‘Business Insider’ Articles at Defenda Seu Dinheiro, Page 4

Browsing Tag: Business Insider

    Geral

    6 estratégias para ganhar dinheiro a partir do zero

    14 de junho de 2016

    Para quem quer chegar no milhão, alguns conselhos podem ser fundamentais e conseguem fazer toda a diferença. Poupar dinheiro é fundamental para aumentar o patrimônio, porém antes de pensar em guardar dinheiro é necessário primeiro ganhar, lembra o milionário Steve Siebold, segundo artigo do Business Insider. Steve já entrevistou 1.200 das personalidades mais ricas do mundo. “As pessoas estão tão preocupadas em juntar cupons de descontos e viver economicamente que acabam perdendo grandes oportunidades. Os ricos também reconhecem que economizar é importante, mas sabem que ganhar dinheiro é ainda mais relevante”, explica.

    Confiram lista abaixo com as melhores estratégias para aumentar sua riqueza, de acordo com milionários que construíram, do zero, seu caminho para o sucesso:

    Não é preciso ter dinheiro para ganhar dinheiro

    Os ricos querem sempre ser pioneiros e ter as melhores ideias, então eles não têm medo de apostar em seu potencial e de confiar seu futuro ao bolso de outras pessoas. “Os milionários sabem que o dinheiro está sempre disponível, já que as pessoas afortunadas estão constantemente à procura de bons investimentos que lhe proporcionem altas rentabilidades”, escreve Siebold.

    Além disso, você não precisa ter dinheiro para ganhar dinheiro: “A verdade é que você precisa ter boas ideias para resolver seus problemas e aumentar sua renda. Ideias criativas são o ponto chave para ganhar dinheiro, mas a maioria das pessoas está tão focada na origem do dinheiro, que ignora seus pensamentos, mesmo eles sendo os responsáveis por atrair a riqueza”.

    Crie diferentes fluxos de renda

    De acordo com o estudo de Thomas C. Corley sobre milionários, muitos deles buscam desenvolver diversos fluxos de renda, de modo a diversificarem seu portfólio e consequentemente, a entrada de capitais. O relatório mostra que 65% deles têm 3 fluxos distintos, 45% possuem quatro e 29% deles investem em cinco ou mais ativos diferentes.

    Dentre esses fluxos adicionais encontram-se o aluguel de imóveis, os investimentos no mercado de ações e participações em sociedades de negócios. “Três fluxos adicionais é o número mais comum entre os milionários, de acordo com meu estudo, mas quanto mais fluxos você criar em sua vida, mais segura será a sua situação financeira”, escreve.

    Coloque o seu dinheiro para trabalhar

    “O único motivo para guardar dinheiro, é para investi-lo”, escreve Grant Cardone, que estava totalmente endividado e sem dinheiro aos 21 anos de idade e conseguiu dar a volta por cima, alcançando o milhão aos 30. “Coloque o seu dinheiro em uma conta segura e ‘intocável’. Nunca utilize esse capital para nada, nem para uma emergência”, recomenda.

    Apesar de investimentos serem, em teoria, arriscados, é uma das melhores formas de ganhar dinheiro. Segundo Ramit Sethi, autor do best-seller “I Will Teach You to Be Rich” (Vou Te Ensinar a Ser Rico, em tradução livre), os milionários investem, em média, 20% de sua renda todos os anos. Isso acontece, porque o patrimônio deles não é medido pela quantidade de dinheiro que ganham ao final de cada ano, mas pela quantia que conseguem guardar e investir ao longo do tempo.

    Está passando por um problema? Liste 10 soluções para enfrentá-lo

    Quanto maior o problema, mais dinheiro você pode ganhar. Quais são os maiores problemas na sua indústria e na sua área de especialidade? Você consegue encontrar uma forma para resolver esses problemas ou ao menos simplifica-los?

    Pensar de forma criativa para solucionar problemas é a habilidade mais bem paga no mundo. Quanto mais problemas você resolver, mais rico você fica.

    Estabeleça metas e se visualize alcançando-as

    Se você quer ganhar mais dinheiro, é preciso que primeiro você tenha um objetivo definido, para depois, poder criar um plano visando alcançar esse propósito. O dinheiro não vai simplesmente aparecer, e portanto, você precisa trabalhar para isso.

    Um hábito comum às pessoas ricas consiste no compromisso em alcançar a riqueza, mas para isso, é necessário foco, coragem, conhecimento e muito esforço, habilidades que só são possíveis se você tem objetivos bem definidos e uma visão clara de onde quer chegar.

    Faça aquilo que gosta, que será recompensado

    Na opinião de Siebold, se você trabalhar com algo que gosta e tem aptidão, as chances de alcançar o sucesso são maiores: “Uma pessoa comum tem a impressão de que os ricos estão trabalhando o tempo todo, mas uma das estratégias mais inteligentes é fazer aquilo que gosta e encontrar uma forma de ganhar com isso”.

    “Ao invés de procurar um emprego com grande potencial de lucro, foque em um trabalho que forneça maior potencial de realização. Quando encontrar, invista o máximo de paixão e força de vontade no seu trabalho para que você se torne uma das pessoas mais competentes na sua área. Você será recompensado”, completa.

    Milionários ensinam como ganhar dinheiro
    infomoney.com.br/onde-investir/previdencia/noticia/5141181/milionarios-listam-estrategias-para-ganhar-dinheiro-partir-zero

    Geral

    Maneiras para eliminar gastos desnecessários com seu dinheiro

    6 de maio de 2016

    As pessoas que conseguem deixar de gastar com coisas fúteis tem um dos principais caminhos para uma vida financeira mais tranquila. É algo retórico, mas as pessoas costumam saber que é importante poupar para a aposentadoria. Guardar recursos para investir para o futuro envolve sacrifícios e tomar decisões responsáveis. Desta forma o site Business Insider, através do artigo How to stop spending money mindlessly da colunista Amanda Dixon, listou 7 maneiras para não gastar mais o dinheiro de maneira irresponsável. Confira a seguir:

    – Pague com dinheiro;
    – Descubra onde está desperdiçando dinheiro;
    – Peça para alguém ajudar na contabilidade;
    – Não compre tudo pela quantidade;
    – Não vá às compras sem uma lista;
    – Planeje suas refeições;
    – Pense bem sobre grandes compras;

    Outros detalhes a seguir:

    Infomoney: Veja 7 maneiras para eliminar gastos desnecessários com seu dinheiro agora
    Veja 7 maneiras para eliminar gastos desnecessários com seu dinheiro agora

    Até mais.

    Geral

    Mentiras que você conta quando está no vermelho e deve parar agora

    28 de abril de 2016

    Todo mundo deve saber que um mentiroso profissional é aquele que consegue convencer a si próprio da mentira que conta, como alguns mentirosos históricos, caso do Adolph Hitler, “ex-presidenti sem dedo” e por aí vai…Uma colunista do portal Business Insider (Tracie Forbes), a qual teve uma dívida de US$ 37 mil, listou várias mentiras que contava para si mesma quando estava no vermelho.

    Ao passo em que ela se encontrava nessa situação, acabou caindo em várias mentiras que contava para si própria com o intuido de lidar melhor com tal problema. O site InfoMoney traduziu 7 mentiras que você conta quando está no vermelho e deve parar agora. No artigo em inglês da Business Insider eram 10 ao todo.

    10 lies I used to tell myself when I was $37,000 in debt

    1. Eu não sou bom com dinheiro

      Essa simplesmente não é uma boa desculpa. A internet tem centenas de milhares de recursos disponíveis para você aprender sobre dinheiro. Se você não sabe fazer um orçamento, pode procurar online. Se está confuso sobre como fazer um plano para se livrar das dívidas, também há como buscar na internet. A informação está a apenas alguns toques, você só precisa encontrar.

    2. Eu mereço gastar meu dinheiro

      A colunista diz que concorda com isso, mas que você deve gastar o seu dinheiro e não um dinheiro que não tem. Se você está sem dinheiro no banco para comprar algo, tenha cuidado para usar o cartão de crédito. Ele pode proporcionar um momento feliz, mas como você se sentirá pagando por aquela roupa daqui a seis meses?

    3. Todo mundo tem alguma dívida

      Não, nem todo mundo. Muitas pessoas não têm dívida alguma, nem financiamento imobiliário. A colunista repete uma frase que sempre fala para seus filhos: Se todo mundo estiver pulando de uma ponte, você pularia também?”. É claro que não, mas é assim que muitos veem a questão do endividamento.

    4. Vou começar a me organizar mês que vem

      Está esperando o que? É como se fosse uma dieta: as pessoas geralmente dizem que vão começar na segunda-feira, mas daí aparecem com uma desculpa para adiar uma semana. Antes que você note, seis meses se passaram e, junto com eles, vários quilos apareceram. Comece hoje. O quanto antes você começar, melhor.

    5. Uma emergência nos deixa endividados

      Algumas vezes, emergências acontecem, você pode perder seu emprego, ou ter um gasto alto que não era previsto. No entanto, dizer que você ficou endividado para pagar isso não é uma emergência, é apenas mau planejamento. É importante ter um fundo de emergência de verdade e se planejar para as coisas que podem acontecer.

    6. Eu não estou tão endividado

      Não importa o tamanho da sua dívida, se pequena ou imensa, você tem que tomar passos para eliminar suas pendências e mudar a maneira como você pensa o quanto antes. É melhor resolver um problema cedo do que esperar as contas se acumularem como uma bola de neve.

    7. Eu só preciso fazer mais dinheiro

      Se você vive acima do seu padrão, como que mais dinheiro poderia ajudar? As chances são de que você vai simplesmente seguir vivendo acima do orçamento. Mais dinheiro não garante não ter dívida, basta ver a quantidade de celebridades que já faliram, mesmo fazendo milhões. Não é porque você tem mais que saberá gerenciar o que tem.

    Leia mais sobre falência e falidos clicando aqui!

    Como lidar com o fracasso financeiro

    Geral

    Conquistas financeiras para os jovens

    21 de abril de 2016

    No momento em que as pessoas se preocupam com investimentos ou finanças pessoais, a idade vai estar ao lado de quem está em torno seus 20 a 30 anos. Para quem começar investir e cuidar bem das finanças já nesta fase da vida pode ter imensos ganhos financeiros no futuro. Desta forma, o site Business Insider (13 things you should accomplish with your money before turning 30) listou coisas que uma pessoa deveria conquistar com próprio dinheiro antes de completar 30 ano. A InfoMoney colocou 11 destes itens que podem ajudar o jovem brasileiro. Confira abaixo:

    • Negocie seu salário
      Você não pode sentar e esperar que um aumento ou um bônus caiam no seu colo. Mesmo que seu chefe perceba o quanto você trabalha duro e é eficiente, ele ou ela não pagarão mais a você necessariamente. Você precisa pedir aquilo que deseja. O expert em finanças pessoais Farnoosh Torabi atesta: “você não consegue aquilo que merece. Você consegue aquilo que negocia”.

    • Construa um fundo de emergência
      A vida é chega de inesperadas, e muitas vezes caras, surpresas. Por isso que é crucial construir um fundo de emergência. O total a ser poupado é bastante pessoal, mas a regra geral diz que é importante ter reservado de três a nove meses de despesas. Até os 30 você já deve ter feito isso.

    • Invista em você mesmo
      As pessoas mais ricas e bem sucedidas estão constantemente exercitando seus cérebros e procurando maneiras de continuar a aprender depois da faculdade ou de qualquer tipo de educação formal. Isso inclui investir em cursos, conferências ou livros, por exemplo. Também invista na sua saúde, pode ajudar muito.

    • Poupe pelo menos 10% de suas receitas para a aposentadoria
      A aposentadoria nunca está distante demais para ser negligenciada, especialmente levando em conta que o tempo está ao seu lado quando você é jovem. De fato, quando você começa a poupar é muito mais importante do que o quanto você poupa, o que significa que a década dos 20 é crítica nesse sentido.

    • Estabeleça metas para poupar dinheiro
      Existem algumas despesas que provavelmente chegarão em um futuro próximo: uma casa, carro, férias e filhos, apenas para mencionar alguns, que requerem um hábito de poupar bastante regrado. O melhor jeito de conseguir isso é criar metas de poupança e então começar a acumular o quanto antes para alcançá-las.

    • Estabeleça metas de patrimônio
      Além das metas de poupança, é importante também estabelecer metas para as suas receitas anuais e seu patrimônio. O dinheiro não vai aparecer do nada, você vai ter que trabalhar para isso. Se você quer construir um bom patrimônio, precisa ter uma meta clara e específica antes de começar mesmo a se planejar para alcançá-la.

    • Faça um seguro
      Ninguém quer lidar com seguradoras, é algo complexo e confuso, mas aos 30 você precisa de cobertura adequada. Isso significa ter seguro saúde, de casa e de carro, por exemplo. Dependendo da sua situação, até um seguro de vida ou para seu animal de estimação podem ser opções interessantes. Também é inteligente que você crie um hábito de reavaliar seus seguros para ver se eles ainda cobrem o que você precisa e estão dentro do orçamento.

    • Crie um método para acompanhar seus gastos
      Aos 30, você já deve saber muito bem o quanto de dinheiro que está entrando e quanto está saindo. Além de se assegurar que você ganha mais do que gasta, você vai querer ser uma ideia muito certa se você está ou não no caminho certo com suas economias. Estratégias para controlar o fluxo de caixa incluem marcar cada compra feita em uma planilha ou caderno, ou ainda procurar aplicativos que possam fazer isso.

    • Tente fazer um bico
      É muito fácil focar em cortar os gastos e esquecer das receitas, mas as pessoas mais bem sucedidas contam com vários canais para conseguir dinheiro. Existem várias maneiras de como conseguir mais dinheiro, seja realizando pequenos serviços que tragam remuneração, ou ainda com outras formas de receita passiva, como alugando equipamentos, por exemplo.

    • Não invista somente em planos de previdência
      Ao se preparar para a aposentadoria, é claro que os planos de previdência são os instrumentos mais procurados pelos investidores no Brasil, mas é importante também procurar outras opções de investimento. Warren Buffett, o maior investidor do mundo, por exemplo, recomenda investir em fundos de índice de baixo custo para a aposentadoria.
      previdencia-social-x-previdencia-privada

    • Faça seus pagamentos automaticamente
      Com toda a tecnologia atual, não há desculpa para atrasar um pagamento. A maior parte das contas pode ser paga online e você ainda pode estabelecer a alternativa de pagamentos automáticos. Se você automatizar o pagamento de contas como TV a cabo, internet, telefone, entre outras, não terá que se preocupar sempre e nem atrasar os pagamentos.
      infomoney.com.br/onde-investir/previdencia/noticia/4894544/conquistas-financeiras-que-voce-tem-obrigacao-alcancar-antes-dos

    Veja também:

    Previdência privada vale a pena?

    Geral

    Sinais de que você nunca será rico

    19 de abril de 2016

    Para quem possui a meta de um dia ser milionário, precisa ficar ligado para saber se não estar fazendo algo de errado.
    Alguns costumes são difíceis de mudar, como por exemplo, dirigir pelas mesmas ruas e avenidas, frequentar os mesmos lugares, acordar no mesmo horário, comer nos mesmos restaurantes e assim por diante. Certas práticas com o próprio dinheiro também são comuns, porém é preciso ficar atento, uma vez que alguns deles podem estar levando-te para o caminho errado caso seu propósito seja ficar rico, conforme o artigo 9 signs you’ll never be rich do Business Insider.

    woman thinking - mulher pensando

    Confira abaixo os 9 sinais de que você nunca será rico:

    • Você ainda não começou a investir
    • Uma das maneiras mais efetivas de se ganhar dinheiro a longo prazo é por meio dos investimentos, e quanto mais cedo você começar a investir, melhor.

      “Em média, milionários investem 20% de suas rendas anuais”, escreve Ramit Sethi em seu best-seller “I Will Teach You to Be Rich” (Vou Te Ensinar a Ser Rico, em tradução livre).

      Quanto mais você conseguir aplicar, melhor. Isso não significa que pequenas quantias sejam insignificantes, muito pelo contrário, uma vez que o dinheiro se valorizará com juros compostos.

    • Você coloca mais ênfase em guardar do que em ganhar dinheiro
    • Guardar dinheiro é fundamental, mas para construir um patrimônio você não precisa só focar no quanto consegue juntar, mas também em quanto consegue ganhar.

      O milionário Steve Siebold diz que é importante ter estratégias para economizar, mas que as pessoas precisam começar a pensar em como fazer para ganhar mais. Para guardar dinheiro, você precisa ganhar primeiro. Uma técnica comum entre os milionários é que eles desenvolvem diferentes fluxos de renda e poupam de forma inteligente.

    • Você acredita que ficar rico está fora dos limites
    • “Pessoas comuns acreditam que ficar rico é um privilégio concedido apenas a pessoas sortudas”, escreve Siebold. “A verdade é que no mundo capitalista, você tem todo o direito de ser rico se está disposto a criar um grande valor para os outros”. O milionário sugere que a pessoa se pergunte: “Por que não eu?” e que depois comece a pensar grande. Pessoas ricas criam altas metas. Por que não R$ 1 milhão?

      3- Você está satisfeito com um salário estável e garantido
      Pessoas comuns preferem ser pagas com base no tempo de trabalho, por meio de um salário e horas fixas, enquanto as pessoas ricas preferem receber de acordo com seus resultados e são, muitas vezes, trabalhadores autônomos.

      “Não que as pessoas que trabalham de acordo com o ponteiro do relógio não se esforcem, mas este é o caminho mais demorado para o sucesso. A maioria sabe que ser autônomo é o caminho mais rápido para se alcançar riqueza”, diz Siebold.

      4- Você compra coisas que não pode pagar
      Se você costuma gastar mais do que ganha, é pouco provável que você fique rico. Ainda que você receba um aumento, não é aconselhável que isso sirva de justificativa para um suposto aumento no custo de vida.

      “Eu não comprei meu primeiro relógio de luxo ou carro até que meus negócios e investimentos produzissem múltiplos fluxos seguros de renda”, escreve o milionário Grant Cardone. “Seja conhecido pela sua ética de trabalho e não pelas coisas que você compra”, completa.

    • Você está perseguindo o sonho de outras pessoas e não o seu
    • Se quer ter sucesso, você precisa amar o que faz, ou seja, precisa estar determinado e seguir aquilo que acredita.

      Thomas C. Corley, escritor que passou cinco anos estudando milionários, conta que um erro comum é seguir o sonho de outras pessoas ao invés do seu, como o dos pais, por exemplo. “Quando você persegue o sonho ou o objetivo de outra pessoa, você tende a ficar infeliz com a profissão escolhida e isso reflete na sua performance. Você simplesmente não terá a paixão que é necessária para atrair o sucesso”, escreve o autor.

    • Você raramente sai da sua zona de conforto
    • Se você quer construir riquezas, ter sucesso ou se dar bem na vida, você terá que lidar com as incertezas e com possíveis desconfortos.

      “Um conforto físico, psicológico e emocional é um dos principais objetivos da classe média. Mas para aqueles que querem ser milionários, é preciso aprender a operar em um estado de constante incerteza”, escreve Steve Siebold.

    • Você não tem objetivos para o seu dinheiro
    • O dinheiro não vai simplesmente aparecer, você precisa trabalhar para que isso aconteça. Se você quer construir um patrimônio, estabeleça um objetivo claro e específico, antes mesmo de montar um planejamento financeiro para alcançar esse objetivo.

      Pessoas ricas tendem a se comprometer a alcançar riquezas, mas para isso é necessário, além de metas precisas, foco, coragem, conhecimento e muito esforço. O principal motivo para as pessoas não conseguirem conquistar seus objetivos é porque elas não sabem o que querem. As pessoas ricas são totalmente decididas: o que elas querem é riqueza.

    • Você gasta primeiro e guarda só o que sobrar
    • Se você quer ficar rico, você precisa guardar antes de começar a gastar. “O que muitas pessoas fazem quando recebem algum dinheiro é pagar todas as contas antes: aluguel, cartão de crédito, telefone, governo e etc”, diz o milionário David Bach.

      De acordo com Bach, melhor do que gastar e só depois guardar o “resto”, é poupar primeiro. Ele aconselha que a pessoa reserve no mínimo 10% da sua renda salarial e disponibilize o depósito automático, já que desta forma, ela nunca verá o dinheiro e aprenderá a viver sem ele.

    Até mais pessoal!