‘Hotel’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: hotel

    Geral

    Expedia: 7 dicas para economizar em suas viagens

    26 de maio de 2017

    dicas-para-economizar-na-disney
    Muitas pessoas possuem uma dificuldade enorme de organizar as próprias viagens viagens, seja para o exterior ou para diferentes regiões do Brasil, é organizar-se financeiramente para conseguir arcar com todas as despesas envolvidas.
    No caso de viagens para o exterior, isso fica ainda mais difícil no atual cenário de flutuação cambial, o que faz com que muitos preços fiquem mais altos que o normal e, eventualmente, dificultar o planejamento financeiro para a viagem. Passagens aéreas, hospedagem, passeio e todos os demais custos em viagens para outro país podem ficar mais caros.

    Erros que fazem você pagar mais caro em passagens aéreas

    De acordo com Carolina Piber, diretora executiva da Expedia para América Latina, o segredo é economizar para a viagem e procurar sempre preços mais acessíveis. Ela separou sete dicas que facilitam essa economia.

    Veja a seguir:

    Faça parte de programas de fidelidade

    Sejam programas de fidelidade do cartão de crédito, de marcas hoteleiras ou de companhias aéreas, todos são vantajosos para viajar. Através deles é possível ter descontos em restaurantes, em hotéis, em passagens e ter direito a benefício exclusivos. Um exemplo é o programa da própria Expedia, o Expedia +, que dá aos participantes hotéis VIPs e cortesias, além de descontos.

    Reserve voo e hotel juntos

    De acordo com Carolina, reservando algum pacote ao invés de somente hotel ou somente passagens aéreas, o preço final pago sai menor do que reservando separadamente. Isso acontece por conta de negociações que são feitas entre os parceiros e a intermediadora da compra – no caso, o site onde é comprado e os hotéis ou companhias aéreas.

    Fique atento ao período da viagem

    Saber se o período em que viajará é alta ou baixa temporada no seu destino é importante, pois, em casos de alta temporada, os preços ficam muito mais altos. Reservando para meses de baixa temporada, o preço é mais baixo.

    Preço varia de acordo com dia do voo

    De acordo com um levantamento da Expedia, as viagens realizadas entre sábado a quinta têm tarifas mais baixas do que as feitas entre domingo e segunda. Além disso, normalmente durante a semana os voos ficam mais vazios, o que, segundo Carolina, facilita o upgrade de classe.

    Fique atento às compras no exterior

    O ideal é viajar com o maior número de contratações e compras já feitas, incluindo passeios e diárias em hotéis. Isso evita surpresas com a cotação do dólar, que pode estar mais alta durante a viagem. Prevenir-se de uma alta do dólar é a melhor estratégia.

    Também é importante evitar usar cartão de crédito no exterior, já que o IOF cobrado sobre a cotação aumenta o preço pago.

    Tenha apps no celular

    Baixar o aplicativo da agência de viagem onde você reservou seu pacote, da aérea com a qual você viajou e até mesmo hotel onde vai se hospedar pode ser uma forma de manter-se informado sobre suas reservas, além de poder ser notificado sobre qualquer imprevisto.

    Prefira destinos menos conhecidos

    Por conta da demanda, os destinos mais populares entre os turistas normalmente também são os mais caros. Por isso, considerar viajar para cidades menos populares é uma forma de pagar menos.

    Outra recomendação da Expedia é sobre a hospedagem em “cidades satélite”: por exemplo, ao invés de hospedar-se em Campos do Jordão para passear na cidade, sai mais barato hospedar-se em Santo Antônio do Pinhal, cidade que fica há menos de 30 km e tem preços mais baixos.

    Até o próximo post.

    Geral

    Alguns atrativos de morar em Santos e região

    27 de maio de 2016

    Afinal de contas, quais são as vantagens para se morar em Santos e região da Baixada Santista?
    No caso, Santos é uma cidade de aproximadamente 420 mil habitantes, porém tem todo conforto e regalias de uma capital, o povo é simpático, hospitaleiro e descontraído. A cidade tem 03 teatros, 04 shoppings, mais ou menos 15 salas de cinema, duas bibliotecas, vários bares, restaurantes e discotecas, além de inúmeras faculdades, assim como Hospitais e boa rede de atendimento médico, algo essencial para as crianças e pessoal da terceira idade, os quais costumam morar em peso na região por ser plana e clama.
    A praia de Santos é bem organizada, sem sombra de dúvidas a com melhor infraestrutura da Baixada Santista. A praia e a parte urbana do município tem boa segurança, sendo muito melhor do que a grande maioria das cidades brasileiras.

    Santos ocupa o 6º lugar entre as cidades do país no que se refere ao IDH (índice de desenvolvimento humano), esgoto e água encanada suprem quase 90% da cidade. No verão é bem quente devido ao paredão da Serra do Mar que segura o calor na região até tarde da noite, mas tem um ponto que pode ajudar: as chuvas que costumam ser generosas e trazem um bom refresco. Para quem gosta de paz e tranquilidade, pode ser uma boa opção, embora os imóveis tenham subido os preços nos últimos anos e o trânsito esteja um pouco mais intenso.

    O município de Santos fica a 70 km da Capital, com trânsito normal a viagem da rodoviária de Santos até o Terminal do Jabaquara em São Paulo, demora algo em torno de um hora.

    Outra cidade interessante vizinha de Santos, a qual aliás faz parte da mesma Ilha de Santo Amaro, é São Vicente. Possui diversas opções de lazer como Praias, Bares, Restaurantes, Boates, Quiosques, Turismo Ecológico, Teleférico, Asa Delta, Surf, Stand-up, Caiaque, Barco, etc..

    vista da praia do itararé

    Uma boa opção para um fim de semana seria alugar uma pousada ou apartamento em imóvel próximo a praia, como Itararé, Ilha Porchat ou Gonzaguinha.

    Para quem interessar, veja vídeos e imagens a seguir de pontos turísticos da região clique aqui.

    Até o próximo post.

    Geral

    Airbnb para gerar renda extra na crise financeira

    30 de março de 2016

    No país da foice, martelo e estrela(se apagando), o povo encontrou mais uma alternativa para escapar dos efeitos da forte recessão que assola o país há alguns anos. Os brasileiros que possuem imóveis parcialmente ou totalmente vagos durante parte do ano buscaram a plataforma do Airbnb para obter renda extra com a locação temporária de casas, apartamentos ou quartos ao longo do último ano de 2015, conforme entrevista ao portal Exame de Leonardo Tristão, presidente da empresa americana para o mercado brasileiro.

    Airbnb

    Ainda segundo dados da empresa, o crescimento nos últimos 12 meses no país foi de 109% na comparação ano sobre ano. O Airbnb começou as operações no Brasil em 2012. O presidente Tristão também ressalta que o número de hóspedes brasileiros na Copa de Mundo da Fifa, em 2014, foi pequeno em relação ao total, 6%, enquanto 120 mil estrangeiros utilizaram o app para encontrar um lugar para ficar ao acompanhar as partidas de futebol pelo país. Ele informa que mudaram a estratégia ao focar nos brasileiros e no mercado doméstico. Isto fez com que o número subisse para 53% no total de reservas de brasileiros no final do ano de 2015. O brasileiro começou a descobrir o Airbnb.

    As pessoas costumam usar a plataforma da empresa para buscar locais mais populares. Entre os 5 destinos mais comuns, as praias paulistas aparecem três vezes. A lista é a seguinte, em ordem de popularidade: Rio de Janeiro, Ilhabela (SP), São Sebastião (SP), Florianópolis e Guarujá (SP). Tristão relatou que o viajante se voltou para o mercado doméstico, em função da desvalorização do real, fato que ajudou bastante o crescimento de usuários da plataforma no país. Como existem muitos anúncios Brasil afora, nos 27 Estados, foi possível democratizar um pouco o turismo. As pessoas conseguem se hospedar em qualquer ponto do país com um orçamento que cabe no bolso.

    Para atender à demanda alta de reservas para os Jogos Olímpicos do Rio 2016, o presidente do Airbnb para o Brasil informou que não será necessária uma adequação tecnológica da plataforma digital, porém a empresa terá um escritório provisório na cidade.

    Para garantir a qualidade do serviço, haver confiança tanto de quem aluga quanto de quem se hospeda em uma acomodação usando o Airbnb, a empresa aposta em um sistema de avaliação bilateral, assim como faz o serviço de caronas pagas Uber.

    De acordo com o presidente da empresa, a reputação do hóspede pode afetar a capacidade dele de conseguir reservas. Se ele causou problemas em uma casa, o anfitrião pode não aceitá-lo. O mesmo vale para o anfitrião. A base do serviço é a reputação, porque ela gera confiança.

    A companhia tem aplicativos para smartphones com sistemas Android e iOS, além de um site:
    https://www.airbnb.com.br

    Para quem gosta de viajar de forma econômica, vale a pena também conferir:

    Os melhores cartões de crédito para acumular milhas

    Programas de milhas: vale a pena participar?

    Até o próximo post.

    Geral

    Como viajar de forma econômica

    13 de maio de 2013

    É bom viajar e valorizar cada centavo do seu dinheiro.
    Fazer uma viagem é uma das melhores coisas da vida para muitas pessoas, além de ser uma boa forma de gastar o próprio dinheiro. Nada melhor do que viajar e voltar para casa com alguns trocados para planejar o próximo passeio.

    Existem várias dicas que de fato fazem com que seu dinheiro seja mais valorizado durante uma viagem, sem deixar de aproveitar o que o lugar oferece de bom. Enfim, são apenas algumas dicas para se aproveitar mais a viagem gastando menos dinheiro.
    Seguem algumas delas abaixo:

    • Viajar na baixa temporada sempre que possível.
    • Fazer orçamento com um agente ou agência de viagem e comparar com preços em serviços de buscadores de passagens e hospedagem para verificar qual sai mais barato.
      Alguns destes sites são: decolar.com, booking.com, submarinoviagens.com.br, etc…
    • Aproveite programas de milhagens, os quais são aqueles que você acumula pontos a cada viagem efetuada por uma companhia aérea. Tais programas são uma boa forma de viajar sem dispor de tanto dinheiro.
      Não perca o prazo de validade do programa milhagem.
    • Procure aproveitar na medida do possível viagens de negócios, ou seja, levar cônjuge, família ou amigos juntos, pois os seus custos serão reduzidos.
    • Aproveite a vantagem de algumas companhias aéreas terem convênios com alguns hotéis, cartões de crédito, locadoras de carros e várias outras empresas de serviços variados, os quais podem significar economia no seu destino.
    • Compre passagens com a maior antecedência possível sem esquecer das promoções.
    • Os que gostam de comer fora para conhecer a gastronomia local devem evitar os locais mais badalados em ruas principais, movimentadas e famosas.
      Prefira ruas secundárias que sejam em locais menos badalados, claro, contanto que não sejam menos saborosos.
    • Certifique-se de levar todas as roupas e acessórios necessários para o clima do local onde viajará.
      Desta forma você irá evitar fazer compras desnecessárias. Exceto os itens que você não tem e no seu destino de viagem eles são mais baratos.
    • Procure fazer compras nos locais mais baratos sem esquecer da qualidade, óbvio. Cuidado com as compras de última hora.
      Evite comprar itens que existem no seu local de residência e prefira fazer compras de produtos com características locais.
    • Se for viável, prefira usar transporte público ao invés de alugar um carro, por exemplo.
      Se for alugar um carro, prefira as locadoras onde há promoções disponíveis.
    • Procure pesquisar os pontos turísticos que queira visitar antes de viajar e planejar em que pretende gastar para evitar surpresas para o seu bolso.
    • Evite usar telefone celular na viagem para não ter que pagar tarifas de roaming.
      Prefira usar o telefone público ou comprar créditos de voip, Skype, por exemplo, ou mesmo usar apenas um e-mail, comunicador de mensagem instantânea(Google Talk, Skype, WhatsUp, etc…) ou blog para se comunicar.
    • Hospedagem em albergues pode ser uma boa forma de economizar para quem não se importa tanto com o conforto de um hotel e ainda permite conhecer novas pessoas.
      Pousadas também costumam serem mais baratas que hoteis.
    • Aos que preferem se hospedar em hoteis, uma sugestão é comprar comida no supermercado que seja possível comer no hotel. Isto ajuda a evitar o gasto com alimentação na rua.
    • Existem alguns lugares onde fica mais barato alugar um apartamento ou chalé do que ficar hospedado em um hotel.
      Este caso é ideal para quem viagem em grupo.

    E na dúvida, nunca se esqueça, consulte o seu agente de viagens.

    Veja também:

    – Dicas de como conseguir uma viagem econômica

    Como encontrar destinos de férias baratos com a ajuda da economia
    férias na praia do farol

    Até o próximo post.