‘Apostas’ Articles at Defenda Seu Dinheiro

Browsing Tag: Apostas

    Convidados

    Pirâmide financeira baiana: D9 Clube

    7 de agosto de 2017

    D9 e MinerWorld: suspeita de operar um esquema de pirâmide financeira

    Na ação, bens como moto aquática e uma Harley Davidson foram apreendidos - Foto: Divulgação | Polícia Civil

    Crime de pirâmide financeira é desmontado em Itabuna

    Um esquema fraudulento que lesou milhares de pessoas e rendeu mais de R$ 200 milhões aos suspeitos foi desmontado no município de Itabuna (a 435 quilômetros de Salvador). A ação conjunta foi realizada pelos departamentos de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) e de Polícia do Interior (Depin). As informações foram divulgadas nesta sexta-feira, 4, pela Polícia Civil.

    Segundo o órgão, uma das ações ocorreu nesta quinta, 3, na sede da empresa conhecida como D9 Clube, na avenida Ruffo Galvão, no Centro de Itabuna. No local, foram apreendidos carros, uma moto aquática, uma motocicleta Harley Davidson, um servidor de internet e um drone.

    A investigação – que teve início na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) de Itabuna, com o delegado Humberto Matos – revelou que a quadrilha aplicava um golpe classificado como de cooptação progressiva de pessoas, também conhecido como pirâmide financeira.

    A empresa de fachada D9 Clube era utilizada para comercializar o serviço de treinamento de pessoas em apostas esportivas.

    Conforme a Polícia Civil, para atrair as vítimas, a empresa informava no site oficial e em redes sociais abertas que o percentual de lucro obtido com as realizações das apostas de seus clientes seria de 33% sobre o valor investido, com pagamento semanal durante um ano, e ao final, o valor principal investido seria devolvido.

    Os integrantes da quadrilha vão responder pelos crimes de estelionato, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, pichardismo (que é o crime contra a economia popular), exploração fraudulenta de credulidade pública. Este último crime se diferencia do estelionato porque o número de pessoas é indeterminado.
    fonte de consulta: atarde.uol.com.br/bahia/noticias/1883301-crime-de-piramide-financeira-e-desmontado-em-itabuna

    Vejam também:

    Sistema de ajuda mútua é golpe?

    28/07/17 06:00
    Internautas usam aplicativo PicPay para criar esquemas de pirâmide financeira e aplicar golpes

    04/08/2017 às 20:47
    Jogo para ganhar dinheiro no WhatsApp viraliza e polícia alerta perigo
    Chamado de Giro Solidário, o jogo, que adere a um tipo de ‘pirâmide financeira’, tem atraído adeptos nas redes sociais. Prática pode ser considerada uma contravenção penal, segundo a polícia

    Até o próximo post.

    Geral

    Motivos para não operar Opções Binárias, Forex e Trading Esportivo

    19 de novembro de 2016

    Opções binárias é fraude ou não? Confira este interessante relato:

    Como eu perdi dinheiro em Opções Binárias
    como eu perdi dinheiro em opções binárias

    Provalmente, muitos operadores do mercado, iniciantes ou experientes, já se questionaram se o comércio com as opções binárias pode ser considerado uma fraude. O broker em si, entre outros fatores, levam a pensar que tal operação seja um perigo. Seria muita ingenuidade imaginar que em um ramo como aquele do comércio com opções binarias não tenha sido cometida nenhuma fraude.

    No geral, todas as atividades financeiras que envolvem enormes somas de dinheiro resultam em grandes lucros. A vantagem do setor do comércio com opções binarias, entretanto, consiste em poder prever uma situação, como trader, e saber quem pode ser confiável para realizar um investimento e quem não pode.

    O primeiro passo para evitar uma fraude nas opções binárias é fazer uma análise atualizada e confiável dos brokers que lidam com o seu dinheiro.

    Como defender-se de forma eficaz contra as fraudes no comércio com opções binárias?
    Para decidir qual é o broker mais competente para confiar o dinheiro é preciso analisar bem todas as informações. Além do perfil dos melhores brokers fornecido por esta página numa lista atualizada, há também outros elementos que podem ajudá-lo.
    Opções binárias: uma fraude?

    O Dinheirama listou 3 Motivos para não operar Forex, Opções Binárias e Trading Esportivo:

    1 – Se for fraude, você não tem a quem recorrer no Brasil

    Estes mercados não são regulados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a entidade vinculada ao Ministério da Fazenda que é responsável pelo desenvolvimento, regulação e fiscalização do mercado de Valores Mobiliários por aqui.

    E a legislação é bem clara: “…a intermediação de valores mobiliários no mercado brasileiro só poderá ser realizada por instituições financeiras autorizadas a operar pelo Banco Central do Brasil…” (clique neste link para acesso completo).

    Ah, mas certamente você já ouviu dizer que lá fora é um mercado regulado, certo? Sim, lá fora existem empresas sérias e você tem a quem recorrer. Na gringa, sim; no Brasil, não. Aliás, “lá fora” a maconha e outros produtos ilícitos podem ser comprados em muitos estabelecimentos com a autorização dos órgãos locais. Mas aqui é o Brasil.

    2 – Estes mercados não possuem central de custódia e liquidação de ativos

    E o Kiko? Apesar de burocrático, a grosso modo este órgão, muitas vezes integrado ao sistema financeiro do país, é responsável por registrar e liquidar financeiramente as operações realizadas no mercado.

    No Brasil este papel é desempenhado pela CETIP, que através da centralização dos processos dificulta a intervenção de fraudes no sistema. E como estes mercados alternativos não possuem uma “Cetip”, é comum terem brechas para as mais diversas falcatruas (veja algumas aqui), ainda que existam empresas sérias neste nicho. No fim das contas, em termos tecnológicos, muitos destes canais não se diferenciam de um site de apostas.

    3 – Investir usando o cartão de crédito pode ser perigoso

    Eu também adoro comprar com cartão de crédito, pois isso gera milhas com as quais viajo “de graça” todo ano, mas quando a questão é investimento o buraco é mais em baixo. O problema é que quando se faz um aporte usando o cartão de crédito, não é possível identificar o investidor e isso por si só geraria uma complicação perante a Receita Federal.

    Imagine só: eu coloco R$ 500,00 através do meu cartão de crédito e dias depois recebo em minha conta 100 vezes este valor, fruto das minhas especulações bem-sucedidas num ambiente de confiabilidade duvidosa (se isso não tem nada a ver com lavagem de dinheiro, mudo meu nome para Bozo, ok?).

    E depois as pessoas não entendem porque os sites de aposta online não podem ser regulados… E entendem menos ainda quando eles somem do nada, levando o dinheiro delas. No mais, como eu não pretendo negociar nestes mercados, a minha opinião a respeito disto fica por aqui.
    dinheirama.com/blog/2016/02/25/motivos-nao-operar-forex-opcoes-binarias-trading-esportivo

    Até mais e seja sempre cuidadoso com sua análise de risco antes de alocar o seu rico dinheirinho…

    Geral

    Os perigos do Mercado Forex

    10 de dezembro de 2015

    No mundo existe um frenesi relativo aos investimentos no setor de FOREX (abreviação dos termos “FOReign EXchange”). Isto é fomentado por vários operadores, empresas e entidades, as quais possivelmente tem interesse em manter alta a movimentação e a atenção neste tipo de operação no mercado financeiro, mesmo que para tal seja necessário iludir investidores e omitir fatos importantes, quando não até mentir, enganar e prejudicar os pobres incautos.

    É um mercado tradicional hoje em dia, mas até alguns anos atrás era limitado aos operadores profissionais e que tinham interesse em operar nele sobretudo em conseqüência de operações de comércio ou investimentos internacionais (inclusas operações de hedging) ou para re-equilíbrios financeiros. Os casos de especuladores não eram muito comuns e quase sempre limitados a grandes operadores. Como todos os mercados de alta volatilidade e alto risco, o FOREX pode realmente oferecer altos lucros, assim como também existe o real e freqüente risco de realizar altas perdas, principalmente devido à alta alavancagem que possui.

    Em um dado momento o mercado começou a ter empresas que se dedicam a oferecer a qualquer investidor, mesmo os pequenos, o acesso a investimentos em FOREX. Para tanto frisavam as grandes possibilidades de lucro, omitindo porém as também grandes possibilidades de perdas. O mercado foi crescendo, alimentado por falsas promessas e ilusões, e foi se automatizando criando as ditas “plataformas”, ou seja sistemas informáticos que, oportunamente programados pelos investidores, supostamente teriam condição de administrar da melhor forma os investimentos, proporcionando altos lucros com suposta segurança (a grande possibilidade de haver perdas, como sempre, é omitida).

    Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção

    Atualmente costuma-se a receber propostas de empresas que criaram sistemas de trading automatizado de FOREX e que, em certos casos, também funcionam como corretoras, declarando as maravilhas de seus sistemas que podem alcançar lucros de 10% a 50% ao mês. Nunca é mencionado o fato que é igualmente possível ter perdas do mesmo vulto, ou até maiores. No caso de perdas a culpa é imediatamente colocada na má programação ou parametrização da plataforma/sistema, ou seja em “erros” do investidor e não nos riscos inerentes ao mercado.

    Vale a pena entender que o mercado FOREX é um mercado relativamente restrito, mas falando-se de trading com visão de curto/médio prazo, quando alguém ganha numa transação, outro alguém estará perdendo. Por esta razão são falsas e perigosas as promessas e ilusões de ganhos fáceis e praticamente seguros para todos que entrarem neste mercado. Para alguém ganhar, alguém outro, no mesmo mercado, deverá perder, ou seja, é IMPOSSÍVEL todos ganharem, o que faz deste mercado um mercado de alto risco onde os possíveis lucros não são nada assegurados e sempre associados e igualmente possíveis perdas.

    Vale ainda ressaltar que existem muitos casos já comprovados de falsas ou fraudulentas “corretoras” de FOREX, que se aproveitam do boom no setor e, usando estruturas virtuais, paraísos fiscais, sites chamativos mas contendo falsas informações, trade systems on-line supostamente infalíveis e outras artimanhas, visam atrair incautos e ingênuos investidores que serão roubados e/ou fraudados em seguida, com várias modalidades, perdendo os valores confiados a estas “empresas”.
    Neste caso um dos mais freqüentes indicadores de ma fé é justamente a divulgação da suposta “segurança” do investimento e o sistema, ou da “ausência de riscos”.
    http://www.fraudes.org/showpage1.asp?pg=285

    Não esqueça de um ditado do pôquer:
    – Se após meia hora de jogo você não identificar quem é o pato, é porque você é o pato!

    Leia também:

    Até o próximo post.

    Filmes

    O Apostador – Filme 2014

    8 de novembro de 2015

    Para aqueles que são viciados em apostas este filme é ótima pedida. O que não falta no mercado financeiro são viciados no “cassinão”.

    É narrado a história de Jim Bennett (Mark Wahlberg) que é um professor de literatura com um vício irrefreável em apostas. Como ele gastava tudo o que ganhava com jogo, a solução sempre era pegar empréstimos com agiotas para continuar jogando e esta mania incontrolável o coloca em apuros com gângsteres.

    o-apostador-the-gambler

    Até o próximo post.

    Geral

    Viciados em apostas

    23 de abril de 2013

    No Brasil mesmo sendo ilegais, os jogos de azar(cassino, bicho, bingo, etc.) atraem muitos adeptos.
    Fica a pergunta:
    – Por que o governo não libera estes jogos e traz este dinheiro que está na economia do submundo para economia formal e assim capta mais dinheiro de impostos que podem ser usados para área de saúde e desta forma poder tratar melhor os eventuais viciados em jogos de azar?
    Com este dinheiro o governo também poderia investir em educação, a qual é a base para ensinar as pessoas a usarem o dinheiro e a própria vida de forma responsável, além, claro, de usar estes recursos em muito mais outras áreas.

    Se as apostas nas loterias da Caixa(do governo federal) são liberadas, apostas em cavalos também, por que não liberam os outros tipos de jogos?
    A desculpa de que seriam usados para lavagem de dinheiro é papo furado, pois criminosos financeiros lavam dinheiro em tudo que se pode imaginar neste país quando a fiscalização NÃO é feita de forma efetiva. Inclusive lavam dinheiro até em instituições públicas. A criatividade dos fora da lei é imensa.

    Liberando todos os jogos, teria mais dinheiro até para se criar novos órgãos de fiscalização, contratar mais fiscais, treiná-los e criar sistemas mais eficientes anti-fraude.

    Infelizmente a hipocrisia ainda reina neste país e parece que a falta de conhecimento de números também. Se não me engando apenas no Brasil, Cuba e Afeganistão são proibidos os cassinos.
    Como não existe arrecadação de impostos destas atividades ilegais e informais, se faz necessário tirar dinheiro de outras áreas para tratar os viciados em jogos pela rede de saúde pública.
    Acorda Brasil!!!

    Vejam também:

     

    Até o próximo post.