é o primeiro passo para realmente manter essa resolução e poupar dinheiro com isso.

    Outra boa vantagem em não comprar no Natal é evitar as filas e multidões de pessoas nas compras. Isto não é incrível?
    Outra boa vantagem em não comprar no Natal é evitar as filas e multidões de pessoas nas compras. Isto não é incrível?
    fonte: creditooudebito.com.br/comprar-para-natal-esperar-descontos-inicio-ano

    Até o próximo post.

    Geral

    2014: O pior natal dos últimos anos?

    3 de dezembro de 2014

    Existem muitos economistas e políticos acreditando que este natal de 2014 deva ser um dos piores dos últimos anos. Por exemplo, o governador eleito do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), acredita que o Natal deste ano pode ser o pior dos últimos 10 anos para a economia. A afirmação foi feita em 28/11/2014 durante reunião com a administração do Banco do Brasil no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo.

    Grumpy Cat 2014 terá o pior natal de todos os tempos
    Grumpy Cat 2014 terá o pior natal de todos os tempos

    Ainda segundo o Azambuja, essa realidade se repete em vários estados brasileiros, considerando que o desaquecimento da economia é geral:
    – Vivemos uma retração da economia, algo que é sentido claramente por causa do aumento do desemprego e a diminuição das vendas no comércio.

    Conforme o governador, se o Natal realmente for ruim para a economia, as finanças públicas serão impactadas diretamente, tanto nas receitas dos estados, como da União e dos municípios.

    O motivo é porque as verbas do Estado também precisam dar conta de outros gastos previstos para outro período.
    campograndenews.com.br/economia/natal-de-2014-sera-pior-dos-ultimos-10-anos-preve-governador-eleito

    Leia também:
    – O PIOR NATAL do Século e um miserável ANO NOVO !

    – Consumidor deve gastar menos neste Natal

    Até o próximo post.

    Geral

    Contas de início de ano

    25 de dezembro de 2013

    Um assunto importante em finanças pessoais é o seguinte:
    – As contas de início de ano exigem planejamento!

    Depois das festas de fim de ano, a fatura do cartão de crédito chega a triplicar em relação ao gasto médio do resto do ano de muitas pessoas, as quais costumam tomar um susto com este fato.

    Todo começo de ano concentra inúmeros pagamentos, como compras parceladas de Natal, IPVA, IPTU, além do reajuste de matrículas e mensalidades escolares. Se as dívidas forem inevitáveis, o ideal é quitá-las o mais rápido que se puder. Passado isto, o ideal é conseguir poupar por meio de planejamento do orçamento e entrar no próximo ano seguinte livre dos endividamentos. Vale lembrar que deve-se reduzir os gastos supérfluos é essencial para conseguir quitar o máximo de cobranças, além de poupar durante o ano.

    Veja mais sobre o assunto aqui:
    Contas de início de ano exigem planejamento
    25/12/13 09:41

    Leia também:

    Até o próximo post.

    Geral

    O ano novo começa agora

    18 de Fevereiro de 2013

    O ano começou, o carnaval acabou, o trânsito infernal voltou, as aulas voltaram, voltamos à realidade. Conto de fadas só no final de ano, de novo!
    A festa acabou, “the party is over”, “se acabó la fiesta”.

    E chegando novo fim de ano, novas festas, novas compras, novas esperanças, novas férias, o ciclo retorna, o Brasil ficará parado por mais três meses do ano, e depois do próximo carnaval, chegará ano novo de novo, e poderemos lá dizer feliz 2014, como dizemos agora feliz 2013.

    A hora do país crescer mais, produzir, gerar mais empregos, gerar mais inovação é agora ou nunca, ou melhor, pode ficar para o ano que vem também.

    Até o próximo post.