‘Casa’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: casa

    Convidados

    Dicas para economizar na hora da reforma

    6 de abril de 2018

    Se você esta pensando em reformar algum cômodo da sua casa, e precisa começar a planejar e economizar para que tudo dê certo e você não precise ter gastos extras na sua reforma, veja as dicas que separamos para você.

    1ª dica – Planejar

    hora-da-reforma-1

    Se você já conversou com outras pessoas que passaram por uma obra ou pequena reforma, tenho certeza que já ouviu falar, que a reforma durou mais do que o previsto, e com gastos extras que você não esperava.
    Por tudo isso a nossa primeira dica é Planejar. Pois na fase do planejamento do seu projeto, todas as considerações são anotadas, calculadas e previstas. Assim o valor da sua reforma será calculada de acordo com o planejamento feito, evitando o gasto e desnecessário ou aumento dos valores.

    2ª dica – Pesquise o preço de materiais

    hora-da-reforma-2

    Com o planejamento em mãos, você já sabe o que comprar e o quanto pode gastar. Por isso, pesquise na hora de escolher e comprar os materiais necessários. Porque esta é uma das formas principais de conseguir economizar na hora da reforma. Mas não se esqueça daquela frase em que diz que o barato pode sair caro. Seja econômico, mas escolha materiais de boa procedência.

    3ª dica – Mão de obra qualificada

    hora-da-reforma-3

    Pensa bem, se após o seu planejamento conseguir adquirir todo o material dentro do seu orçamento previsto, os profissionais escolhidos não forem capacitados para o serviço de reforma? Todo seu projeto irá por água abaixo.
    Por isso aposte em profissionais bons, procure referências, converse com alguém que já fez uso dos serviços prestados por ele, isto é fundamental para o seu projeto dar certo. E sua reforma não sofrer nenhuma alteração, tanto com o prazo de acabamento dos serviços, quanto com o gasto desnecessário com os profissionais escolhidos.

    4ª dica – Guarde dinheiro para os imprevistos

    hora-da-reforma-4

    Mesmo após você ter se cercado de todos os passos necessários para uma reforma de sucesso, é mais do que natural surgir imprevistos, e você precisa estar preparado. Por isso lá na primeira fase do planejamento já anote o quanto você vai guardar para gastar com os imprevistos, pois tenha certeza de que eles vão surgir, e se você estiver preparado a dor de cabeça não será tão grande.
    Pois nada mais desastroso do que ter que parar a reforma e conviver no caos, por falta de dinheiro na hora que surgiu o problema não acha?

    Fonte: DcoreVocê

    Convidados

    Como Ganhar Dinheiro trabalhando em Casa?

    6 de julho de 2017

    Hoje em dia muito se fala em trabalhar em casa, ganhar dinheiro pela internet ou até mesmo ter uma renda extra. O que muitas pessoas desconhecem é que isso é totalmente possível, continue lendo este artigo vou lhe mostrar algumas maneiras REAIS de trabalhar em casa e ter um excelente faturamento, podendo até mesmo deixar seu emprego atual ao longo de sua jornada como empreendedor digital.

    Trabalho pela internet a um bom tempo e sei bem dos perrengues que já passei caindo em furadas e propagandas enganosas ao longo de minha jornada, a boa notícia é que fiquei calejado e hoje sei exatamente o que funciona e o que não funciona no mundo dos negócios online.

    como-ganhar-dinheiro-trabalhando-em-casa

    O que não funciona?

    • Sistemas que prometem você ganhar Milhares de Reais em 30 dias, fuja desse tipo de situação. É totalmente possível você ganhar muito dinheiro através da internet, porém isso não acontece da noite para o dia, você precisa estudar muito e principalmente por o que aprendeu em prática, irá errar, irá desanimar, mais se continuar focado, os resultados aparecem.
    • Sistema de mala diretas, isso é furada, você vai perder seu tempo entrando nesse tipo de negócio e talvez essa frustração inicial te impeça de ganhar dinheiro online de verdade.
    • Como ganhar dinheiro na internet fácil, isso é uma MENTIRA, ganhar dinheiro na internet é SIMPLES porém não é fácil. Se você estiver pensando em ficar rico da noite para o dia, lhe aconselho a jogar na mega sena, rsrs é a única forma que conheço de mudar de vida instantaneamente.

    O Que Funciona?

    Como disse anteriormente trabalho com internet a aproximadamente 10 anos ou mais, e neste meio tempo vi muita água rolar, produtos sendo criados, gurus sendo aplaudidos depois vaiados, cursos e mais cursos que prometiam rios de dinheiro em pouco espaço de tempo, do TIPO Ganhe dinheiro enquanto você dorme. Mais também acompanhei grandes profissionais que ainda são pessoas que vendem muito através da internet. Graças a deus não vivenciei apenas coisas ruins, tanto que hoje vivo exclusivamente dos meus ganhos na internet.

    E o que tem funcionado para mim?

    Bom a minha área de atuação hoje é como Afiliado de plataformas como Monetizze, Hotmart , Eduzz entre outras plataformas de venda de infoprodutos pela internet a fora, citei estas 3 por serem as mais conhecidas aqui no Brasil.

    E o que essas plataformas faz exatamente?

    É uma forma de publicidade on-line em que o publisher divulga produtos e serviços dos anunciantes em troca de uma comissão – que pode ser gerada por meio de cliques ou, ainda, por vendas e ações específicas.

    Por ex:

    Suponhamos que você queira vender um Produto X que custe 500 Reais para o Cliente final, e este produto paga 50% de comissão por venda que você fizer. Então a cada venda feita por você, receberá 250 Reais livre na sua mão. Agora digamos que você venda apenas um curso deste por dia 250×30 = 7.500 Reais no mês trabalhando de dentro de sua própria casa.

    É atrativo para você?

    Isso é o que tenho feito e que tem me gerado mais retorno atualmente, caso você tenha alguma expertise também pode desenvolver seus próprios produtos e ter um batalhão de pessoas vendendo na internet para você.

    Meu conselho final para você que realmente esta interessando em ganhar dinheiro na internet é, PESQUISE TUDO QUE PUDER SOBRE ESSE ASSUNTO, e estude e aplique este modelo de negócio na sua vida e você terá uma vida repleta de coisas boas, não apenas financeiramente como também em relação a tempo e liberdade de vida.

    Espero que tenha gostado do artigo!

    Convidados

    Comprar imóvel à vista ou financiar e deixar o dinheiro render?

    7 de março de 2017

    Compensa comprar imóvel à vista ou financiar e deixar o dinheiro render?

    Comprar imóvel em tempos de bolha imobiliária???

    Especialistas apontam que financiar para locar não vale a pena, mas qual a forma mais vantajosa de adquirir um imóvel?

    Comprar um imóvel à vista, com desconto, é sempre uma vantagem em relação ao financiamento? Depende da rentabilidade de seus investimentos. No momento atual, provavelmente o desconto para a compra à vista é a melhor opção.
    Para conseguir que os rendimentos de uma aplicação compensem as taxas de financiamento de um imóvel, é preciso cuidado e precisão nos cálculos realizados.

    “Se estivermos pensando em comprar um imóvel de 500 mil à vista, levando em consideração a taxa de desconto do mercado imobiliário atualmente, o ideal seria conseguir um desconto de 20% a 30% do valor do imóvel”, explica o entrevistado. Isso para garantir que sobrasse dinheiro para pagar as taxas, iniciar a decoração inicial e realizar algum investimento para reservas futuras.
    Considerando um mercado imobiliário que veio de um período de recessão e começa a se recuperar só agora, esse desconto é provável ao menos durante este semestre.

    No caso de um financiamento, dependendo da renda familiar dos compradores, a Caixa Econômica Federal está trabalhando com taxas Balcão de 8,85% ao ano mais Taxa Referencial (TR), conforme simulado pela tarifa Balcão Pró-Cotista.

    Dentro do exemplo do imóvel de R$ 500 mil, a entrada seria de 100 mil e o financiamento de 400 mil, com parcelas iniciais em torno de R$ 4000 mensais.

    “Sabemos que ao final do financiamento pagaríamos o dobro do valor do imóvel. Logo, teríamos que encontrar aplicações financeiras que rendessem bem mais que o valor da taxa de financiamento”, explica o Agente de Investimentos.

    Ele tomou como exemplo produtos financeiros que sigam o CDI, hoje com rendimento em torno de 13% ao ano, mas passando por movimento de queda – a estimativa é de 10% ao ano no fim de 2017. “Numa aplicação que seguisse 100% CDI e com liquidez, conseguiríamos por ano, uma rentabilidade média de 40 mil reais por ano. Não pagaria na totalidade nosso financiamento anual”, alerta.

    Um investimento conservador, portanto, “já não conseguiria ser tão mais vantajoso e renderia bem próximo ao valor das taxas de financiamento”.

    A alternativa ideal seria um retorno do CDI (aplicação conservadora) entre 5% a 7% a mais que o valor da taxa de financiamento, pois “com o rendimento adquirido anualmente, as parcelas seriam pagas e o comprador ganharia com a valorização do imóvel e do seu capital investido no longo prazo”.

    Portanto, a conclusão de Brown é que no momento atual o ideal para um perfil conservador de investidor seria realmente comprar um imóvel à vista com desconto considerável. “Com a eminente queda dos juros e da inflação, preferiria, caso conseguisse um excelente desconto no pagamento à vista, adquirir um imóvel à vista”, explica.

    “Senão, outra alternativa é ser mais arrojado na sua carteira de investimentos, em virtude da mudança de cenário que se desenha, e junto com seu assessor de investimentos possa fazer com que o capital investido consiga, através de seu rendimento, pagar as parcelas do financiamento adquirido”, acrescenta.

    Locação

    Tudo isso é considerado para uma compra com intenção de ocupar o imóvel. Adquirir uma unidade imobiliária com a intenção de receber renda de aluguel, Brown crava, não vale a pena. “Temos essa certeza”, diz, isso “em virtude do baixo yield dos aluguéis residenciais (0,4% ao mês em média) e do alto custo do financiamento” – apontado no item financiamento (8,85% ao ano + TR).
    infomoney.com.br/onde-investir/noticia/6148226/compensa-comprar-imovel-vista-financiar-deixar-dinheiro-render

    Até mais.

    Convidados

    Como consultar saldo do FGTS de conta inativa?

    15 de fevereiro de 2017

    Em dezembro de 2016, o presidente Michel Temer publicou a Medida Provisória 763/2016 que permite que o trabalhador possa sacar o saldo em contas inativas. Ou seja, não será mais preciso aguardar 3 anos seguidos, com a conta sem movimentação para conseguir o direito de saque do FGTS. Contudo, só foram agraciadas as contas inativas, isto é, as que se referem a contratos de trabalho encerrados até o dia 31 de dezembro de 2015

    Diante deste cenário, este artigo vai te ajudar a identificar o melhor caminho para consultar saldo do FGTS e também traz informações sobre a liberação do saque para contas inativas.

    consultar-saldo-fgts

    O que é FGTS?

    O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) funciona como uma poupança feita pelo empregador. O valor depositado equivale a 8% do salário total do trabalhador, somado de juros e correção monetária.

    O FGTS foi criado em 1966 com o objetivo principal de resguardar os trabalhadores em casos, por exemplo, demissão sem justa causa, doenças graves, investimentos em moradia, saneamento e infraestrutura. Além desses exemplos acima, existem um conjunto de situações em que o trabalhador ganha o direito de sacar o dinheiro depositado pelo empregador.

    Quem tem direito ao FGTS?

    O direito ao FGTS inclui todo trabalhador regido pela CLT, trabalhadores rurais, temporários, avulsos, safreiros, diretor não empregado, atletas profissionais e os jovens aprendizes. Mas atenção: no pagamento de estagiários não há recolhimento do FGTS.

    Como consultar o saldo do FGTS?

    A Caixa Econômica Federal disponibiliza várias formas para saber como consultar saldo do seu FGTS. Veja abaixo:

    • Internet Banking

    No site da Caixa, informe o NIS(PIS/PASEP), juntamente com a senha já cadastrada. Caso seja o seu primeiro acesso, clique em “Cadastrar Senha” e finalize o seu registro.

    • SMS

    Após realizar o cadastro no site da Caixa, informe o número do celular para receber SMS sobre toda movimentação da sua conta do FGTS.

    • Aplicativo

    Para conseguir acessar o seu perfil no aplicativo, é necessário informar o número do NIT e a senha. Não possui cadastro? Clique em “Primeiro Acesso” e realize o seu cadastro.

    • Agência da Caixa Econômica Federal:

    É possível consultar o saldo do FGTS comparecendo ao balcão de atendimento de qualquer agência da Caixa. Tenha em mãos o seu NIT ou PIS.

    • Telefone

    Ligue para 0800 726 0207.

    • Extrato Bimestral

    Com o endereço atualizado, é possível receber impresso o extrato da conta do FGTS.

    Saque de conta inativa do FGTS

    Conforme demonstrado na tabela abaixo, a partir do mês de março, serão iniciadas as retiradas do FGTS de contas inativas. De acordo com informações divulgadas pelo Governo, mais de 30 milhões de trabalhadores farão a retirada deste dinheiro.

    NASCIDOS EM: QUANDO SACAR:
    Janeiro e Fevereiro. A partir de 10/03/2017
    Março, Abril e Maio. A partir de 10/04/2017
    Junho, Julho e Agosto. A partir de 12/05/2017
    Setembro, Outubro e Novembro A partir de 16/06/2017
    Dezembro A partir de 14/07/2017

    O que fazer com o dinheiro do FGTS?

    Sacar FGTS ajudará muitos brasileiros em situações inadimplentes, especialmente devido o cenário econômico do país. Porém, existe uma parcela de beneficiários que estão equilibrados financeiramente e o valor sacado será uma grande oportunidade para investir em aplicações mais rentáveis.

    Isso porque o rendimento do FGTS é de apenas 3%, perdendo até mesmo para a caderneta de poupança. Assim sendo, realize o saque deste dinheiro e escolha investimentos que irão proporcionar melhores rendimentos. Uma boa alternativa seria os investimentos em renda fixa, em especial os títulos públicos federais prefixados e os indexados à inflação.

    Caso o objetivo seja buscar rentabilidades maiores com investimentos que possuem um certo risco, o Mercado de Ações pode ser uma opção a ser estudada. Existem inúmeras oportunidades para quem deseja angariar lucros rápidos em operações que se encerram no mesmo dia, como no Day Trade, além de operações com prazos mais prolongados.

    O importante é lembrar que a escolha sobre qual investimento é o mais adequado é bastante pessoal, já que depende fortemente do objetivo financeiro traçado pelo investidor.

    Convidados

    É um Bom Momento para Comprar Apartamento de Veraneio?

    14 de fevereiro de 2017

    Saber investir com a certeza de um bom negócio, nem sempre é tarefa fácil, ainda mais, quando se trata de uma região litorânea, onde os preços oscilam conforme a localização, o fluxo de turistas e o estilo de construção.

    Por isso, se você já começou a buscar um ótimo investimento para hoje e também está pensando em ganhar dinheiro no futuro, chegou a hora de conhecer um novo mercado de imóveis e precisa saber que comprar um apartamento em Praia Grande nos dias de hoje é muito vantajoso e um sonho possível.

    casa-de-veraneio

    Vou descrever alguns excelentes motivos para investir!

    Praia Grande é uma das cidades que mais cresce no litoral brasileiro.

    É uma cidade muito movimentada, na alta temporada, chega a receber 1,4 milhões de turistas. Não é a toa que ficou conhecida como a cidade que mais cresce no Brasil.

    Além disto, Praia Grande possui um dos mais belos pôr do Sol e uma extensa orla com aproximadamente 23 km de praias com maravilhosa brisa marítima, e temperaturas sempre agradáveis, com sol quase que durante o ano inteiro.

    Você precisa morar neste lugar incrível, dividida em 10 praias entre elas, a fascinante Praia do Forte, e a famosa Praia do Boqueirão região central também de comércios, bancos e grandes magazines é a mais procurada pelos turistas.

    Além das opções já conhecidas de lazer a cidade possui uma excelente infraestrutura de abastecimento de água, canalização de esgoto e energia elétrica. Tudo isto, pensando no seu bem estar.

    Por que morar na Praia Grande?

    Com as características de cidade litorâneas preservadas, mas também com o estilo urbano moderno, a linda Praia Grande encanta pela forma que mescla a singularidade de uma praia com a dinâmica de uma cidade turística, residencial, comercial e produtiva.

    Outros fatores importantes é a sua localização e acessibilidade. Praia Grande fica localizada próxima à região metropolitana da Baixada Santista com acesso fácil para a cidade de São Paulo. Além disso, você também terá acesso rápido a outras cidades vizinhas como Santos,  São Vicente e Mongaguá no litoral sul.

    As oportunidades para comprar apartamento na Praia Grande são reais, você tem opção de comprar um imóvel novo, próximo da praia, com facilidade de compra, financiamento e até permuta, e por um valor super interessante.

    Em Praia Grande as construções são com foco em lazer, conforto e funcionalidade

    As construtoras atentas ao crescimento denso da cidade, não apenas na quantidade de turistas que chegam à cidade em cada temporada, mas também aos novos moradores, oferecem possibilidades modernas e funcionais de moradia.

    Você vai encontrar apartamentos para qualquer tipo de perfil, como por exemplo:

    • Apartamentos com tamanhos vários tamanhos, dois ou três dormitórios, plantas e localização frente ao mar ou mais distante;
    • Apartamentos com plantas modernas, com espaços otimizados e designs que combinam perfeitamente com a energia do litoral;
    • Apartamentos com área de lazer, piscina, academia, sauna. Condomínios com ambientes muito agradáveis, segurança e economia até no valor do condomínio.

    Por isto, comprar um apartamento em Praia Grande é um negócio rentável, você poderá utilizá-lo como residência fixa, de temporada ou até mesmo alugá-lo.

    Onde comprar apartamento em Praia Grande?

    Para comprar um apartamento na Praia Grande, você não precisa passar horas circulando pela cidade ou fazendo buscas intermináveis em sites sem informações confiáveis, as imobiliárias credenciadas são os locais mais indicados para você fechar seu negócio de forma segura e fácil.

    Viu quantos bons motivos para investir e comprar um apartamento na Praia Grande? Se entregue as belezas da cidade, que possibilita trabalhar e se estabelecer e tenha mais qualidade de vida curtindo o litoral, e o melhor de tudo, sempre com a certeza de um ótimo investimento.

    Geral

    6 erros com dinheiro para corrigir hoje

    15 de julho de 2016

    Existem erros básicos que podem fazer total diferença na vida financeira das pessoas. Uma empresária e expert em finanças mostra de forma bem suscinta 6 erros com dinheiro para corrigir agora.

    A financial planner and successful entrepreneur shares 6 money mistakes you should correct today

    A planejadora financeira Alexa von Tobel é certificada e criadora do site Learnvest. Ela comenta que, com sua experiência na área, já viu vários erros acontecerem frequentemente nas finanças. Desta forma, em uma coluna do site Business Insider, ela lista os 6 dos piores erros com dinheiro:

    Não ter um fundo de emergência

    A vida acontece e traz surpresas que nem sempre são positivas. Assim, é importante sempre ter um plano de contingência acessível para caso as coisas não saiam como planejado. A recomendação é de ter investido em uma aplicação com alta liquidez ao menos seis meses das despesas cobertas, para assim se prevenir contra qualquer tipo de problema inesperado.

    Gastar mais do que deveria em moradia

    De modo geral, seus gastos com moradia não devem nunca superar 30% de sua receita. Pense bem seus gastos com financiamento, condomínio, impostos e manutenção. Talvez seja interessante mudar para outro bairro ou para uma casa menor.

    Pensar que dinheiro vivo é sempre melhor que crédito

    Claro que você precisa saber controlar seu uso de crédito frequentemente para não estourar as contas. Mas parar de usar seu cartão também pode ser ruim. Manter seus cartões ativos pode ajudar seu relacionamento com o banco e trazer benefícios como milhas para viagens, por exemplo. O importante é sempre quitar a fatura completa.

    Não poupar para a aposentadoria

    Um dos maiores arrependimentos financeiros das pessoas é não ter começado a poupar cedo o suficiente para a aposentadoria. É tentador ficar protelando essa responsabilidade e se focar em outras obrigações, mas isso não é o recomendado. Poupe o quanto antes.

    Poupar mais para a educação dos filhos do que para a aposentadoria

    Existe um motivo para colocar a própria máscara de oxigênio antes de ajudar os outros. É importante se comprometer a investir primeiro para você mesmo e para seu futuro antes de começar a ajudar seus filhos fazendo uma poupança para a faculdade deles. Eles podem financiar o ensino superior, o mesmo não pode ser feito para a aposentadoria.

    Manter segredos financeiros de seu cônjuge

    Dinheiro pode ser um assunto delicado, mas quando se trata de namoro ou casamento, é crucial falar com honestidade sobre o tema, até para manter um relacionamento saudável. Nunca será agradável falar sobre dívidas com o parceiro, mas é melhor do que enganar ou ser enganado por ele.

    Empresária e expert em finanças lista 6 erros com dinheiro para corrigir agora

    Até mais.

    Geral

    As pegadinhas em anúncios de imóveis na internet

    12 de maio de 2016

    Hoje em dia é muito comum as pessoas consultarem a internet na busca de casas e apartamentos. Como virou um meio comum na procura por imóveis, acabaram por surgir meios de ludibriar o possível comprador, por isto é preciso tomar cuidado. A comprar de um imóvel baseado no anúncio feito na web pode ser uma verdadeira cilada!

    A internet propicia que que todo tipo de negociação fique muito mais rápida e simples de ser feita, mas na hora de comprar um imóvel, a mesma pode não ser a melhor ferramenta para fechar um negócio. A InfoMoney entrevistou Marcelo Tapai, advogado especialista em direito imobiliário e presidente do Comitê de Habitação da OAB/SP para verificar quais são as maiores ciladas que um investidor que vai comprar pela web pode cair. Vale a pena conferir:

    • Anúncios com localização diferente
    • “São Paulo, por exemplo, é uma cidade com bairros muito grandes, então é comum ver anúncios de unidades no Anália Franco (bairro nobre na Zona Leste paulistana) e daí o apartamento é na Penha (bairro de classe média). Não pode comprar sem conhecer a vizinhança, o transporte do bairro, ver como ele funciona. As vezes um lugar que parece que é tranquilo de dia pode ser muito agitado de noite, por exemplo”, comenta Tapai.

    • Imóveis com problemas estruturais
    • “Uma boa pintura pode esconder uma infiltração séria em um imóvel que demandaria uma possível reforma”, relata o advogado. Boas fotos de um anúncio podem esconder problemas estruturais importante em um imóvel. Assim, o conselho do advogado é que o investidor não deixe de comprar um imóvel sem antes visitar com alguém que entenda de edificações e que possa verificar o estado da unidade.

    • Anúncio com imóveis com preços extremamente baratos
    • Um preço muito baixo, geralmente, tem alguma coisa errada. Das duas uma: ou é um “barato que sai caro”, como imóveis que têm problemas na documentação, como menciona Tapai, por exemplo, ou então eles simplesmente já foram vendidos e o corretor tentará oferecer outro imóvel por um preço muito mais alto.

      Nesse caso, a recomendação do advogado é que “nunca, de jeito nenhum e em hipótese nenhuma, o comprador decida adquirir um imóvel na primeira visita. O corretor vai se persuasivo, dizer que vários outros compradores também estão interessados e que o negócio não vai ser fechado depois, mas o melhor que você pode fazer pode faz é analisar a proposta com calma.

    pegadinha em anúncio de imóveis na web
    infomoney.com.br/imoveis/investimentos-imobiliarios/noticia/4968172/maiores-pegadinhas-anuncios-imoveis-web

    Veja também:

    Impeachment influencia no mercado imobiliário

    Até o próximo post.

    Filmes, Geral

    Reformas que podem fazer sua casa valer menos

    18 de abril de 2016

    Em tempos de bolha imobiliária, nada melhor do que evitar que o seu imóvel perca mais valor do que já perdeu com a crise imobiliária brasileira. Os irmãos gêmeos do programa Irmãos à obra (Jonathan e Drew Scott) mostram o que pode fazer o seu imóvel perder valor na hora da venda.

    property-brothers-irmaos-a-obra

    Caso você queira vender uma casa, por exemplo, que tenha um bom preço, precisará convencer os possíveis compradores de que aquela é uma boa opção. Para os apresentadores do reality show norte-americano Property Brothers (Irmãos à obra) as pessoas devem tomar cuidado ao reformar a casa, principalmente por conta de problemas na hora de fazer a venda da propriedade. Deve-se evitar fazer alguns tipos de “melhorias” no imóvel se você pretende vendê-lo com valorização no futuro. Veja a seguir algumas das reformas que eles não recomendam, conforme artigo do Business Insider:

    • Não se livre da banheira
    • Famílias que têm filhos pequenos normalmente gostam de uma casa que tenha banheira. “Você não precisa ter uma banheira na principal suíte da casa, mas mantenha a banheira no banheiro compartilhado ou no quarto da família”, disseram.

    • Não gaste muito dinheiro construindo um cinema customizado
    • Os irmãos alertam que muitos compradores podem gostar da ideia de ter um cinema em casa, mas nem todos estarão dispostos a pagar o valor que o cômodo normalmente acrescenta no preço. Além disso, acompanhar a evolução dos aparelhos de TV e sempre ter a melhor tecnologia em casa é um gasto ainda maior.

    • Não transforme sua garagem em outro quarto
    • Precisar de um quarto extra em sua casa não significa que você precisa modificar sua garagem para ter mais espaço. Em bairros onde a maioria das famílias tem um carro, os compradores querem ter uma garagem.

      “Se sua casa for a única sem garagem, muitos compradores nem a olharão”, explicaram os gêmeos, acrescentando que fazer mudanças em sua varanda ou porão é melhor do que eliminar a garagem.

    • Não construa uma piscina
    • “Na maioria dos casos, uma piscina não acrescenta valor o suficiente a uma casa para cobrir os custos de construí-la”, escreveram.

      Os custos de construir uma piscina são altos, mas não superam os custos de manutenção – e por isso muitos compradores consideram-na um incômodo. Por isso, a não ser que você more um uma região muito quente e utilize a piscina na maioria dos meses do ano, eles não aconselham a construção de uma se você pensa em revender o imóvel em breve.

    • Não construa cômodos muito específicos e que não possam ser modificados
    • Quartos e cômodos adicionados em uma casa podem parecer um bom investimento, mas de acordo com os irmãos, são um atrativo limitado. “A não ser que o mercado em que você está inserido possa sustentar esses tipos de luxo, eles simplesmente não valem a pena”, concluíram.

    • Não sacrifique quartos pequenos para guardar coisas
    • Se você tem um quarto extra em sua casa e pensa em reformá-lo para, por exemplo, transformar em um depósito ou closet, pense duas vezes. “Em bairros familiares, uma casa com três quartos pequenos tem mais valor do que uma com dois quartos e um depósito ou closet”, escreveram os irmãos.

      Por outro lado, se sua casa tem dois quartos de tamanho médio e nenhum maior, expandir algum deles é uma boa ideia.

    Até mais.

    Geral

    Desempregado: dicas para manter o orçamento de casa em dia

    25 de fevereiro de 2016

    O site AcreAlerta, sim, ele existe e foi um dos primeiros a alertar sobre dos diversos esquemas de pirâmides que inundaram o Brasil, entre eles o sublime Telexfree, ou seja, é um portal totalmente altruísta e voltado para ajudar os cidadãos a não caírem numa cilada ou sair de uma situação difícil.

    Bem, voltando ao assunto desemprego, algo mais do que comum hoje em dia com esta forte crise financeira criada pelos nossos desgovernantes nos últimos 13 anos, pense na seguinte situação, ficou desempregado hoje, por quanto tempo conseguiria manter sua vida sem precisar pegar dinheiro emprestados nos bancos e financeiras?

    Conforme especialistas, o ideal seria manter uma reserva de emergência que cubra pelo menos seis meses de todos as suas despesas e da sua família. Caso você ainda não tomou nenhuma atitude com relação a isso, fique sabendo que o aumento na taxa de desemprego, a qual chegou ao maior nível em oito anos no mês de outubro/2015, a perspectiva de agravamento da recessão e o aumento da inflação devem motivá-lo a iniciar uma avaliação de suas finanças neste momento.

    Confira as dicas de especialistas em finanças e planejadores financeiro a seguir:

    casal-jovem-endividado-dividas-familia-endividamento-desemprego-dinheiro-economia-financas-orcamento

    1. Saiba quanto ganha e quanto gasta
    2. Levante todos os gastos mensais, pequenos e grandes (cafezinho, transporte, lazer, comida, casa própria e outras prestações).

    3. Faça faxina financeira
    4. Defina o que é prioridade e reduza ou elimine gastos como TV a cabo, celular, baladas, restaurantes.

    5. Pense mais antes de decisões financeiras
    6. Em tempos de crise, as consequências de decisões erradas são mais duras. “Quando o dinheiro está sobrando, mesmo que tropece, você consegue consertar sem se apertar muito. Mas, quando o dinheiro falta, isso não é mais possível”, diz Police.

    7. Evite “comprar despesas”
    8. Quando compramos um almoço, comemos, pagamos e acabou a despesa. Mas há coisas que continuam gastando. Exemplo: um pacote de telefonia celular ou TV por assinatura.

    9. Evite tomar dinheiro emprestado
    10. Além de não saber se terá dinheiro no futuro para pagar, os juros tendem a subir.

    11. Crie reserva emergencial com a rescisão
    12. Guarde fundo de garantia, seguro-desemprego e demais verbas recebidas, pois é preciso pagar as despesas mensais e investir em algum curso para retomar a carreira. Só use o dinheiro após estabelecer uma estratégia, afirma Domingos.

    13. Não use o FGTS para quitar dívidas
    14. Não use o FGTS para quitar todas as dívidas de uma vez. Continue pagando as prestações aos poucos, para não ficar sem dinheiro que cubra eventuais despesas no futuro.

    15. Evite cartão de crédito e cheque especial
    16. Não utilize cartões de crédito, cheque especial ou cartão de lojas, pois os juros são muito altos. Se precisar de empréstimos, avalie outras linhas de crédito, como crédito pessoal ou refinanciamento de veículos.

    17. Mude seu padrão de vida
    18. Aceite que a situação mudou e não viva de aparências, que podem levar ao superendividamento.

    19. Busque fontes alternativas de ganhos
    20. Por mais distante que esteja de sua área de atuação, é hora de procurar um trabalho que garanta um mínimo de renda. Faça bicos, use a criatividade.

    21. Renegocie dívidas

    Enfim, não aguarde a situação piorar. Procure os seus credores, informe que perdeu o emprego e renegocie as dívidas buscando juros menores e prazos maiores de pagamento.
    acrealerta.com/negocios/categoria/comercio/perdeu-o-emprego-11-dicas-para-manter-o-orçamento-de-casa-em-dia.html

    Leia também:

    E-book: 49 dicas de economia doméstica

    Até o próximo post.

    Geral

    Bolha Imobiliária SP: Distratos

    16 de outubro de 2015

    Caso você seja um daqueles que caiu no conto do vigário do boom imobiliário, se empolgou, fez dívida além do que podia, errou nas contas e agora quer fazer um distrato, a AMSPA – Associação dos Mutuários de São Paulo e Adjacências pode te auxiliar:

    http://www.amspa.com.br/novo/quem-somos/
    AMSPA – Associação dos Mutuários de São Paulo e Adjacências

    Sobre a Amspa

    A AMSPA – Associação dos Mutuários de São Paulo e Adjacências, fundada em 01 de Julho de 1991, ou seja, há 21 anos e atualmente presidida pelo Sr. Marco Aurélio Rodrigues da Luz, vem se destacando na orientação em favor da população mutuaria.

    Somos a maior associação de mutuários do Brasil!

    A AMSPA tem como missão: reunir, instruir, representar e, principalmente, defender judicialmente ou extrajudicialmente a todos os proprietários de imóveis na planta ou financiados com um banco, através dos sistemas:

    Construtoras

    Obras em atraso.
    Taxa SATI.
    Taxa de corretagem.
    Rescisão de contrato.
    Vícios ou defeitos no imóvel.
    Formação de comissão de representantes.

    Bancos

    SFI – Sistema financeiro imobiliário.
    SFH – Sistema financeiro da habitação.
    Prestações em atraso.
    Saldo devedor que não diminui.
    Problemas com a liberação da hipoteca.
    Ou qualquer outro tipo de financiamento habitacional!

    Considerada a maior associação de apoio à população mutuaria brasileira, a AMSPA

    Nossos profissionais são altamente especializados no direito imobiliário.

    Com quase duas décadas de experiência em contratos do Sistema Financeiro da Habitação.
    A nossa entidade é totalmente informatizada.
    Atuamos em todo o estado de São Paulo. Em outros lugares consulte a nossa equipe.
    São 18 mil associados que estará do seu lado.
    Já são mais de 9 mil casos resolvidos, judicialmente ou extrajudicialmente.
    Confie a sua defesa em quem tem 21 anos de experiência.
    http://www.amspa.com.br/novo/quem-somos/

    Leia mais sobre o boom e bolha imobiliária aqui no blog:
    http://defendaseudinheiro.com.br/tag/bolha-imobiliaria

    Boa sorte no distrato, caso seja a melhor solução para o seu caso!

    Até o próximo post.